Resenha do Livro Carne e Pedra

Páginas: 10 (2274 palavras) Publicado: 2 de dezembro de 2014
Resenha
UMA HISTÓRIA DO CORPO NA IDADE MÉDIA
LE GOFF, Jacques & TRUONG, Nicolas. Uma História do corpo na Idade Média. 4ª ed. Rio de
Janeiro: Civilização Brasileira, 2012, 208 p.
CÉSAR AUGUSTO DA SILVA FOGA
Jacques Le Goff e Nicolas Truong trazem, em “Uma história do corpo na Idade
Média”, um importante estudo sobre a figura do corpo na sociedade medieval. Com 208
páginas, o livro édividido em prefácio, introdução, quatro capítulos e conclusão. Os quatro
capítulos são, “Quaresma e Carnaval uma dinâmica do Ocidente”, “Viver e morrer na Idade
Média”, “Civilizar o corpo” e por fim, “O corpo como metáfora”.
No prefácio do livro os autores consideram que o corpo é ainda um tema
esquecido pela historiografia e que dessa forma, a história do corpo ainda está por ser feita.
Paraembasar essa afirmativa, os autores frisam que onde há mudança há história, logo, como
a própria concepção do corpo sofreu modificações nas diversas sociedades ao longo do
tempo, o mesmo deve ser tema para a história. Ainda no prefácio os autores argumentam que
foi o cristianismo medieval o responsável pela glorificação do corpo, através da encarnação
da figura de Jesus e também dos sacramentos.Após tal discussão, os autores justificam que o corpo por muito tempo não foi
considerado objeto de estudo histórico porque até então o mesmo era considerado apenas
pertencente à natureza e não à cultura. E foi apenas a partir de seu mergulho nas ciências
sociais que a história cedeu espaço ao corpo e suas aventuras, um dos estudos pioneiros foi a
obra de Johan Huizinga, “O outono da IdadeMédia”.
A pertinência do livro elaborado por Jacques Le Goff e Nicolas Truong é
devolver ao corpo sua razão de ser, mais especificamente no período histórico que
corresponde à chamada Idade Média. E indagam, porque justamente a Idade Média? Logo,
contestam que essa época provocou uma revolução nos conceitos e nas práticas corporais,
também, ressaltam que a Idade Média é a matriz do nossopresente, “Essa Idade Média da
Resenha recebida em 10 de Novembro de 2013 e aprovada para publicação em 21 de Janeiro de 2014.

Mestrando em História pelo Programa de Pós-Graduação “História e Sociedade” da Faculdade de Ciências e
Letras de Assis - Universidade Estadual Paulista. E-mail: cesarfoga@hotmail.com

Revista Ars Historica, ISSN 2178-244X, nº 7, Jan./Jun., 2014, p. 180-184. |www.historia.ufrj.br/~ars/

180

nossa infância, que não é negra nem dourada, se instaura em torno do corpo martirizado e
glorificado de Cristo”.
No primeiro capítulo, intitulado, “Quaresma e Carnaval: uma dinâmica do
Ocidente”, os autores argumentam que o significado do corpo para a sociedade medieval é um
verdadeiro paradoxo, pois, é glorificado e repudiado ao mesmo tempo. Segundo os autores
essarepressão se dá em razão do espaço central que era dado ao corpo no imaginário e na
própria realidade medieval. Ademais, o corpo era considerado então a prisão e o veneno da
alma, isso relacionado com o ideal ascético, onde o desprezo pelo mundo no meio monástico
é nada mais que o desprezo pelo próprio corpo.
Retratam ainda a repugnância em relação aos fluidos corporais, o esperma e o
sangue.Versam que uma das razões da relativa inferioridade da mulher na sociedade
medieval é o fato da mulher menstruar. E, tanto o esperma quanto o sangue eram
considerados o ápice da depreciação corporal. Le Goff e Truong explicitam as origens da
repressão sexual, para os autores essas raízes têm suas origens na Antiguidade Tardia, onde o
cristianismo realizou essa reviravolta do corpo. Segundoeles, em Paulo assistimos a
diabolização do sexo e da mulher. Para ilustrar essa renúncia, é utilizada a figura de Santo
Agostinho, esse homem novo do cristianismo, convertido que abandonou os prazeres do
mundo. Assim, teólogos e filósofos medievais reconhecerão que o chamado pecado original
está relacionado ao pecado sexual.
Após discorrerem sobre a questão do sexo, as análises dos autores...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Livro
  • Carne e Pedra
  • Carne e Pedra
  • Nem Carne, Nem Pedra
  • Carne e Pedra, a imagem obsessiva.
  • Livro a carne
  • Resumo do livro a carne
  • A metamorfose do livro: da pedra ao eletrônico

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!