Processo de Enfermagem - Gestão Hospitalar

Páginas: 6 (1410 palavras) Publicado: 13 de setembro de 2013



CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM
Bruna Melo
Francisco Filho
João Gualberto
Jossana da Conceição
Giullyane Costa
Lenard Dias
Lucimara Lino
Rimena Oliveira
Roberta Dantas


PROCESSOS DE ENFERMAGEM





JOÃO PESSOA - PB
2012.2
Bruna Melo
Francisco Filho
João Gualberto
Jossana da Conceição
Giullyane Costa
Lenard
Lucimara Lino
Rimena Oliveira
Roberta DantasTrabalho apresentado ao professor Fábio Nitão da disciplina de Gestão Hospitalar, como requisito para a obtenção da 2° nota.




JOÃO PESSOA – PB
2012.2
Segundo Mishra e Vaysman (2001), informações sobre a gestão de organizações são um fator crítico para a avaliação do planejamento e para o controle operacional, além de subsidiar o processo decisório. Entretanto, a utilização deferramentas para a gestão em hospitais requer cuidados adicionais e algumas adaptações, em razão da especificidade da prestação de serviços relacionados à promoção da saúde e do bem-estar dos pacientes (EVANS III; HWANG; NAGARAJAN, 2001).
Nesse contexto, destacam-se dois modelos que possibilitam a avaliação do controle da gestão em organizações hospitalares: o processo de avaliação para a AH e omonitoramento de indicadores definidos no Pro-Hosp. Apesar da tendência atual de valorização da melhoria da qualidade nos serviços de saúde (SOUZA et al., 2008), observa-se que os hospitais brasileiros enfrentam pressões financeiras que dificultam o investimento de recursos no processo de melhoria geral para AH. De acordo com o Ministério da Saúde (RIPSA, 2002), o total dos gastos públicos federais na áreade saúde tem sido reduzido. Dessa forma, programas como o Pro-Hosp, que financiam ações de melhoria da qualidade em hospitais, têm grande significância e facilitam o processo para a AH (BITTAR, 2000).
O processo de AH foi iniciado no Brasil no final dos anos 80, quando a Organização Pan-americana da Saúde (OPAS) estabeleceu uma série de padrões para os serviços hospitalares da América Latina(ANVISA, 2004). Posteriormente, em 1990, a OMS realizou um convênio com a OPAS, com a Federação Latino-Americana de Hospitais e com o Ministério da Saúde, para elaboração do Manual de Padrões de Acreditação para América Latina (FELDMAN; GATTO; CUNHA, 2005). Nesse período, observou-se que a Acreditação passou a ser considerada um elemento estratégico para desencadear e apoiar iniciativas de qualidadenos serviços de saúde.
Em 1997, o Ministério da Saúde decidiu desenvolver o modelo brasileiro de Acreditação. Para isso, formou-se uma comissão nacional de especialistas, que elaborou a primeira edição do Manual Brasileiro de Acreditação Hospitalar,publicada em 1998 (ANVISA, 2004). No ano de 1999 foi constituída juridicamente a ONA, cuja atribuição é coordenar e promover a Acreditação na área desaúde no Brasil (SILVA, 2005).
Assim, o Sistema Brasileiro de Acreditação foi reconhecido oficialmente pela ANVISA em 2002, por meio da Resolução nº 921/02, e passou a integrar a sua programação (SCHIESARI; KISIL, 2003; ANVISA, 2004). Segundo Quinto Neto e Gastal (1997), no processo de acreditação exige-se dos hospitais que as avaliações integrem todas as áreas da organização, o que impossibilitaa implementação do processo por subáreas. As avaliações são baseadas em ações controláveis, que devem ser obrigatoriamente documentadas em papel, em instrumentos como: regulamentos, regimentos, rotinas, atas e relatórios operacionais (ROONEY; OSTENBERG, 1999; ANVISA, 2004).
Segundo a ANVISA (2004), o certificado de Acreditação está escalonado em três níveis: simples (nível 1), pleno (nível 2) ede excelência (nível 3). O nível desejado deve ser alcançado por todas as áreas da organização em conjunto, para que esta obtenha o certificado de AH. Dessa forma, observase que, se uma área é classificada no nível 1 e as demais no nível 3, a organização será categorizada no nível 1. Os padrões estabelecidos para Acreditação são correlacionados e de complexidade crescente. Sendo assim, para se...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Gestão hospitalar/ Enfermagem
  • Gerência do processo de trabalho em enfermagem: liderança da enfermeira em unidades hospitalares
  • Processo de trabalho do gerente de enfermagem em unidade hospitalar – uma visão dos enfermeiros
  • Administração de enfermagem hospitalar e nao hospitalar
  • Gestão hospitalar
  • Gestão hospitalar
  • Gestão hospitalar
  • Gestao hospitalar

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!