Psicologia da adolescência

Páginas: 5 (1170 palavras) Publicado: 12 de agosto de 2012
Psicologia da adolescência
Maturidade emocional
As reações emocionais aparecem de varias formas no adolescente. Há mudanças naturais, como choro, a respiração, o grito e há mudanças nas reações afetivas, que são aprendidas, como ciúme, alegria, o medo.
Porém, é através das vivências do cotidiano que essas mudanças cada vez mais se alteram, levando o adolescente a se tornar adulto. Pais,professores e amigos são os responsáveis por essas alterações.
No menino, existe o “problema” de imitar o pai. Devido a esse hábito, ele acaba por reprimir certas reações e a ativar outras e, até os 6 anos de idade, a maior influência vem do lar como um todo. Ao entrar na puberdade, o menino já sabe lidar melhor com sentimentos de medo, raiva, alegria, ciúme, etc.
Um dos maiores obstáculos enfrentadospelos garotos é a incompreensão e repressão do pai autoritário. Muitas vezes ele prefere guardar para si próprio suas vivências, do que se abrir com o pai, pois sabe que ele não irá entendê-lo e, ao contrário, na maioria das vezes repreende e julga o filho, levando-o a grandes desequilíbrios emocionais.
Contudo, quando há harmonia e diálogo em casa, a criança de sente muito mais à vontade paraexpor seus problemas, contar o que acontece em seu dia-a-dia, principalmente relações afetivas. Sem dúvida, isso irá trazer grandes benefícios ao desenvolvimento emocional do jovem. Os pais devem ajudar seus filhos a terem cada vez mais o controle de suas emoções e sentimentos, não deixando de levar em conta o seu temperamento que é de grande influência.
Já nas meninas, algumas particularidadesdevem ser consideradas.
Afirmam que as meninas são obrigadas, de certa forma, a reprimir seus sentimentos e emoções devido a nossa atual convivência familiar, porém isso não é solução para nada. Por que, ao invés de poder exprimir seus sentimentos, poder expor suas emoções e se sentir livre, a menina deve se fechar e guardar suas angustias para si mesma? Isso realmente não ajudará no seudesenvolvimento emocional e psicológico, pois ela se tornará uma pessoa fraca, que tem medo de tudo, uma pessoa sem personalidade, sem opinião formada, e sofrerá muito no futuro.
É da natureza feminina demonstrar mais o amor pelos pais do que o homem, que logo mais se dirige as amigas e a namorados. Segundo Iracy Dole, o pai, excessivamente autoritário (mesmo caso dos rapazes, porém num nível maiselevado) é o culpado pela incapacidade da mulher para encontrar o prazer, a satisfação, a alegria na companhia de pessoa do sexo masculino.
Isso porque, além do ciúme, ele quer a atenção da filha somente para ele e para a família. Mas a mãe também erra algumas vezes. Por querer proporcionar a filha um bom casamento, acaba provocando infelicidade e insatisfação na jovem que não pode ter suas própriasescolhas.
São alguns exemplos de características do desenvolvimento nas meninas:
* sentimento de vergonha quando começa a se vestir como mulher;
* amores intensos e transitórios;
* entusiasmos fáceis e inconsequentes;
* choro fácil, como o riso;
* descaso pelos estudos, desejo incontrolável para o namoro e desinteresse pelo trabalho doméstico, sempre que os pais lhe causamalguma frustração.
A psicóloga de adolescentes Luella Cole relata algumas das principais dificuldades sentidas pelos jovens, de um modo geral:
I. Dificuldades de ajustamento social
a) Atrito com os pais
b) Falta de habilidade para fazer amigos
c) Ignorância acerca das convenções sociais
d) Falta de habilidade para conviver com membros do sexo oposto
e) Excessiva liberdade ouindependência insuficiente da supervisão dos pais.

II. Dificuldades causadas por falhas pessoais
a) Dificuldades físicas:
1. Fadiga crônica (Cansaço contínuo é uma das queixas mais frequentes)

b) Dificuldades intelectuais
1. Tarefas muito difíceis
2. Métodos ineficientes de estudo
3. Falta de interesse no trabalho
4. Falta de habilidade para ler corretamente...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Adolescência e Psicologia
  • Psicologia Adolescência
  • Psicologia da Adolescencia
  • a psicologia da adolescência
  • Psicologia criança e adolescencia
  • Psicologia no aprendizado na adolescência
  • Psicologia do desenvolvimento e da aprendizagem na adolescência
  • Psicologia da saude adolescencia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!