Psicologia e Historia

Páginas: 9 (2134 palavras) Publicado: 22 de janeiro de 2015
PSICOLOGIA E HISTÓRIA

Podemos começar definindo a palavra psicologia. A definição de psicologia poderia ser dada por sua origem grega: psyché quer dizer alma ou mente e também era o nome da Deusa. Logia vem de logos, que quer dizer: discurso, conhecimento, ciência. Deste modo Psicologia é a ciência da alma e da mente. É a ciência que estuda a mente e o comportamento.
A psicologia é tanto umcampo de estudos acadêmicos (em Universidades e faculdades) como um campo de aplicação dos conhecimentos: consultórios, hospitais, clínicas de saúde mental, em empresas e organizações.
Deste modo, a psicologia é uma ciência (campo de conhecimentos) e uma profissão, que foi regulamentada no Brasil em 1962.
O objetivo principal dos psicólogos e psicólogos é entender e explicar o pensamento, aemoção e o comportamento das pessoas. Quanto à área de aplicação da psicologia, podemos dizer que qualquer lugar onde se encontre uma pessoa, poderia ter um psicólogo atuando.

A PSICOLOGIA ENTRE OS GREGOS
A história do pensamento humano tem um momento áureo na Antiguidade, entre os gregos, particularmente no período de 700 a.C. até a dominação romana, às vésperas da era cristã. É entre os filósofosgregos que surge a primeira tentativa de sistematizar uma Psicologia.
Os filósofos pré-socráticos preocupavam-se em definir a relação do homem com o mundo através da percepção. Havia uma oposição entre os idealistas (a ideia forma o mundo) e os materialistas (a matéria que forma o mundo já é dada para percepção).
Sócrates postulava que a principal característica humana era a razão. Ao definirrazão peculiaridade do homem ou como essência, ele abriu um caminho que seria muito explorado pela Psicologia.
Platão procurou definir um "lugar" para razão em nosso próprio corpo. Definiu esse lugar como sendo a cabeça, onde se encontra a alma do homem.
Aristóteles foi inovador ou postulas que a alma e o corpo não poderiam ser dissociados. Para ele, a psyché seria o princípio ativo da vida. Tudoaquilo que cresce, se reproduz e se alimenta possui sua própria alma. Dessa forma os vegetais, os animais e os homens teriam alma. Os primeiros teriam uma alma vegetativa, os segundos também e ainda a alma sensitiva. Os homens teriam os dois níveis anteriores e ainda a alma racional.
PSICOLOGIA NO IMPERIO ROMANO E NA IDADE MEDIA
O Cristianismo se desenvolveu durante a Idade Média e o ImpérioRomano, se caracterizando como uma força religiosa e política dominante durante esse período.
A produção acerca da Psicologia durante a idade média é indissociável do conhecimento religioso, levando em conta que a Igreja Católica dominava também a produção de conhecimento na época. Nesse sentido, merecem destaque dois grandes filósofos desse período: Santo Agostinho e São Tomás de Aquino.
SantoAgostinho, influenciado por Platão, pregava uma cisão entre alma e corpo, mas acreditava também que a alma não era apenas a sede pela razão, mas também uma parte divina existente no homem, ela era imortal e o ligava a Deus.
São Tomás de Aquino buscou em Aristóteles a distinção entre essência e existência, considerando que o homem em sua essência busca sempre pela perfeição em sua existência,introduzindo a idéia de que essa busca era, na verdade, a busca por Deus, o único capaz de unir essência e existência. São Tomás de Aquino, devido a conjuntura dos tempos em que viveu, buscou argumentos racionais para justificar os dogmas da Igreja Católica.

A palavra psicologia deriva do grego psico- (“alma”, “actividade mental”) e -logia (“estudo”). Trata-se da ciência que estuda os processosmentais através de três dimensões: cognitiva, afectiva e comportamental. A criação da psicologia científica está ligada ao abandono da metafísica ocorrido no século XX e à tentativa de aplicar os métodos científicos aos fenômenos mentais.

A psicologia científica, despojada da especulação e da metafísica, nasceu no século XIX. Com a psicofísica, que visa medir o mental de forma quantitativa e...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Historia da psicologia
  • Historia da psicologia
  • História da psicologia
  • historia da psicologia
  • História da psicologia
  • Psicologia e história
  • História da psicologia
  • História da psicologia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!