RELATORIO DIURESE

Páginas: 8 (1793 palavras) Publicado: 9 de junho de 2015
FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR DE FLORIANO – FAESF
CURSO: BACHARELADO EM FISIOTERAPIA
DISCIPLINA: FISIOLOGIA HUMANA BLOCO: II
PROFESSOR: JADER FIGUEIREDO
ACADÊMICO: DAIANE FEITOSA










DIURESE AQUOSA NO HOMEM











FLORIANO – PIAUÍ

2015
FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR DE FLORIANO – FAESF
ENDERÇO: RUA NOGUEIRA PARANAGUÁ, 508, BAIRRO: MANGUINHA
CURSO: BACHARELADO EM FISIOTERAPIA
ACADÊMICO:DAIANE FEITOSA









DIURESE AQUOSA NO HOMEM








Relatório apresentado como requisito para
Obtenção de nota, na disciplina
De Fisiologia, no Curso de Fisioterapia,
Na Faculdade de Ensino de Floriano FAESF.







INTRODUÇÃO

O sistema urinário é constituído pelos órgãos uropoéticos, isto é, incumbidos de elaborar a urina e armazená-la temporariamente até a oportunidade de sereliminada para o exterior. Na urina encontramos ácido úrico, ureia, sódio, potássio, bicarbonato, etc. O termo micção define o esvaziamento da bexiga urinária da urina nela contida. Entretanto, antes que isso possa acontecer, a urina deve ser transportada do rimaté a própria bexiga.

Os rins são os meios primários para a eliminação de produtos indesejáveis do metabolismo que não são mais necessáriosao corpo. Esses produtos incluem ureia (do metabolismo dos aminoácidos), creatinina (da creatina muscular), ácido úrico (dos ácidos nucléicos), produtos finais da quebra da hemoglobina (tais como a bilirrubina) e metabólicos de vários hormônios. Esses produtos indesejáveis devem ser eliminados do corpo tão rapidamente quanto são produzidos. Os rins também eliminam a maioria das toxinas e outrassubstâncias estranhas que são produzidas pelo corpo como ingeridas, tais como pesticidas, drogas e aditivos alimentícios (GUYTON;HALL,2002).

Eles são fundamentais na regulação do volume e da composição do líquido extracelular (intersticial), através do mecanismos complexos que incluem variações das pressões vasculares, variações dos volumes filtrados, alterações da osmolaridade e ação dehormônios. O objetivo desse estudo desse trabalho, é estudar a função renal, em especial o mecanismo de regulação da pressão do líquido extracelular (LEC), verificando a densidade, o volume e o pH das urinas em estudo.

O devido trabalho teve como objetivo estudar a função renal, em especial o mecanismo de regulação da pressão osmótica do líquido extracelular (LEC).













MATERIAIS E METODOSMateriais:

Recipiente coletor de urina

Urina

Proveta

Béquer

Fitas de PH

Refratômetro


Métodos:
Na prática realizada todos os alunos envolvidos no experimento esvaziaram totalmente a bexiga. Dividiu-se os alunos em quatro grupos (equipes). Um grupo apenas bebeu água; um outro grupo bebeu água e praticou exercício; outro, não bebeu e não praticou exercício; e por fim, o último grupo, nãobebeu água e praticou exercício.
Para determinação da quantidade de água a ser ingerida pelos grupos, foram calculados os pesos corporais de cada um, multiplicando este por 15 mL, obtendo-se o valor total de água a ser ingerido.
Depois da ingestão de água, os grupos que praticavam o exercício moderado correram em média 5 minutos, repetindo a cada meia hora até o final da prática; sendoque também a cada meia hora todos os grupos iam ao banheiro esvaziar novamente a bexiga, na qual sempre se guardava 6 ml de urina, totalizando 18 ml para ser analisado.
No decorre das suas coletas de urina feita na prática, foi-se realizado exame de pH da urina resultante, para determinação do grau de acidez. Onde também foi utilizado o refratômetro para medir densidade da urina.RESULTADOS



GRUPO

PROCEDIMENTOS
PESO
MÉDIO (kg)
VOLUME MÉDIO TOTAL INGERIDO (mL)
VOLUME MÉDIO TOTAL URINADO (mL)
A
Tomará ÁGUA
54,43 kg
2.700 ml
13,3 ml
B
Tomará ÁGUA e com EXERCÍCIO
67 kg
3.870 ml
13,63 ml
C
Sem ÁGUA e com EXERCÍCIO
58,5 kg
0 ml
10 ml
D
Sem ÁGUA e com EXERCÍCIO
67 kg
0 ml
7,84 ml
Tabela 01: Registro do peso médio, volume total médio ingerido e volume total médio urinado, de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Relatório Diurese
  • relatório diurese
  • Relatorio diurese
  • Diurese No Homem
  • Diurese aquosa no homem
  • DIURESE AQUOSA NO HOMEM
  • Diurese aquosa no homem
  • Diurese aquosa no homem

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!