Regencias nominal e verbal

Páginas: 10 (2327 palavras) Publicado: 7 de maio de 2015
CENTRO UNIVERSITÁRIO LUTERANO DE JI-PARANÁ












REGENCIAS VERBAL E NOMINAL


TURMA


ALUNOS:























JI-PARANÁ
2015
SUMÁRIO




INTRODUÇÃO...............................................................................................................04DESENVOLVIMENTO.................................................................................................05
CONCLUSÃO.................................................................................................................14
BIBLIOGRAFIA.............................................................................................................15



























INTRODUÇÃO

O trabalho apresentado a seguir trata da apresentação das regências verbal e nominal feita através deuma pesquisa em sites de busca com o proposito de explicar e exemplificar o assunto buscando estuda-lo com maior profundidade. O texto é desenvolvido por meio de tópicos, e apresenta tabelas explicativas para melhor compreensão do assunto.
DESENVOLVIMENTO

REGÊNCIA VERBAL E NOMINAL
Regência é a parte da Gramática Normativa que estuda a relação entre dois termos, verificando se um termo serve decomplemento a outro e, se nessa complementação, há uma preposição.
Pode haver: Regência Verbal (ligada aos complementos verbais) e Regência Nominal (ligada aos complementos nominais)
I. REGÊNCIA VERBAL
Vamos aos casos:
Agradar e desagradar são transitivos indiretos (com preposição a) nos sentidos de satisfazer, contentar:
Os sapatos agradaram às meninas.
A biografia de Machado de Assisagradou/desagradou à maioria dos leitores. Agradar pode ser transitivo direto se significar acariciar, afagar, fazer agrado:
Agradar a esposa.
Gostava muito de agradar os seus gatos.
Agradecer pode ser transitivo direto e indireto, com a preposição a, no sentido de demonstrar gratidão a alguém por alguma coisa.
Agradecemos a São Pedro o milagre obtido.
Agradeceu-lhes o favor.
Pode também ser transitivo direto,no sentido de mostrar gratidão por alguma coisa:
Agradeço a atenção.
Agradecemos a confiança depositada por você em nossas aulas via web.
E até transitivo indireto com a preposição a, no sentido de demonstrar gratidão a alguém:
Recebi o livro e vou agradecer ao professor.
Estou aqui para agradecer-lhe pelos conselhos. Ajudar pode ser transitivo direto (ajudar alguém):
Paulo ajuda os amigos sempreque pode.
Ajudar alguém a :
Ajudou-o a fazer a prova.
O professor ajudou o aluno a passar no concurso.
Ajudar alguém em :
Alfredo ajudou o aluno nos estudos.
Ansiar, no sentido de causar mal-estar, angustiar, é transitivo direto:
O sucesso ansiava-o.
Significando desejar ardentemente, é utilizado, geralmente, o verbo ansiar como transitivo indireto (preposiçãopor), e às vezes como transitivo direto, com ideia intensiva:
José ansiava por ir ao encontro da irmã.
Ansiava me ver fora daquele lugar horrível.
Aspirar é transitivo direto na acepção de inalar, sorver, cheirar:
Aspiramos o perfume das camélias.
Há aspiradores que só aspiram o pó do chão.
Aspirar é transitivo indireto (preposição a), nos sentidos de desejar, pretender, almejar.
Aspirava a um cargopúblico.
Ter uma casa grande e um bom carro era tudo a que ele aspirava.
Assistir é transitivo direto, quando significa confortar, prestar assistência, ajudar ou socorrer.
O médico assistiu o paciente.
Os governos assistiram os menos abastados. Obs.: Com esse significado, pode ser usado na voz passiva.
O paciente foi assistido pelo médico.
Nos sentidos de presenciar, ver, comparecer, assistir étransitivo indireto e exige a preposição a.
Assisti ao jogo do grandioso time de Cascavel.
Porque você não assistiu às aulas do professor Pablo?
No sentido de ser próprio a alguém, é transitivo indireto, exigindo a preposição a:
Assiste ao homem o direito à vida.
No sentido de morar ou residir, é intransitivo:
Malaquias assiste em João Pessoa há trinta anos.
O verbo atender pode ser: Intransitivo:...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Regência Verbal e Nominal.
  • Regência verbal e nominal
  • Regencia Verbal e Nominal
  • Conclusão de regencia Nominal e Verbal
  • regência nominal e verbal
  • Regencia nominal e verbal
  • Regencia verbal e nominal
  • Regência verbal e nominal

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!