Raízes da didática das décadas de 70 a 90 no brasil: práticas socioculturais e a teoria pedagógica comeniana

Páginas: 27 (6646 palavras) Publicado: 23 de março de 2012
RAÍZES DA DIDÁTICA DAS DÉCADAS DE 70 A 90 NO BRASIL: PRÁTICAS SOCIOCULTURAIS E A TEORIA PEDAGÓGICA COMENIANA1 Ana Maria Cambruzzi - FUNREI 1. Introdução Entre os últimos anos da década de setenta e início dos anos noventa, na sociedade brasileira, forjaram-se movimentos sociais incluindo, de uma maneira geral, os de trabalhadores e, em especial, os de educação. Constituíram-se, nesses anos,marcando a paisagem sociocultural, movimentos sociais como sindicatos, organizações em prol da saúde, lutas por moradia, organizações para assentamento dos sem-terra entre outros. Nesse espaço, se incluíam, também, movimentos de renovação pedagógica: a organização dos professores em sindicatos, as suas greves, as CBEs, os Gts da ANPEd como, por exemplo, Movimentos Sociais e Educação Popular, Trabalho eEducação que apresentavam como ponto de encontro a questão da educação. A Didática, enquanto um campo de conhecimento em construção, ao tomar as questões pedagógicas como base para a sua produção, se insere nesse movimento e colocase perguntas a respeito dos rumos apontados para a compreensão do processo educativo escolar. É tocada, sensivelmente, pelas questões que vêm de fora de seu campo, ouseja, a Didática tem questões próprias de sua área, mas ela é envolvida por questões pedagógicas mais amplas que estavam sendo apontadas pelos movimentos sociais, pelo mundo do trabalho e pela ação dos sujeitos sócio-históricos. Nesse contexto sociocultural, destaca-se uma tendência da Didática que tenta redirecionar seu campo na confluência de um diálogo com as práticas dos movimentos sociais, dotrabalho produtivo e com a produção de GTs voltados para a compreensão dessas práticas. Colocam-se, assim, questões como: se existe uma discussão fecunda sobre as práticas formativas dos movim entos sociais e do mundo do trabalho, trazida pelo campo da educação como a Didática se define neste contexto?

1

Este texto é o resultado de uma síntese que a autora faz a partir de sua Tese de Doutorado:A educação como arte, a escola como oficina e o mestre como artífice: uma leitura da teoria pedagógica comeniana, defendida e aprovada em 11/12/98 no Programa de Pós-Graduação da FAE/UFMG.

Nesse sentido, essa tendência da Didática ruma por constituir-se, enquanto uma teoria pedagógica escolar, ao assumir que homens e mulheres inseridos em práticas socioculturais com suas ações e com suasintervenções estão se constituindo em sujeitos sócio-históricos. Coloca-se atenta às práticas cotidianas dos indivíduos e dos movimentos sociais assim como à sistematização teórica a respeito dessas práticas. Ao dialogar com essas produções que referencial se propõe a construir? Essa tendência da Didática representada por autores como Candau (1983, 1988), Freitas (1987, 1995), Martins (1989, 1996)Oliveira (1992, 1993), guardadas as especificidades com que cada autor(a) trata a questão, de uma maneira geral, vai mostrar que o(a) professor(a), na sala de aula, considerando a realidade, o trabalho, a prática social do educando e sua experiência como uma problematização, colocando-o na condição de sujeito que participa do processo educativo escolar, tem a possibilidade de produzir e sistematizar umateoria pedagógica escolar incluindo a participação ativa dos educandos. A dinâmica dessa ação possibilita uma prática em que o(a) aprendiz se vê adquirindo o conhecimento a partir da própria prática vivenciada na sociedade e na escola, ou seja, enquanto os educandos se envolvem numa prática escolar em que o ensino e a produção teórica do processo educativo ocorre, percebem-se atores vivenciandouma experiência que os faz sentirem-se construindo sua individualidade produzida no social e também sentiremse construtores de novas sociabilidades. Percebemos, nesse caso, que a vivência e a experiência permitem que o indivíduo enquanto um sujeito que se constrói nas práticas do cotidiano, dos movimentos sociais, do mundo do trabalho e no espaço da escola entre com sua corporeidade, com sua...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • acontecimentos socioculturais decada de 70
  • Décadas de 60, 70, 80 e 90
  • industrialização no Brasil na década de 90
  • Reflexão da Didática como mediadora entre teoria e prática pedagógica
  • Decada de 70 no brasil
  • ONG's no Brasil década de 90
  • industrialização no brasil na decada de 90
  • Argentina e brasil, década de 90

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!