PRODUÇÃO TEXTUAL EM LINGUA PORTUGUESA

Páginas: 8 (1762 palavras) Publicado: 15 de outubro de 2013
Ao analisarmos uma imagem que reconta uma história conhecida (o conto de Esopo denominado ‘o corvo e a raposa’), o modo como as formas estão dispostas em sua composição não-verbal orientam o olhar do espectador numa determinada ordem que ele, intuitivamente, percebe como uma hierarquia na qual o que é mais importante deve ser visto primeiro. Tentar estabelecer uma ordem na leitura do não-verbal étambém um grande desafio justamente porque:
O corvo e a raposa

Apud Ada Natal Rodrigues e Arlette Azevedo de Paula
Tempo de Comunicação, 8ª série. São Paulo: Abril Cultural, 1973, p. 9
Resposta
Resposta Selecionada: b.
O texto não-verbal é muito subjetivo e depende sempre do repertório de quem o produz, principalmente se representa um conto infantil
Resposta Correta: d.
Otexto não-verbal não é linear, por isso exige maior concentração no momento de estabelecer seu sentido
Feedback da resposta: "O texto não-verbal não é linear, por isso exige maior concentração no momento de estabelecer seu sentido" é a alternativa correta, pois, o texto não-verbal apresenta inúmeras informações de forma não-linear (cores, formas, disposição, tamanho, entre outras) que distraemo olhar o leitor, o que exige dele, portanto, maior concentração para chegar à sua interpretação.

. Pergunta 2 .0 em 0,2 pontos

Incorreta A poesia concreta mostra, na prática, como a relação entre as linguagens verbal e não-verbal cria significado. Leia o texto introdutório e analise o poema-soneto de Avelino de Araújo para escolher a alternativa adequada.
(...) Assim, em nome de umaintuição artística dotada de princípios claros e inteligentes, de grandes possibilidades de desenvolvimento prático", o ideal plástico do Ruptura privilegiava a organização do espaço, a estruturação das formas e da cores, desvinculadas de conteúdos extra -pictóricos. O que interessava ao artista concreto, como observou o crítico Mário Pedrosa, era a "[...] exteriorização precisa da própriavisualidade, uma objetividade formal que aspira o momento em que a própria mão poderá ser substituída na confecção do quadro". Do mesmo modo que a poesia concreta se afastava de suportes semânticos e sintáticos que permitiam uma decodificação mais discursiva dos poemas, a pintura concreta propunha uma nova visualidade que, orientada em princípios geométricos organizados segundo critérios de Gestalt(Teoria Geral da Forma), proporcionasse ao espectador, uma fruição objetiva - a composição observada no quadro deveria corresponder, exatamente, aquilo que o artista concebeu no projeto original da obra. (...) Abolição do verso tradicional, sobretudo através da eliminação dos laços sintáticos (preposições, conjunções, pronomes, etc.), gerando uma poesia objetiva, concreta, feita quase tão somente desubstantivos e verbos; uma linguagem necessariamente sintética, dinâmica, homóloga à sociedade industrial (“A importância do olho na comunicação mais rápida... os anúncios luminosos, as histórias em quadrinhos, a necessidade do movimento....”). (...) O poema transforma-se em objeto visual, valendo-se do espaço gráfico como agente estrutural: uso dos espaços brancos, de recursos tipográficos, etc.; emfunção disso o poema deverá ser simultaneamente lido e visto. (http://www.artbr.com.br/casa/, acesso em 01.09.2012)

Resposta
Resposta Selecionada: c.
Para interpretar o poema, é necessário soltar a imaginação e deixar fruir as sensações, independentemente dos elementos gráficos apresentados no poema.
Resposta Correta: a.
Para interpretar o poema, é necessário um conhecimentocultural e histórico a respeito do que significa “Apartheid”, como se estrutura um soneto e a função de arame farpado.
Feedback da resposta: "Para interpretar o poema, é necessário um conhecimento cultural e histórico a respeito do que significa “Apartheid”, como se estrutura um soneto e a função de arame farpado" é a alternativa correta, pois o leitor, para interpretar todas as informações...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Produção textual: Metodologia da Língua Portuguesa.
  • lingua portuguesa leitura e produção textual
  • Ensaio como avaliar a produção textual em lingua portuguesa
  • O silêncio das palavras: leitura e produção textual em Língua Portuguesa
  • Produção textual em lingua portuguesa Unidade 1
  • Produção textual em lingua portuguesa Unidade 2
  • UNIDADE 3 PRODUCAO TEXTUAL EM LINGUA PORTUGUESA
  • Produção textual em lingua portuguesa Unidade 3

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!