psicologia aplicada do direito

Páginas: 5 (1042 palavras) Publicado: 1 de dezembro de 2014
1) Historia da psicologia e sua importância para o direito.
A Psicologia e sua importância para o direito
Vários estudiosos definem a psicologia atualmente como um estudo detalhado e de caráter científico do comportamento humano. Sendo o último, aquilo que caracteriza as ações do ser humano, compreende o falar, ocaminhar, ler, escrever e etc. Mesmo existindo certa riqueza nos campos dapsicologia, especificamente nas áreas práticas e de pesquisas a ciência é uma só, expressando-se através de diferentes linguagens. 
A psicologia vem mesclada com a filosofia e com a religião, ela não nasceu científica. Possuindo um breve histórico. Contudo o Direito e a Psicologia possuem caminho em comum, ambos tratam do comportamento humano. Sendo o Direito o conjunto de regras para regular estecomportamento descrevendo a conduta e forma de solucionar conflitos enquanto a psicologia tenta compreender as reações
2) PSICOLOGIA CIENTIFICA X PSICOLOGIA DO SENSO COMUM.
É um sistema de convicções culturamente transmitidas a respeito do comportamento e das experiências pessoais humanas e suas causas"1 . Em outras palavras, é o conjunto de teorias que cada pessoa tem a respeito de como o serhumano funciona. Essas teorias e convicções estão profundamente arraigadas no ser humano e servem de base para as decisões que as pessoas tomam no dia-a-dia.
A psicologia científica se desenvolve sobre o pano de fundo da psicologia do senso comum e deve tê-la sempre em conta. No entanto a relação entre as duas não é sempre pacífica. Alguns autores, como Harold Kelley (1992)2 defendem que a tarefa dapsicologia científica não é refutar a psicologia do senso comum, mas desenvolvê-la e sistematizá-la - afinal a psicologia do senso comum contém um conhecimento sobre o ser humano que permite às pessoas que se compreendam mutuamente, o que, de maneira geral, funciona. No entanto, muitas descobertas da psicologia científica contradizem a psicologia do senso comum - por exemplo, quando Freud afirmoupela primeira vez que crianças têm sexualidade, hoje uma idéia já difundida e confirmada, a opinião comum a respeito era ver as crianças como seres assexuados - e esta, além disso, propõe muitas vezes idéias contraditórias - por exemplo a idéia de que pessoas devam se relacionar com seus semelhantes ("lé com lé, cré com cré") coexiste com a idéia de que "os opostos se atraem", cada uma sendoescolhida conforme a situação. Por isso outros autores 3 4 vêem na psicologia do senso comum um do grandes obstáculos da psicologia científica, pois a influência daquela acaba por dificultar ou até mesmo impedir esta de desenvolver novas ideias e conceitos5 . Por outro lado, como se vê no próprio exemplo da teoria de Freud, a psicologia do senso comum está sempre em mudança e é constantemente alimentadapor ideias e conceitos da psicologia científica. A tensão entre as duas permeia assim toda a atividade da psicologia científica, exigindo do pesquisador uma redobrada atenção.
3) OBJETO DE ESTUDO DA PSICOLOGIA.
A psicologia é uma ciência que se propõe ao estudo do comportamento humano e dos processos psíquicos. Para isso, ela estuda as vias de sua evolução, os mecanismos que lhe servem de basee descreve as mudanças que ocorrem nessa atividade nos estados patológicos. 
Enfim, é o estudo da mente e suas manifestações, que podem ser sadias (mentes normais) e doentias (mentes anormais, patológicas)! Nesta última classe se enquadram todas as manifestações que fogem do que se considera normal !
4) FENOMENOS PSICOLOGICOS E SUA IMPORTANCIA.
O fenômeno psicológico está fundamentado nopressuposto teórico de que o processo de subjetivação individual ocorre em um ambiente cultural circunscrito, produzido pelas relações sociais dos indivíduos de uma dada sociedade, argumenta-se sobre a intercomplementariedade dos conhecimentos da Sociologia, Antropologia e Psicologia. 

Contudo, as culturas e as formas de relação social têm uma história. Uma história que esclarece as condições de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Psicologia aplicada ao direito
  • Psicologia aplicada direito
  • Psicologia aplicada ao direito
  • Trabalho de psicologia aplicada ao direito
  • Psicologia da Delinquência
  • Psicologia aplicada ao direito
  • Psicologia aplicada ao direito
  • Psicologia aplicada ao direito

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!