Relat Rio Lan Amento De Proj Til

Páginas: 5 (1247 palavras) Publicado: 13 de abril de 2015
Relatório Lançamento de Projétil
31 de março de 2015.
Grupo: Bancada 1
I. Objetivo
Relacionar a altura, da qual a esfera e abandonada na rampa, com o alcance horizontal. Reconhecer, no movimento de lançamento, a combinação de dois movimentos retilíneos e determinar a velocidade de lançamento a partir da medida do alcance e do tempo de queda. Relacionar as transformações energéticas sofridaspela energia potencial inicial ao rolar a esfera pela rampa. Utilizar o principio da conservação da energia para determinar a energia cinética de rotação.

II. Dados experimentais
Considerando o experimento de lançamento de projetil. Tomados os ajustes na bancada, regulagem do prumo para definir a origem, medimos a altura da saída da rampa até o chão. Depois, definimos quatro alturas de lançamento doobjeto e realizamos a medida de altura em relação à saída da rampa. Foi colocada a folha de papel com uma folha de papel carbono para marcação do local de impacto do lançamento. Foram 10 lançamentos para cada altura. A partir dessas marcações definimos uma circunferência que englobassem os pontos para definir o alcance em relação à origem. Por ultimo medimos a massa do projétil.

Tabela 1Posição
Altura h (em metros)
Rm±ΔR (em metros)
1


2


3


4




Altura percorrida pelo projétil, desde sua saída da rampa até o plano da folha(H).
H= m.
H= m. Foi calculado diretamente usando uma régua
ΔH=. Foi estimada, como sendo o erro instrumental da régua.

III. Análise de dados
2. Velocidade de Lançamento e Alcance.
2.1. (a) O movimento executado pelo projétil na vertical é um movimento de quedalivre em que, a partir do repouso (base da rampa), o módulo de sua velocidade vertical varia em virtude da aceleração da gravidade. É um movimento uniformemente variado com aceleração g (aceleração da gravidade) de direção vertical e sentido para baixo.

(b) O tempo de queda do projétil depende da altura ‘H’ da qual ele é lançado (base da rampa até o chão) e da aceleração da gravidade ‘g’.
Sejaa função da posição em função do tempo, dada por . Adaptando para um movimento vertical com sentido para baixo, teremos: . Considerando e que, na vertical, o projétil abandona a rampa a partir do repouso, teremos Assim, a função se reduz a . Isolando ‘t’ (tempo de queda do projétil), chega-se a: , como queríamos.
(c) O movimento executado pelo projétil na horizontal é um movimento uniforme,isto é, a velocidade mantem-se constante desde o momento em que ele abandona a rampa até que ele atinja o chão, pois sobre ele não há presença de nenhuma aceleração que atue na direção horizontal.
(d) A velocidade com que o projétil abandona a rampa é a mesma com que ele executa o movimento uniforme na horizontal. É dada, portanto, pela razão entre o alcance médio do projétil e o seu tempo de queda:, em que ‘’ é o tempo de queda determinado no item (b) e é o alcance médio, determinado experimentalmente.
Tabela 2 – Velocidade de lançamento do projétil
Posição
Altura h (em metros)
(em m/s)
1


2


3


4



A partir das medições efetuadas (direta e indiretamente), observa-se que a velocidade com que o projétil abandona a rampa varia de acordo com a altura ‘h’ da qual ele foi solto. A Tabela2 mostra que, aumentando a altura, o módulo da componente horizontal da velocidade de lançamento também aumenta. Esta relação (aumento de ‘h’ implica aumento de ‘’) era esperada, tanto intuitivamente quanto física e matematicamente, dadas as transformações de energia que ocorrem ao longo do movimento do projétil pela rampa.
A forma de cálculo da velocidade de lançamento e do erro a elaassociado leva em consideração a forma como o esse erro se propaga na razão . Seja a razão entre duas grandezas medidas, . Utilizamos a relação a fim de determinar o valor médio da grandeza e o erro a ela associado . Assim, para a relação , teremos: .
3. Energia potencial e energia cinética

3.1

3.2 Massa da esfera usada como projétil(M)
M=7,05 ± 0,01 g
Mm foi medido com auxilio de uma balança...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Lan Amento De Proj Til
  • Relat Rio Lan Amento De Proj Teis
  • Lan Amento De Proj Til 2
  • lan amento de proj til fisica experimental1 1
  • 1 Exp Lan A Proj Til
  • LAN AMENTOS TRIBUT RIOS
  • Exerc Cios Relat Rio N 5 Lan Amento Obl Quo
  • Lan amento Obl quo Intermedi rio Resolvido

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!