Relatório fermentação alcoólica

Páginas: 6 (1297 palavras) Publicado: 17 de março de 2013
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS
UNIDADE DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS
CURSO DE FARMÁCIA

EVELINY PRADO SOUZA
GEOVANY MONTEIRO
JÉSSICA BARBARA SOARES
LORRAINE MOREIRA DE LIMA

RESPIRAÇÃO


ANÁPOLIS/MARÇO, 2013

EVELINY PRADO SOUZA
GEOVANY MONTEIRO
JÉSSICA BARBARA SOARES
LORRAINE MOREIRA DE LIMA

RESPIRAÇÃO


Relatório de Metabolismo Celular
Professora: Claudia

ANÁPOLIS /MARÇO, 20131-INTRODUÇÃO

Fermentação
Liberação de energia através da fermentação
A fermentação é um processo de liberação de energia que ocorre sem a participação do oxigênio (processo anaeróbio). A fermentação compreende um conjunto de reações enzimaticamente controladas, através das quais uma molécula orgânica é degradada em compostos mais simples, liberando energia. A glicose é uma das substânciasmais empregadas pelos microorganismos como ponto de partida na fermentação.
 
Glicólise
Na glicólise, cada molécula de glicose é desdobrada em duas moléculas de piruvato (ácido pirúvico), com liberação de hidrogênio e energia, por meio de várias reações químicas.
O hidrogênio combina-se com moléculas transportadores de hidrogênio (NAD), formando NADH + H+, ou seja NADH2.

 
 Tiposde Fermentação
Saccharomyces cerevisiae |   | Levedura - Fungo unicelular utilizado na fabricação de pães, bebidas alcoólicas em geral.A fermentação é um processo utilizado na fabricação de bebidas alcoólicas, pães e outros alimentos. Hoje sabemos que os processos fermentativos resultam da atividade de microorganismos, como as leveduras e certas bactérias.Diferentes organismos podem provocar afermentação de diferentes substâncias. O gosto rançoso da manteiga, por exemplo, se deve a formação de ácido butírico causado pelas bactérias que fermentam gorduras. Já as leveduras fermentam a glicose e as bactérias que azedam o leite fermentam a lactose. |

Fermentação Alcoólica
As leveduras e algumas bactérias fermentam açucares, produzindo álcool etílico e gás carbônico (CO2), processodenominado fermentação alcoólica. 

Na fermentação alcoólica, as duas moléculas de ácido pirúvico produzidas são convertidas em álcool etílico (também chamado de etanol), com a liberação de duas moléculas de CO2 e a formação de duas moléculas de ATP.

Esse tipo de fermentação é realizado por diversos microorganismos, destacando-se os chamados “fungos de cerveja”, daespécie Saccharomyces cerevisiae. O homem utiliza os dois produtos dessa fermentação: o álcool etílico empregado há milênios na fabricação de bebidas alcoólicas (vinhos, cervejas, cachaças etc.), e o gás carbônico importante na fabricação do pão, um dos mais tradicionais alimentos da humanidade. Mais recentemente tem-se utilizado esses fungos para a produção industrial de álcool combustível.
  Os fungos quefermentam também são capazes de respirar aerobicamente, no caso de haver oxigênio no meio de vida. Com isso, a glicose por eles utilizada é mais profundamente transformada e o saldo em energia é maior, 38 ATP, do que os 2 ATP obtidos na fermentação.

Fermentação Lática
Os lactobacilos (bactérias presentes noleite) executam fermentação lática, em que o produto final é o ácido lático. Para isso, eles utilizam como ponto de partida, a lactose, o açúcar do leite, que é desdobrado, por ação enzimática que ocorre fora das células bacterianas, em glicose e galactose. A seguir, os monossacarídeos entram nas células, onde ocorre a fermentação.
Cada molécula do ácido pirúvico é convertido em ácido lático, que...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Relatorio fermentação alcoolica
  • Fermentaçao alcoolica relatorio
  • Relatório Fermentação Alcoólica
  • Relatorio de Fermentação alcoolica
  • Relatorio fermentação alcoolica
  • Relatório de fermentação alcoolica
  • Fermentação alcoolica
  • fermentação alcoólica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!