Relativizando as ídeias etnocêntricas resenha do livro: o que é etnocentrismo autor: everardo p. guimarães rocha

Páginas: 11 (2733 palavras) Publicado: 1 de outubro de 2012
FRANCIELLI JACINTO DA SILVA
RELATIVIZANDO AS ÍDEIAS ETNOCÊNTRICAS
RESENHA DO LIVRO: O QUE É ETNOCENTRISMO
AUTOR: EVERARDO P. GUIMARÃES ROCHA
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA “JÚLIO DE MESQUITA FILHO”
1ºANO SERVIÇO SOCIAL - NOTURNO
FRANCA/2012
FRANCIELLI JACINTO DA SILVA
RELATIVIZANDO AS ÍDEIAS ETNOCÊNTRICAS
RESENHA DO LIVRO: O QUE É ETNOCENTRISMO
AUTOR: EVERARDO P. GUIMARÃES ROCHAResenha feita por Francielli Jacinto da Silva com os
devidos fins de obter aprovação na matéria de
Antropologia equivalente ao 1º semestre de 2012.
Orientador(a): Dr.ª Prof.ª Hilda Maria G. Da Silva
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA “JÚLIO DE MESQUITA FILHO”
1ºANO SERVIÇO SOCIAL - NOTURNO
FRANCA/2012
RELATIVIZANDO AS ÍDEIAS ETNOCÊNTRICAS
“O QUE É ETNOCENTRIMO” ROCHA, E. P. G., Editora BrasilienseS.A, Coleção
Primeiros Passos, São Paulo-SP, 1ªedição em 1984.
O texto de Everardo Rocha é bastante facíl de ser lido , no início do texto é mostrado o
que seria o significado da palavra “etnocentrismo”. (é uma visão do mundo com base em
nossas próprias ideologias, visando sempre nosso grupo como centro das coisas; como se
nosso grupo fosse o certo e todos os outros errados).A culturaetnocêntrica pensa existir uma
única forma certa de se fazer as coisas (a sua).
Intelectualmente pensando seria o fato de não conseguirmos aceitar a diferença, pois
essa nos amendronta.Quando nos questionamos então sobre o que é etnocentrismo, estamos
assim questionando um fenômeno que faz uma mistura de elementos racionais com
elementos emocionais.
Nos deparamos então com um grande choque cultural,dividido em dois lados: de um
lado o grupo do “eu”(pessoas que vivem, se vestem, comem, conhecem as mesmas
problemáticas, e partilham da mesma cultura que nós); e do outro lado o grupo do
“outro”(grupo esse que se difere do nosso, tem crenças, costumes, maneiras de viver,
vestimentas, gostos, etc, totalmente diferentes do nosso grupo).
É a partir desse choque cultural que passamos a terpensamentos etnocêntricos, a
diferença traz junto com ela um sentimento ameaçador, o fato de não conhecer o mundo do
“outro” nos amedronta, faz com que rotulemos esse grupo desconhecido como anormal,
esquisito, absurdo, inferior, primitivo.
O grupo do “eu” passa então a colocar sua visão de mundo como o centro de tudo, como
se sua visão fosse a única possuidora da verdade, como se apenas nósfossemos humanos e o
“outro” fosse uma raça inferior (por exemplo, como se o grupo do outro fosse um grupo de
macacos).
Em qualquer aspecto que se pense, a sociedade do “eu” se julga superior, e julga que a
sociedade do “outro” seja atrasada. O grupo do “eu” imagina que o grupo do “outro” seja
qualquer coisa menos seres humanos, providos de desejos, vontades, sentimentos e costumes
próprios.Everardo Rocha nos dá um bom exemplo dessa diferença que há entre uma cultura e
outra através de uma pequena estória que conta no livro; a estória do pastor que foi
evangelizar um grupo de índios, e leva aos indios vários presentes; em seu pulso ele leva um
relógio, quando ele chega a tribo, um jovem índio se encanta com o relógio e o pastor acaba
dando o relógio a ele. O índio então pendura orelógio em uma árvore bem alta da tribo
envolto em vários ornamentos, e fica admirando o relógio; o pastor é claro não entende e acha
engraçado o ato do índio.
Passado algum tempo o pastor em seu escritório prestes a sair volta e da uma olhada em
volta de sua sala, e vê que em sua parede tem vários cocares pendurados,e que para ele os
cocares e penachos dos índios não passam de enfeites, assimcomo para o índio o relógio tem
outro valor, diferente do emprego que damos a ele- o emprego de marcar as horas pois nós
vivemos presos ao tempo coisa que os índios não fazem. Para os índios seus cocares tem
grande valor, já para nós não passam de meros enfeites.
Foi então ao se lembrar do que o índio fizera com seu relógio que ele sorriu e pensou:
que indio bobo! O que ele não percebeu é...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Everardo P. Guimarães Rocha
  • O que é etnocentrismo? resumo da obra de everardo p. guimarães rocha
  • Problematização
  • Resenha: "O que é etnocentrismo?", de Everardo Pereira Guimarães Rocha
  • Resumo do livro O que é etnocentrismo (Everardo Rocha)
  • RESUMO: LIVRO “O QUE É ETNOCENTRISMO” DE EVERARDO ROCHA
  • O que é etnocentrismo
  • O que é Etnocentrismo de Everardo Rocha

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!