psicologia forense

Páginas: 7 (1674 palavras) Publicado: 8 de junho de 2014
ANHANGUERA EDUCACIONAL RIO GRANDE RS

JUSTIÇA: O QUE É?






Resumo

Este trabalho busca entender o fenômeno da justiça como sentimento social subjetivo, alguns entendimentos, de juristas, pensadores e doutrinadores do Direito, irão ajudar a reunir um conjunto de fatores que definirão o significado do que é justiça para grande parte da sociedade, chegando se a um entendimentopróximo do consenso, e que hoje mesmo expressadas através das normas jurídicas estabelecidas, não garantem o seu acesso a toda sociedade.

Palavras-Chave: Justiça, significado, direito, sociedade, acesso


Abstract

This work seeks to understand the phenomenon of social justice as a subjective feeling, some understandings, lawyers, thinkers and scholars of law, will help gather a set of factorsthat define the meaning of what is justice for much of society, coming to the near consensus view, and that today expressed through the legal rules established, do not guarantee their access to the entire society.

Key Words: justice, meaning, law, society, acsses
Introdução

Justiça, o que é? Difícil definir algo tão amplo e subjetivo, algo que toca o íntimo de cada um, na verdade justiça ésentimento, e cada um tem a sua variante de justiça em seu íntimo, o dicionário traz uma definição gramatical de justiça, e ao que se equivale dentro da língua portuguesa, a filosofia idealiza, e o direito busca unir filosofia, significado e sentimento, e através da doutrina e das normas jurídicas reúne uma gama de entendimentos convergindo para uma definição mais restrita a respeito de justiça.Justiça

Justiça tem por definição segundo o dicionário de nossa língua pátria “Virtude que consiste em dar ou deixar a cada um o que por direito lhe pertence, A faculdade de julgar segundo o Direito e melhor consciência ... (Grifo do autor)”6 pode se afirmar que o conceito de justiça passa pelo crivo moral da sociedade, pois qual o direito de cada um, onde começa o direito de um e terminao de outro, como limitar o dar e o deixar para cada um o que lhe pertence, certamente para um indivíduo qualquer, esta definição, certamente se lhe fosse atribuído o poder de limitar a justiça, se alargaria diante de seus direitos e restringiria o direito dos demais, isso seria então justiça?
Os primeiros pensadores trouxeram luz ao conceito de justiça através da filosofia, Platão7 dizia que ajustiça era uma virtude, e todos os homens deviam possui-la, e suas dádivas deveriam ser distribuídas conforme a aptidão de cada um, os primeiros conceitos foram enunciados pelos pitagóricos8 embora não expressasse amplamente o significado de justiça, enfatiza a ideia de igualdade e reciprocidade, ou seja, justiçae do grego, que quer dizer, equivalência entre.
Aristóteles9 por sua vez avançou sobreo assunto e trouxe a partir da concepção realística, finalista e teleológica do mundo reafirmando o conceito de justiça como uma virtude conforme os ensinamentos de Platão, porem entendia que, diferente de Platão, as dadivas deveriam ser distribuídas igualmente, ele foi o filósofo que mais influenciou o mundo ocidental a respeito deste tema.
Aristóteles não se afastou muito do que Platãoidealizava como justiça, e de que estaria ela profundamente ligada a ética, porém Aristóteles entendeu que existiam duas justiças, a justiça completa e a justiça particular, a primeira remetia a questão da igualdade da reciprocidade, e sendo assim mais nobre, onde cada um recebe o que lhe é devido, já a segunda pregaria a desigualdade pois é de cada indivíduo em particular, nem sempre justa a sociedade.A busca pelo equilíbrio e pelo consenso a respeito de justiça, remete a uma ideia de mediar os conflitos sociais, ou seja encontrar um meio termo para dirimir as desavenças cotidianas, porem Hans Kelsen10, questiona esta busca do meio termo, entendendo que, como pode se definir que o meio termo é justo sem conhecer se os extremos, nem sempre o meio termo é sinônimo de justiça ou equidade, nas...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Psicologia Forense
  • Psicologia forense
  • Psicologia Forense
  • Psicologia forense
  • Psicologia forense
  • Psicologia forense
  • Psicologia forense
  • psicologia forense

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!