Resenha sobre o livro A História da Riqueza do Homem

Páginas: 6 (1486 palavras) Publicado: 27 de outubro de 2014
Resenha sobre o livro A História da Riqueza do Homem



Leo Huberman nasceu em Newark, Nova Jersey em 1903. Estudou na New York University e School of Economics, em Londres. Foi professor aos dezoito anos e presidente do Departamento de Ciências Sociais do New College, da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos no ano de 1938. Escritor marxista e co-fundador da revista Monthly Reviewpublicou inúmeras obras, como “A História da Riqueza do Homem” e “A Riqueza das Nações”, ambas de 1936; “Che Guevara Guerra de Guerrilhas” (1961) e “O socialismo em Cuba” (1968). Em 09 de novembro de 1968 Huberman acabou falecendo.
O livro A História da Riqueza do Homem foi publicado em 1936 após pesquisa realizada na Faculdade de Economia de Londres. O mesmo nos trás o contexto histórico desde aera feudal até o capitalismo, explicando a teoria econômica por meio da história.
Na era feudal a sociedade estava dividida em três classes: a classe trabalhadora que era os servos, a dos senhores feudais e a do clero que era formado pelos membros da igreja. A classe trabalhadora era responsável pelo sustento das demais e pelo trabalho pesado.
As terras estavam divididas em feudos, que erampedaços de terra. Cada feudo possuía o seu senhor, e consequentemente os senhores possuíam seus servos que eram responsáveis por todo o trabalho dentro do feudo. Em troca disso o senhor feudal sedia ao servo uma parte de terra que ele cultivava para o seu sustento.
Quando chegava a colheita o servo era obrigado a colher primeiramente as terras do senhor e colocar a colheita em lugar seguro, pois elanão poderia sofrer qualquer dano. Somente após colher as terras do senhor, o servo poderia colher a sua terra.
Para o clero o servo era obrigado a pagar o dízimo, para ter proteção espiritual e principalmente para ter seu lugar no “céu”. Por esse motivo a igreja daquela época tornou-se uma das maiores proprietárias de terra.
O escritor também nos trás o aparecimento do comércio, e como que ele sedesenvolveu.
Naquela época poucos eram aqueles que possuíam dinheiro guardado, a não ser a igreja. Os que possuíam dinheiro ele era inativo, pois tudo que precisavam era adquirido através do escambo, onde trocavam uma mercadoria por outra.
Com o surgimento do comércio surgiu também os empréstimos, mas era proibido pela igreja a cobrança de juros, pois ela era contra o acúmulo de bens. Entãodevia cobrar somente a quantia que foi emprestada e nada a mais. Pois igreja pregava que o homem deveria ter somente aquilo que necessitava, a acumulação era considerada pecado.
As cidades começaram a crescer surgindo uma nova classe social a dos mercadores. Com o surgimento do mercado, a moeda então começou a ganhar valor.
No início da Idade Média, o comércio se detinha em relações dentro de ummesmo feudo. Com a evolução das cidades e com o estabelecimento da moeda, as relações mercantis passaram a se estender para lugares mais distantes.
O desenvolvimento da indústria e o êxodo rural fez com que as pessoas fossem para as cidades. E na cidade cada um começou a ser mais responsável por si mesmo, sendo que os problemas que eram resolvidos antes coletivamente passaram a ser resolvidosindividualmente. Surge então o “individualismo”, que foi marcante na sociedade industrial (BRÜGGER, 1999).
Huberman aborda a separação do campo e da cidade que implica na divisão de trabalho: ao primeiro compete a agricultura e ao segundo a indústria. Infelizmente isto promove o individualismo. Nas cidades a organização de corporações faz surgir o burguês, aquele que explora os outros porconsiderar-se superior. Nesta época já existia as “favelas”. O burguês da sociedade moderna ocupa posições sociais ascendentes e possui moradia em lugares privilegiados.
A partir do século XV, surgem as nações e começam a ser elaboradas as leis. Surgindo assim, um Estado Nacional, com autoridade central, o rei. O feudalismo entra em decadência e o Estado Nacional passou a atacar a maior defensora do...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Resenha Crítica sobre o livro História da Riqueza do Homem
  • Resenha do livro: "a história da riqueza do homem"
  • Resenha do livro: a história da riqueza do homem. leo huberman
  • Questões sobre o livro história da riqueza do homem
  • História da Riqueza do homem
  • Resumo do livro: a historia da riqueza do homem
  • Resumo do livro A Historia da riqueza do homem
  • Resumo do Livro – História da Riqueza do Homem

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!