Resenha crítica - o teatro dos vícios

Páginas: 12 (2835 palavras) Publicado: 20 de maio de 2012
O teatro dos vícios
O objeto desta análise, “O teatro dos vícios” foi escrito por Emanuel Araújo e publicado pela Editora Universidade de Brasília em 1997 (2ª edição). O autor possui suas teses de mestrado e doutorado na área de história antiga, realizadas na Universidade de Brasília (1968/1969) e sua área de atuação é abrangente, envolvendo História Antiga, Medieval e do Brasil (períodocolonial, especificamente).
O eixo principal da análise é a história social e das mentalidades no Brasil colonial, narrada de forma mais ampla, buscando fugir do caráter micrográfico da historiografia tradicional. No prefácio o autor descreve sua metodologia em relação às fontes: limitou-se ao universo documental de fácil acesso aos leitores que buscarem aprofundar sua consulta. E apresenta um aviso:“Não pretendo provar nada nem levar a termo algo insano como uma interpretação global da sociedade colonial” (ARAÚJO, 1997, p. 13). Partindo dessa afirmação, cabe destacar o foco do estudo levado a cabo pelo autor, que é a sociedade urbana.
Capítulo 1 – O cenário urbano
Desde o início do processo de colonização, a organização do espaço urbano na América portuguesa teve como base uma “tradiçãomedieval das cidades alta e baixa, das capelas e fortes postados nos cimos e em torno dos quais se espalhava o casario” (ARAÚJO, 1997, p. 31). O local onde se erigia o sítio matriz era via de regra, desconfortável para a circulação que se dava por ladeiras tortuosas e íngremes. Diferentemente da América espanhola, onde havia certa preocupação com as facilidades de locomoção e o lazer dos habitantes.
Acolônia vivia sob o estigma do “provisório” e desse modo, tanto as autoridades quanto os reinóis aqui instalados viam essa terra como um empreendimento de lucro rápido, sempre almejando o retorno à pátria. Assim se explica o desleixo da administração e da urbanização. A este último se soma o estilo de vida disperso pelo interior, onde se concentrava a maioria da população e as principais fontes dereceitas metropolitanas: os engenhos de açúcar e as fazendas de criação. As cidades eram meros escoadouros da produção.
O quadro geral de uma “grande” cidade era este: ruas estreitas que careciam de calçamento, lixo atirado nas ruas, construções acanhadas e miseráveis. No interior da colônia, nas fronteiras e sertões, a situação era ainda mais alarmante. Situação derivada desse caráterprovisório. Para ilustrar esse fato, uma oposição: durante a contemporânea colonização holandesa no Nordeste, a urbanização do Recife se tornou assunto prioritário, primando pela limpeza pública e pavimentação das ruas. Pretendia-se ali receber famílias inteiras de colonizadores.
Como resultado desse trato do espaço urbano, surtos epidêmicos eram comuns. A varíola “matou mais gente durante a época colonialdo que em todas as outras reunidas” (ARAÚJO, 1997, p. 55). Ao lado dela, malária, sarampo e febre amarela ceifaram a vida de muitos colonos, não fazendo distinção de cor, credo ou posses. A medicina da época ainda era pouco eficiente e fixava-se à ideia de que “tudo, ou quase tudo, deviam curar as velhas prescrições de sangria” (ARAÚJO, 1997, p. 58). Havia pelo menos um reconhecimento por partedas autoridades de essas doenças estavam associadas à falta de higiene pública e em vista disso, tentava-se normatizar a situação.
A alimentação à época era precária e a farinha de mandioca, substancial e pouco onerosa, era o alimento mais difundido entre a população humilde. Aos escravos, a “ração” era essencialmente calórica. Pelo contrário, nas casas da população rica, esbanjava-se comida.
Ascasas eram amontoadas umas nas outras, estimulando a curiosidade alheia. “A falta de privacidade era, com efeito, a regra na acanhada sociedade colonial” (ARAÚJO, 1997, p. 76). Era comum um grande número de pessoas vivendo sob um mesmo teto, fator que contribuía para a grande mortalidade das epidemias. Construções miseráveis e mal localizadas que contrastavam com a solidez e opulência das...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Resenha crítica teatro
  • O teatro dos vícios
  • Teatro dos vicios
  • teatro dos vicios
  • O Teatro dos Vicios
  • O teatro dos vícios
  • Teatro dos Vícios
  • Resumo

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!