preste motta

Páginas: 7 (1628 palavras) Publicado: 29 de julho de 2014

RESENHA CRÍTICA


OBRA ANALISADA

MOTTA, F. C. P.O que é Burocracia. São Paulo: Brasiliense. 1981

CREDENCIAIS DO AUTOR

Fernando Cláudio Prestes Motta é doutor pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e livre-docente na Universidade de São Paulo. É professor titular de Teoria das Organizações na FGV e de Administração da Educação da USP.

OBJETIVO DO AUTOR

Mostrar qual o verdadeirosignificado da palavra burocracia, A quem ela serve, os sentidos que são dados para designar uma administração racional e eficiente, para designar o seu contrário, para designar o governo de altos funcionários ou ainda para designar organização. Neste livro, as várias facetas da burocracia- poder, controle e alienação.

IDÉIAS CENTRAIS DA OBRA

Prestes Motta (1981, p. 7) afirma que a“burocracia é uma estrutura social na qual a direção das atividades coletivas fica a cargo de um aparelho impessoal hierarquicamente organizado, que deve agir segundo critérios impessoais e métodos racionais”.
Para ele a burocracia nasce das relações de produção, consolida-se no Estado como forma organizada de controle social e amplia-se com as organizações de modo geral. Assim, a sociedade modernatornou-se uma “sociedade de organizações burocráticas submetidas a uma grande organização burocrática que é o Estado” (MOTTA, 1981, p. 8).
Segundo Prestes Motta (1981, p. 8-9), a burocracia apresenta algumas características, tais como:
• A burocracia transforma a maioria das pessoas em trabalhadores assalariados.
• As pessoas organizam-se e participam de grandes organizações impessoais.
• Otrabalho nas organizações burocráticas perde significação intrínseca.
• Mantém-se um estado de segurança e conformismo em troca do trabalho alienado.
• As necessidades das pessoas são manipuladas por meio das relações entre produção e consumo.
• As pessoas aprendem a viver em organizações e não mais em comunidade.
• É fortalecida a aparência de que a democracia é efetivamente o regime políticodominante. Isto ocorre por meio dos partidos políticos e sindicatos, vistos como organizações burocráticas que criam a falsa sensação de participação democrática nas decisões políticas da sociedade.
• A participação das pessoas na vida política perde sentido, sobretudo, porque as pessoas não participam de fato das decisões relevantes.
• O comportamento passa a ser disciplinado e caracterizadocomo irresponsabilidade social, caso o comportamento padrão não seja seguido.
• A filosofia de vida passa a ser o consumo privado e a organização na vida produtiva.
A burocracia como poder só pode ser compreendida “na medida em que analisamos a sua história” (MOTTA, 1981, p. 12). O processo de burocratização no contexto do sistema de produção capitalista é um fenômeno universal e parte de umsistema antagônico próprio do sistema de capital. A burocracia é um instrumento da classe dominante que impõe sua ascendência sobre as demais classes.
 O “modo burocrático de pensar leva o homem ao vazio e à luta por pequenas posições na hierarquia social de prestígio e consumo.” (MOTTA, 1981, p. 13). Para tanto, as operações no trabalho são isoladas em parcelas, que, posteriormente, sãoaprimoradas, classificadas e agrupadas obedecendo à lógica da separação entre concepção e execução. A partir disso, cria-se uma nova lógica para o processo de qualificação dos trabalhadores, passando o trabalhador coletivo a desempenhar atividades sistematizadas, racionalizadas e previsíveis, cujo controle não detém mais. Uma nova cooperação é estabelecida de acordo com os interesses do capital.
Issoocorre por causa da eficiência, responsável por aumentar a produção da mais-valia e, consequentemente, de proporcionar maior lucro. Assim concentra-se, o poder de decisão já que o novo agrupamento retira da maioria o poder de decisão por meio da expropriação do planejamento, da criatividade e do conhecimento amplo e integral. “Tudo isso se faz sob o comando das funções diretivas, que coordenam o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Fernando prestes motta
  • Fichamento prestes motta
  • TGA
  • motta
  • PRESTES
  • Resumo do capítulo 13
  • Prestes
  • Olga Prestes

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!