Resenha - os índios na visão dos portugueses

Páginas: 8 (1779 palavras) Publicado: 5 de agosto de 2012
Introdução

O livro relata os processos de dominação sofridos pelos indígenas durante a colonização, que causaram a opressão desses povos bem como os meios usados para a conquista da terra .

Os índios na visão dos portugueses
Uma visão paradisíaca do Brasil

     O que sabemos em relação ao que ocorreu após a chegada nos navios portugueses comandados por Pedro Álvares Cabral em 1500 emsolo brasileiro se dá pelas cartas de Pero Vaz Caminha; que possuia uma visão deturpada dos indígenas, relacionando-os a selvagens de corpos saudáveis e aparência robusta.
    Nos primeiros contatos houveram trocas de objetos à distância, como forma de saudação. Na ótica portuguesa os indios eram povos que não trabalhavam ou acumulavam excedentes, se alimentavam de caça e colheita e andavam nus.Tinham uma ótima convivencia com o meio em que viviam como se a natureza se encarregasse de os fornecer tudo o que precisavam, tornando suas vidas mais fáceis. Diferentemente da Europa o novo continente tinha um clima agradável e tropical e os portugueses se referiam a terra como o paraíso. 

Uma sociedade sem governo

Os indios levados por Afonso Lopes não se adaptaram ao estilo de vidaeuropeu. Caminha então começou a perceber que aquela etnia não possuia nenhum sistema de governo, nenhum individuo possuia autoridade acima dos demais capaz de falar em nome de todos. 

Os europeus tentaram compreender a sociedade indígena

Como os índios não possuiam um sistema economico, politico nem legislativo, bem como templos e uma religião, Vespúcio concluiu que nada do mundo "civilizado"lhes era comum. Pero de Magalhães disse que no idioma indigena as letras R, L e F não existiam e ficou surpreso já que desse modo eles também não tinham rei, lei ou fé e por viverem "na desordem" por não possuirem peso nem medida; se dando conta que aquele tipo de sociedade era igualitária, um modelo extremamente diferente do povo europeu daquele século.

O olhar dos conquistadoresInconformados com a falta de religião e suas crenças pagãs, os portugueses resolveram catequizar e "civilizar" os índios, acreditando que seria uma tarefa fácil, contudo tanto otimismo foi enfraquecido pela resistência indígena.

A guerra entre os índios: um enigma
A guerra e a troca

Um aspecto curioso dos povos indígenas era o estado de guerra permanente. Na ótica européia somente os conflitosgerados pela cobiça e corrupção era capaz de levar à tal estado; e, não possuindo noções de monetariedade e propriedade privada não tinham tais fatores de conflito. 
Algumas explicações encontradas, como a do sociólogo Florestan afirma que aspectos como as pilhagens, o canibalismo e a vingança entre povos poderiam levar ao estado de guerra que se encontrava nos povos indígena, além disso tambémafirma que tais guerras estavam ligadas à um equilíbrio ecológico; já por Lévi-Strauss, os povos podiam relacionar seus acordos tanto de forma violenta pela guerra ou de forma pacífica através de trocas.
As trocas se consistiam tanto em objetos como também mulheres, ocasionando alianças entre povos. Contudo, se alguma das tribos se sentisse lesada surgiam conflitos. Tais trocas podiam simbolizarguerras em potencial, pacificamente resolvidas ou não; fazendo de combates resultados de transições dentro das sociedades. 

A lógica da guerra primitiva

Pierre Clastres afirma que uma característica primordial de povos primitivos é o fato de serem voltados para a guerra, sendo substancialmente guerreiras e não comerciais, concluindo que não são as trocas a semente dos conflitos, uma oposiçãoao pensamento de Strauss. 
As guerras indígenas, diferentemente das européias não tinham como objetivo a aniquilação dos inimigos e muito menos o intuito de leva-los a servidão, uma vez que perdendo a característica fundamental do igualitarismo perderiam também a noção de dignidade indígena do guerreito. 

O ritual antropofágico

Alguns povos possuiam rituais antropofágicos, em muitas vezes...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A visão dos portugueses sobre os índios
  • Portugueses X índios
  • Africanos indios e portugueses
  • Os índios vistos pelos primeiros portugueses
  • Cultura deixada pelos indios, negos e portugueses
  • A visão de Clenardo sobre Portugal e os Portugueses
  • Resenha
  • Análise sobre o índio na visão de Caminha

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!