Resenha GUMPERZ, J. J. Convenções de contextualização. In: RIBEIRO, B. T. e GARCEZ, P. M. Sociolinguística Interacional. São Paulo: Edições Loyola, 2002

Páginas: 3 (513 palavras) Publicado: 17 de setembro de 2014
Em GUMPERZ, J. J. Convenções de contextualização. In: RIBEIRO, B. T. e GARCEZ, P. M. Sociolinguística Interacional. São Paulo: Edições Loyola, 2002 o autor e pesquisador aborda as interaçõesconversacionais, Gumperz faz uma intensa reflexão sobre as noções de contexto, intersubjetividade, compreensão mútua e sobre o uso da língua em geral. Por meio de exemplos obtidos através de entrevistasaudiovisuais, observações documentadas e análises, nos expões que existem interferências conversacionais que definem as características das diversas interações verbais. Dentre essas características ascitadas pelos organizadores da obra (RIBEIRO, B. T. e GARCEZ, P. M) são: a contribuição da pragmática; a teoria dos atos da fala que surgem como subsídio para a compreensão dos processos de interferênciaconversacional; a perspectiva da comunicação face a face; elocução a partir de sua inserção em uma sequencia conversacional; Construções hipotéticas sobre os propósitos comunicativos e a condição dofalante em relação a seu conhecimento de mundo como condição ecológica.
O objetivo de Gumperz é, sobretudo, evidenciar as diversidades linguísticas sem depender das categorias sociais. Para o autor“As diversidades linguísticas funcionam como um recurso comunicativo nas interações verbais do dia-a-dia” (GUMPERZ, 2002, p. 150).
Como parte dos propósitos comunicativos estão, como citadas no peloautor, as pistas de contextualização que são definidas como traços linguísticos que contribuem para sinalização de pressuposição contextual e é a identificação ou não dessas pistas que definem uma (A)sincronia conversacional. Entre os fenômenos de contextualização definidos como pistas estão expressões pré-formuladas, fenômenos de alternância de código, sinais prosódicos, lexicais e sintáticos.
Aoexemplificar seus estudos o autor utiliza, entre as muitas interações constantes do texto, uma conversação entre um casal que ilustra as diferenças de interpretação em uma locução que faz com que...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Psicologias: uma introdução ao estudo de psicologia. BOCK, A. M. B.; FURTADO, O.; TEIXEIRA, M. L. T. São...
  • Freire, j. b. "educação de corpo inteiro". são paulo scipione, 1992.
  • Resenha
  • P l a n e j a m e n to a m b i e n ta l
  • FICHAMENTO: PINSKY, J. Hebreus: os profetas sociais e o deus da cidadania. In: PINSKY, J: PINSKY, C. (org.). História da...
  • Ficha de resumo bretton, philippe, proulx, serge. sociologia da comunicação. são paulo: loyola, 2002. (p. 17-38)
  • Fichamento: IN: BAGNO, M. Dramática da Língua Portuguesa. Tradição gramatical, mídia exclusão social. São Paulo. Loyola,...
  • Análise crítica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!