resistrores

Páginas: 5 (1141 palavras) Publicado: 1 de dezembro de 2014



INTRODUÇÃO
Este trabalho tem como tema “como seria a vida sem energia elétrica?” Para discorre sobre este tema é necessário voltar a tempos históricos (Feudalismo) em que o homem não usufruía deste recurso tão importante e essencial para sobrevivência do homem no mundo moderno e tecnológico.Buscando exemplos de momentos pós em que foi vivenciado “apagões” e foi mostrado o cãos que eles causaram para a vida moderna dependente da eletricidade. Neste trabalho foi citado também os prejuízos para a vida humana sem eletricidade,como por exemplo a impossibilidade de produção e armazenamento de vacinas ,assim como o desenvolvimento da medicina.COMO SERIA A VIDA SEM ENERGIA ELÉTRICA?

A humanidade sobreviveu a muitos estágios evolutivos na sua longa história neste planeta. Duas descobertas, em particular, têm moldado o futuro da nossa raça como nenhuma outra: A pólvora e eletricidade. A primeira foi certamente a causa de muitas tragédias, enquanto a última ajudou a empurrar a raça humana para frente, embora tenha causadodanos consideráveis à natureza.
Juntos, os dois fizeram as guerras mais destrutivas. Mas, considere, se a eletricidade fosse um dia desaparecer sem aviso. A Falta de energia elétrica para os dispositivos pode ser a preocupação imediata que vem à mente, mas o problema maior seria ainda mais abrangente quando se considera que o mundo moderno foi construído em torno da dependência elétrica.
Aeletricidade é, talvez, o coração da civilização trabalhadora. Sem ela as cidades de modo provável iriam desmoronar no caos.Este cenário da vida moderna sem eletricidade na série fílmica Revolution, definida em 15 anos após um apagão global de causa desconhecida.No Brasil,temos exemplos de blecautes que atingiram São Paulo,Bahia,recife.Na cidade de São Paulo o blecaute atingiu alguns municípios vizinhosna noite de 29 Junho1971. O apagão se deu após o rompimento de um cabo de 230 mil volts na estação transformadora de Pirituba zona noroeste da capital paulista, interrompendo a transmissão de energia elétrica. O incidente levou à paralisação de indústrias e causou transtornos no trânsito paulistano com o desligamento de semáforos. A duração do corte variou de 20 minutos a três horas em algunsbairros. Na Região Nordeste  durante duas horas na noite de 03 de março 1972. O blecaute começou por volta das 17h em alguns municípios pernambucanos e às 22h30min chegou a todas as cidades situadas entre Salvador e Fortaleza A causa do incidente foi um princípio de incêndio em uma das usinas de Paulo Afonso.
Salvador ficou completamente paralisada com o apagão que afetou toda a cidade. Oshospitais foram os mais prejudicados. Na Maternidade Tsila Bambino, os médicos tiveram que realizar os partos à luz de velas. O Elevador Lacerda e o Plano inclinado  pararam duas vezes, com centenas de passageiros nas cabines, mas não houve pânico. Os jornais matutinos chegaram às bancas com atraso
No Recife, ficaram, interrompidos o trânsito e estabelecimentos comerciais fecharam as portas. Tambémdevido a um blecaute. Os taxis da cidade não foram suficientes para atender à demanda repentina de pessoas que queriam voltar imediatamente às suas casas





Volta ao Feudalismo X Fim do Mundo Moderno


Volta aos tempos feudais nós faz refletir sobre as implicações em nosso vida com a ausência de eletricidade. Nós teríamos que reaprender a cozinhar, lavar, transportar, se divertir e  viversem os dispositivos que usamos todos os dias. E sem eletricidade, o tratamento médico seria medieval. Isso é algo que muitos não estariam preparados.
No mundo moderno quase todos os aparelhos ou máquinas rodam tanto com gasolina quanto com eletricidade. É difícil imaginar um mundo de hoje, na ausência de energia elétrica. A vida sem ela representa tentar imaginar o planeta sem chuva, ou seja,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!