PR T

Páginas: 3 (510 palavras) Publicado: 3 de junho de 2015
EXCELENTÍSSIMO(A) SENHOR(A) DOUTOR(A) JUÍZ(A) DE DIREITO DA 3º VARA CÍVEL DA COMERCA DE CAMPINAS/SP







PROCESSO Nº 0088555-17.2009.8.26.0114

Pedro Junqueira, já qualificado nos autos da Açãode Indenização em epígrafe, proposta por Antônio da Silva, vem, respeitosamente, à presença de Vossa Excelência, por meio de seu advogado que esta subscreve interpor, com base no artigo 522 doCódigo de Processo Civil (CPC), AGRAVO RETIDO contra o r. despacho saneador de fls. ___, pelas razões de fato e de direito a seguir expostos

I- RESUMO DOS FATOS
Trata-se de ação de indenização movidapelo agravado, em face do agravante. O agravado alega ter disso atingido por estilhaço de tiro, o qual, supostamente, teria sido disparado pelo agravante.
Ocorre que o agravante pleiteou a produçãode prova oral e pericial, com a finalidade de comprovar que não foi o autor do referido disparo, na contestação.
Contudo, foi determinado em r. despacho saneador somente a realização de provapericial, indeferindo a produção de prova oral.
É certo que, muito embora a prova pericial possa contribuir para a formação do convencimento do MM. Juíz, a prova oral é imprescindível para comprovar queo agravante não foi o autor dp disparo que ocasionou a deficiência visual (cegueira) do agravado.
Com base no artigo 332 do Código de Processo Civil (CPC) “todos os meios legais, bem como osmoralmente legítimos, ainda que não especificados neste código, são hábeis para provar a verdade dos fatos, em que se funda a ação ou defesa”.
Portanto, o r. despacho saneador não deve prosperar, dianteda indispensabilidade da produção de prova oral, para comprovar o alegado pelo agravante, em sua defesa.

II- CERCEAMENTO DE DEFESA, INDEFERIMENTO DE PROVA REQUERIDA
A produção de prova oral nopresente feito, como já declinado em momento oportuno, visa instruir o processo com todas as informações necessárias ao esclarecimento da causa.
Ora Excelência, os princípios constitucionais do...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • ARTIGO Pr T VI
  • A O DE PR EXECUTIVIDADE DE T TULO
  • T cnicas e pr ticas de fideliza o
  • T Picos II Pr Ticas Em Psic
  • INSS 2014 pr edital T C
  • RELAT RIO T CNICO DAS AULAS PR TICAS
  • O Livro Como O Pr Prio T Tulo Diz Refere
  • RELAT RIO T CNICO DAS AULAS PR TICAS

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!