Relações internacionais no pós-guerra fria

Páginas: 12 (2983 palavras) Publicado: 7 de novembro de 2012
Relações Internacionais no pós-guerra fria
INTRODUÇÃO
O estudo de relações internacionais está hoje em evidência devido às profundas transformações que vêm marcando o sistema internacional, seja em decorrência do fim do conflito bipolar, seja como resultado da aceleração dos fenômenos da transnacionalização/globalização e da fragmentação sociocultural. Assim, abrem-se novos campos de estudo,inauguram-se novos projetos de pesquisa e o movimento de importação de teorias e problemas de outras ciências sociais se intensifica. Por outro lado, a crise das estruturas de autoridade baseadas no Estado-nação, o questionamento da hegemonia do paradigma realista e a tendência a uma maior interdisciplinaridade geram uma crise de identidade entre os especialistas (Gaddis, 1992).
Neste artigo, buscoexplicitar três tendências que considero centrais para o trabalho dos estudiosos do sistema político internacional nos anos 90, e que podem ser observadas na literatura mais recente produzida por especialistas em relações internacionais: o debate em torno do papel das instituições internacionais; o retorno da dimensão cultural à pesquisa em relações internacionais; e a nova legitimidade deestudos de caráter normativo. Evidentemente, mudanças estruturais de um sistema bipolar para outro, multipolar, ou unipolar, também são discutidas no contexto de quadros tradicionais de análise.
Não será possível traçar aqui uma genealogia desses fenômenos; contudo devo enfatizar que, nos três casos, tanto variáveis endógenas como exógenas à disciplina de relações internacionais tiveram profundainfluência na configuração do atual estado da arte.
Quanto às variáveis endógenas, cabe mencionar as críticas ao paradigma realista e, particularmente, à sua versão neorrealista feitas por teóricos críticos, liberais e marxistas1. Ademais, o realismo não foi capaz de prever o colapso da União Soviética e o fim da Guerra Fria, quando, segundo seus pressupostos, uma das superpotências comportou-se deforma inesperada. Há que se considerar, ainda, as discussões em torno da influência da epistemologia positivista no campo das relações internacionais (Lapid, 1989; Vasquez, 1995) e a desnaturalização e desmistificação do conceito de sistema anárquico e de soberania (Barkin e Cronin, 1994; Milner, 1993).
Quanto às variáveis exógenas, além do fim da Guerra Fria e do conflito entre dois sistemassocioeconômicos distintos, cabe citar a reflexão pública sobre o fenômeno da globalização e o contato com o fluxo transnacional de bens materiais, culturais, financeiros, de epidemias etc.; a permanência de conflitos violentos a despeito das promessas liberais; os problemas vinculados à distribuição de recursos; o descongelamento das estruturas centrais do sistema ONU; os conflitos étnicos e nacionais; aconstatação de que problemas tais como narcotráfico, terrorismo, desequilíbrio ecológico, desenvolvimento econômico, migrações e controle de armamentos só podem ser tratados em contextos multilaterais; o papel das Organizações Não-Governamentais; e os processos de integração regional.
 

INSTITUIÇÕES INTERNACIONAIS
O moderno sistema de Estados que surge das ruínas do mundo feudal entre osséculos XV e XVII na Europa tem sido caracterizado como um sistema anárquico, no qual as unidades são soberanas. Mesmo que o modelo de soberania externa absoluta e a ausência de normas no sistema internacional tenha sido um ideal que a realidade da política internacional jamais confirmou, grande parte do debate entre diferentes correntes da disciplina de relações internacionais tem girado em torno doconceito de anarquia, das possibilidades de ordem, cooperação e ação coletiva nesse contexto.
O pensamento em relações internacionais tem sido marcado pelo dilema da ordem ou da governabilidade em um sistema supostamente anárquico. A constituição do moderno sistema de Estados instaura este dilema, na medida em que estabelece o princípio da soberania nacional; o baixo grau de governabilidade...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • O Azerbaijão e as relações internacionais no pós-Guerra Fria
  • Organizações Internacionais no pós guerra fria
  • Sociedade e Ordem Internacional no mundo pós guerra fria
  • fim da guerra fria implicacoes significativas para as Relacoes Internacionais
  • relações internacionais na AFRICA durante a Guerra Fria
  • Pós guerra e guerra fria
  • O Mundo pós-Guerra Fria
  • Pos guerra fria

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!