Relatório de fisica b - leis de kirchoff

Páginas: 5 (1082 palavras) Publicado: 14 de novembro de 2012
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE
Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas - Departamento de Física
Disciplina: Laboratório de Física B - Professor: José Uibson

Relatório – Leis de Kirchhoff

Grupo:
Danilo Moura
Tunai Porto
Pedro Aurélio

São Cristovão - SE
04 de Abril de 2010
1 – Introdução

No relatório passado, conhecemos como, teoricamente, calcular o resultado deassociações de resistores distribuídos em paralelo e em série.
Nas experiências nós notamos que os resultados práticos foram muito similares aos teóricos. Entretanto, quando os circuitos envolvem mais resistores ordenados de forma mais complexa e extensa, não é possível classificá-los como em paralelo e em série.
Dentro deste contexto, o físico alemão Gustav Robert Kirchhoffpostulou 2 leis. Porém, antes disso, é necessário entender algumas definições que serão usadas:
Ramo: um grupo de componentes ou um componente apenas, que está (estão) sujeitos a uma mesma corrente.
Malha: Qualquer caminho condutor fechado.
Nó: Qualquer ponto do circuito onde há a separação de um ramo em 3 ou mais partes.

Nota-se que b e a são nós do circuito, pois eles unem 3 ramos.R1, E1, R4 e R5 formam uma malha e R5,R3,E2 e E3 formam outra.



Lei de corrente de Kirchhoff:
Nesta lei, kirchhoff postula que se um nó se divide em duas ou mais correntes, a soma destas ”sub-correntes” vai ser igual a corrente que as originou.
Lei da Tensão de Kirchhoff
Esta lei de Kirchhoff diz que em um circuito fechado (começa e termina na mesma alimentação), a soma dastensões é sempre igual a zero. É como se cada resistência “consumisse” um pouco da tensão, de forma que a tensão consumida no fim deve ser igual a toda tensão fornecida.

Usando as leis na prática:








Primeiro, defina um sentido para ambas as correntes. No exemplo acima, foi admitido um sentido anti-horário.
Depois de desenhar como “andariam” as duas correntes, nósnotamos que as correntes i2 e i1 “saem de “a” e “i3” “chega” em a. Como foi introduzido anteriormente, podemos deduzir, segundo a segunda lei apresentada de kirchhoff, que i3 = i2 + i1.
Observações: Quando atravessamos uma fonte de tensão do sentido negativo para o positivo, a fem (força eletromotriz) deve ser considerada positiva ( e vice-versa ).
Quando a corrente que entrano resistor está no sentido que adotamos para o tráfego das correntes, o termo IR é negativo (e vice-versa).
Levando em conta essas observações, podemos concluir que:
-R1i1 (pois o resistor está no sentido da corrente) - E1 (entra no positivo) – i1R4 (mesmo motivo do primeiro) + i2R5 (pois está no sentido contrário de R5) = 0
De forma análoga, aplicamos a mesma análise para a segundamalha:
-i3R2 – E2 – i1R4 + E2 + i2R5 = 0
O próximo passo é substituir i3 pro i1+i2, como foi descoberto no início da análise.
Enfim, será possível achar todos os valores.

A ponte de Weatstone é um configuração de resistores muito usada. Como pode-se ver na figura abaixo, ele não pode ser analisada considerando que os resistores estão em paralelo ou em série. Porém, com as leis deKirchhoff. Para que seja determinada a resistência desconhecida Rx, variamos a resistência do potenciômetro Rv, lembrando que não deve haver corrente no galvanômetro G.









Não vai haver passagem de corrente pro G quando o potencial nos nós C e D. (Vc = Vd)
Logo, nesta situação, o circuito estará em equilíbrio.
Para determinar a resistência Rx = Rv(R1R2).


2 -Materiais e Métodos


Métodos
Para os resultados obtidos teoricamente com as leis de Kirchhoff, foi montada numa protoboard uma distribuição equivalente a uma ponte de Weatstone. Como esta ponte montada, foi possível determinar as 4 resistências e suas correntes e tensões em situações de equilíbrio e desequilíbrio.
Em seguida, um dos resistores foi trocado por um...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • relatorio de fisica b leis de ohm
  • Relatorio de leis de kirchoff
  • Relatório de Física B
  • Relatório de Física B
  • Lei de hooke-relatório física a
  • Relatório Física
  • Relatório de Física
  • Relatorio Fisica LEI DE SNELL

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!