Protecionismo e desenvolvimento econômico

Páginas: 11 (2702 palavras) Publicado: 4 de março de 2013
Universidade Vila Velha (UVV)




Daniel Lube Martinelli
Pedro Lucas Figueiredo


















Protecionismo E Desenvolvimento Econômico





















Vila Velha
2012
Protecionismo E Desenvolvimento Econômico




SUMÁRIO

1. Introdução.....................................................................................1
2. UmaPrática Histórica...................................................................2
3. Análise Do Protecionismo..............................................................3
3.1 O Preço do Protecionismo............................................................3
4. O Protecionismo E As Relações Internacionais.......................... 3
4.1.China........................................................................................... 4
4.2. MERCOSUL.................................................................................5
4.3. EUA..............................................................................................6
4.4. União Européia.............................................................................6
5. O LivreMercado..............................................................................6
6. Conclusão........................................................................................7
7. Referências......................................................................................9
































1. INTRODUÇÃO

Desde os tempos mercantilistas as práticasprotecionistas são presentes no mercado mundial como uma forma de assegurar a estabilidade e competitividade de uma nação. Porém, com a chegada do século XX e da globalização, as trocas transnacionais se tornaram inevitáveis, a ordem econômica mundial sofreu mutações e novas regras para comércio exterior foram estabelecidas. Atualmente, o grande paradoxo da sociedade internacional tem sido conciliar esteprotecionismo ao desenvolvimento econômico.
























2. UMA PRÁTICA HISTÓRICA


Não se estabelecendo como uma novidade, já foram encontrados dados de práticas protecionistas sendo utilizadas por reis absolutistas europeus no período mercantilista (séculos XVII e XVIII). Estes criavam barreiras alfandegárias ou dificultavam a venda de produtos doexterior em seu território com o intuito de valorizar o produto nacional e dessa forma aumentar sua riqueza, alguns mais extremistas chegavam a proibir a entrada de produtos estrangeiros em seu território.


3. UMA ANÁLISE DO PROTECIONISMO


Atualmente, existem diversos meios práticos protecionistas, os principais exemplos são as tarifas alfandegárias, subsídios, quotas de importação e ocontrole cambial. Alguns destes são considerados crimes contra o comércio internacional, outros são apenas controlados e regulamentados pela OMC (Organização Mundial do Comércio) em inglês, WTO (World Trade Organization). Esta foi criada em 1995 com o objetivo de expandir as trocas, um fórum para negociações entre as nações integrantes, um local para estabelecer suas clausulas de comércio, operaum sistema de regras para negociações e trocas a nível internacional, entre outros.


“There are a number of ways of looking at the World Trade Organization. It is an organization for trade opening. It is a forum for governments to negotiate trade agreements. It is a place for them to settle trade disputes. It operates a system of trade rules. Essentially, the WTO is a place where membergovernments try to sort out the trade problems they face with each other.” OMC website.


Faltaria com a verdade caso afirmasse que o protecionismo é uma prática que só traz benefícios ou apenas malevolências para quem o pratica. Como também seria utopia dizer que as nações deixariam de praticá-lo, mesmo que seja como uma prática mascarada. Os países desenvolvidos recusam-se a abrir seus...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Crescimento econômico e desenvolvimento econômico
  • Desenvolvimento Economico
  • DESENVOLVIMENTO ECÔNOMICO
  • Desenvolvimento Economico
  • Desenvolvimento economico
  • Desenvolvimento economico
  • Desenvolvimento economico
  • Desenvolvimento economico

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!