Processo de admissão em grupos coesos

Páginas: 11 (2527 palavras) Publicado: 27 de maio de 2011
Índice

Introdução_________________________________________________ 01

10.1______________________________________________________ 01

10.1.1_____________________________________________________02,03

10.1.2_____________________________________________________04,05

10.2______________________________________________________ 0610.2.1_____________________________________________________06

10.2.2_____________________________________________________07,08

10.2.3____________________________________________________ 09

Conclusão_________________________________________________10

Uma criança que toma os pais como seu modelo, e deseja ser como eles quando crescer. Com isso, adota para sua referência uma categoriasocial, por exemplo, a profissão do pai, e mais tarde, quando adulta, um grupo mais específico, como clube esportivo, corporação militar, seita religiosa, universidade e outros mais. Em qualquer um desses casos, identificam-se com seus participantes mais característicos, tentando “ser como supõe que eles sejam”, o que pode facilitar sua aceitação pelos membros da associação à qual pretendepertencer.
É importante notar que a pessoa não busca alcançar seus objetivos pessoais em qualquer grupo, mas apenas dentro de um elenco em sintonia com sua subcultura.

10.1 – Processo de escolha e admissão em grupos formais e informais.

Identificando-se com os membros de um grupo tomado como referência, é natural que o indivíduo se esforce para ingressar em clube, associação, grupo,empresa ou escola, que goze de prestígio na sociedade e, por isso, tenha a imagem de exclusivo e fechado. Existe ainda o componente racional que o leva a procurar avaliar se o agrupamento pretendido irá facilitar que suas metas particulares sejam atingidas, como segurança de emprego, salário, bons relacionamentos, prestígio e possibilidade de realização profissional.
Caso seja admitido, duassituações podem ocorrer. Na primeira, as expectativas são alcançadas. Na segunda, os esforços não são compensados pelos benefícios recebidos, resultando em sentimentos de frustração. Evidentemente, no primeiro caso a pessoa tende a permanecer no agrupamento e, se esse sentimento for estendido aos demais membros, será um dos fatores para sua manutenção ao longo do tempo. Já no segundo caso, ainsatisfação sentida certamente será uma força para o indivíduo vir a sair, seja da empresa, da escola, do clube ou até mesmo da turma de amigos. Caso essa frustração se entenda aos de mais companheiros, fatalmente essas coletividade se desagregará.

10.1.1 – Grau de identificação e grupos de referência.

É importante destacar que a coletividade tomada por modelo pode ser um grupo, mastambém organizações empresariais, militares, religiosas ou esportivas, bem como determinada classe social e profissional, às quais a pessoa aspira vir a ser membro. Pode-se dizer que pela identificação, um indivíduo tenta absorver uma subcultura, um processo conhecido por aculturação.
A identificação tem por modelo um agrupamento limitado, que é o “grupo de referência”, com o detalhe de que pode vira ser um membro, ou então, do qual ele procura se afastar. O desejo pode ser mais amplo, como uma classe social ou profissional, que se torna a “categoria de referência” de uma pessoa.

1. Grupos de referência positivos e negativos.

- Positivo: é aquele em que o indivíduo se identifica, tomando as atitudes e os comportamentos de seus membros como modelos dos seus.

-Negativo: é aquele em que a pessoa procura agir ou de forma contrária à de seus participantes, ou pelo menos de maneira diferente.

Tanto em um caso quanto em outro, existem diversos grupos de referência para a mesma pessoa. Podendo haver até mesmo um conflito devido à incompatibilidade entre os grupos de referência considerados positivos para o indivíduo, devido ao conflito entre duas...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Grupos coesos
  • Processo de Admissão
  • Processo de admissão
  • Processos de admissão
  • Processo de Admissão
  • Processo de admissão
  • Contratos de trabalho processos admissão
  • Processo de admissão do idoso na instituição

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!