Recuperação de Areas Degradadas

Páginas: 7 (1728 palavras) Publicado: 11 de janeiro de 2014
RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS NO PARÁ: UM ESTUDO SOBRE TRÊS ESPÉCIES FLORESTAIS NATIVAS DA AMAZÔNIA.

1. INTRODUÇÃO

Uma das principais metas do Governo Federal consiste na redução dos índices de desmatamento, em especial na Amazônia Legal. O corte raso das florestas nativas é responsável pela maior parte das emissões de gases de efeito estufa do Brasil, e perda de biodiversidade erecursos hídricos, acirramento dos conflitos fundiários na região e dilapidação do patrimônio útil às gerações futuras.
Para enfrentar o problema do desmatamento, desde 2004 o governo executa o Plano de Ação para a Prevenção e o Controle do Desmatamento na Amazônia Legal – PPCDAm , o qual reúne 13 (treze) ministérios e quase duas dezenas de órgãos públicos no âmbito Federal e Estadual. Um dosprincipais resultados do PPCDAM é a queda da taxa do desflorestamento da Amazônia Legal.
Apesar da visível redução no desmatamento verificada após 2004, ano em que foi lançado o Plano de Ações para a Prevenção e o Controle do Desmatamento na Amazônia – PPCDAM, o desafio para conter o desmatamento na região ainda é grande.
Sendo assim, o afloramento dos problemas ambientais e a necessidade derecuperação de áreas degradadas têm aumentado o interesse sobre o conhecimento das espécies nativas brasileiras. Um dos grandes problemas na recomposição de florestas nativas é a produção de mudas de espécies que possam suprir programas de reflorestamento. Apesar dos esforços e dos conhecimentos já acumulados sobre essas espécies, muitos questionamentos ainda existem e pouco se sabe sobre elas (Moraes,1998), existindo apenas para aquelas que detêm maior interesse econômico (CARVALHO, 2000).
A exploração desordenada e seletiva das florestas nativas tem provocado aumento significativo das áreas desflorestadas na região Amazônica (INPE, 2013). Além disso, outros processos associados ao desflorestamento como, fragmentação de habitat, efeito de borda, queimadas, corte seletivo e mineração ilegal,contribuem para a degradação desta floresta (LAURENCE et al., 2002).

2. OBJETIVO

Nesse contexto, objetivou-se avaliar possíveis alterações diárias nos parâmetros ecofisiológicos, principalmente aqueles que dizem respeito às trocas gasosas, relações hídricas e bioquímicas em plantas jovens de mogno (Swietenia macrophyla), ipê-amarelo (Tabebuia serratifolia) e jatobá (Hymenea courbaril) em plenaestação seca (15 e 16/10/2009) e na estação chuvosa (15 e 16/03/2010), para fins de recuperação de áreas degradadas no Pará.

3. METODOLOGIA

O experimento foi desenvolvido na Fazenda Escola de Igarapé - Açu (FEIGA), pertencente à Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), localizada no município de Igarapé-Açu (PA), no período de 07 de novembro de 2008 a setembro de 2010. O municípiopertence à mesorregião do Nordeste Paraense e situa-se na zona fisiográfica Bragantina ás margens da extinta estrada de ferro. O município dista 127 km da capital (Belém), delimitando-se ao norte com os municípios de Maracanã e Marapanim; ao sul com o município de Santa Maria do Pará; a Leste com o município de Nova Timboteua e Oeste com os municípios de Castanhal e São Francisco do Pará.
As taxas deassimilação líquida de carbono (A), transpiração (E), a condutância estomática (gs),razão da concentração interna e do ambiente de CO2 (Ci/Ca) e a eficiência instantânea no uso da água, estimada pelo quociente entre taxas de assimilação líquida de carbono e transpiração foram medidas por meio do método descrito em Medina et al. (1998), utilizando um aparelho portátil de um analisador portátil deCO2 por infra vermelho, IRGA (Li-6200, Licor Ltda., Lincoln, NE). Como amostras, foi selecionado um folíolo maduro do segundo par de folhas definitivas e completamente expandidas, contadas a partir do ápice. Para a caracterização da curva diária, as medições foram realizadas ao longo do dia, nos seguintes horários: 07:00-08:00 h, 09:00-10:00 h, 11:00-12:00 h, 13:00-14:00 h, 15:00-16:00 h,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Projeto recuperação de áreas degradadas
  • recuperação de areas degradadas
  • Recuperação de áreas degradadas
  • recuperação de áreas degradadas
  • Recuperação area degradada
  • Recuperação de Áreas Degradadas
  • Recuperação de áreas degradadas
  • Recuperação de área degradada

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!