Resenha 18 de Brumários de Luiz Bonaparte

Páginas: 5 (1095 palavras) Publicado: 17 de setembro de 2014
Resenha: O 18 brumário de Luís Bonaparte


Uma análise do ponto de vista Marxista sobre a farça de Napoleão III.

Karl Marx foi um alemão, intelectual e revolucionário, que fundou a doutrina comunista, doutrina essa, que repercutiu o mundo e é adotada por alguns países atualmente e também foi motivo de uma tensão que se estabeleceu no mundo moderno por quase 50 anos após a segunda guerramundial. Marx começou a estudar direito na universidade de Bonn e depois se transferiu para Berlin, se desinteressou por direito e começou a estudar filosofia, onde participou ativamente do movimento dos Jovens Hegelianos. Obteve titulo de doutor em filosofia e se tornou redator-chefe da Gazeta Renana, onde no mesmo ano, conheceu Friedrich Engels e com ele, escreveu uma das obras mais importantes dahistória, o Manifesto Comunista. Escreveu também “O capital – 1867”, “Luta de classes na França – 1848/1850” entre outras obras de importância onde ele analisa a história do ponto de vista das suas teorias.
O livro “O 18 Brumário de Luíz Bonaparte” foi uma de suas obras, o contexto histórico é a França, pós revolução francesa e pós governo de Napoleão Bonaparte, no período de 1848 – 1851,quando Luíz Bonaparte, com um golpe de estado, se nomeia imperador, como seu tio Napoleão I. Esse ato de Luíz Bonaparte, para Marx, explica muito bem a frase de Hegel: “Todos os fatos e personagens de grande importância na história do mundo ocorrem, por assim dizer, duas vezes” e Marx ainda complementa: “A primeira vez como tragédia, a segunda como farça”. Escrito entre dezembro de 1851 e março de1852 a análise que Karl Marx faz sobre o golpe de estado de Luíz Bonaparte mostra um método novo e revolucionário para a compreensão da história.
Ao descrever a França do século XIX, ele tenta nos mostrar toda a estratégia política, militar e institucional da burguesia do país, dizendo que ela toma pra si, algo que é de todos: o Estado. Ele diz que quando Napoleão I impõe um estado forte, imperial eexpansionista, ele não estava pensando no povo, ou no que seria bom para o povo, ele estava a serviço da classe burguesa. Dito isso, Marx nos mostra que essa foi a tragédia da história, e logo depois ver a farça, com o golpe de Napoleão III. Para Marx, ambos foram beneficiados de alianças entre os partidos burgueses, logo, isso significa trair as lideranças proletárias e tira-las do poder.
Marxatravés do livro mostra uma análise detalhada de um evento histórico importante e de conhecimento de todos: a ditadura de três anos imposta por Carlos Luíz Napoleão Bonaparte, após ter sido eleito como presidente em 1848. “Coincidentemente”, a data escolhida para o golpe foi: 02/12/1851, data na qual se comemorava 47 anos da coroação de seu tio.
As teorias do manifesto comunista estão presentesnesse texto de Marx, mas o que foi desafiador para Marx ao escrever o 18 Brumário, foi analisar um acontecimento histórico recém-ocorrido e muito conhecido na época. Com essa obra Marx provou para si mesmo e para o mundo a solidez de suas teorias.
A ironia de Marx está presente em todo o livro, inclusive no título, ao chamar de 18 brumário de Luíz Bonaparte, ele quer nos mostrar que o golpe deestado de Luíz Bonaparte foi uma cópia daquele que fora dado antes pelo seu tio.
Uma citação muito famosa de Marx diz que “os homens fazem sua própria história, mas não a fazem como querem; não a fazem sob circunstâncias de sua escolha e sim sob aquelas com que se defrontam diretamente, legadas e transmitidas pelo passado” isso quer dizer que apesar de todos participarmos da história, só somoscapazes de agir dentro dos limites que a realidade nos impõe.
Ele analisa a história, ignorando os atos individuais, dizendo que o que ocupa o papel central sempre foi a luta de classes, sempre existiu e sempre existirá uma classe dominante e uma dominada, a classe dominante é a que possui terras, propriedades privadas, industrias ou maquinas, já a classe dos dominados possuem somente a própria...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • 18 Brumário de Luís Bonaparte
  • Resenha: O 18 Brumário de Luís Bonaparte
  • Campesinato
  • O 18 Brumário de Luís Bonaparte
  • O 18 BRUMARIO DE LUIS BONAPARTE
  • O 18 brumário de Luis Bonaparte
  • O 18 de brumário de luis bonaparte
  • 18 Brumário de Luís Bonaparte

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!