Prática pedagógica: fundamentos e metodologias na educação de jovens e adultos

Páginas: 9 (2176 palavras) Publicado: 14 de abril de 2012
Prática Pedagógica: Fundamentos e Metodologias  na Educação de Jovens e Adultos¹
Graça Elda Vasconcelos²

INTRODUÇÃO
Estudar e compreender as peculiaridades da Educação de Jovens e Adultos – EJA, assim como as práticas pedagógicas que perpassam por ela, desde sua origem são objetivos deste trabalho. Portanto, faz-se necessário compreender, ainda os aspectos históricos e quais idéias estãorelacionadas a esta modalidade de ensino.
Inicio este estudo no ano de 1945, quando o decreto n° 19.513, de 25 de agosto foi aprovado, tornando a EJA oficial em nosso país.  A partir  daí, muitas campanhas e projetos foram lançados com o ideal de erradicar o analfabetismo em nosso país.
O grande educador Paulo Freire, no ano de 1963, integrou o grupo para a elaboração do Plano Nacional deAlfabetização junto ao Ministério da Educação, processo este interrompido pelo Golpe Militar, que restringiu o processo de alfabetização a simplesmente aprender a desenhar o nome. Porém,  a  partir do ideal  pedagógico de Paulo Freire, bem como sua proposta para a alfabetização de Jovens e Adultos, várias foram às inspirações e principais idéias de alfabetização e educação popular já no início dos anos60.
De acordo com SANTOS (2009), em 1967, foi criado o Mobral – Movimento Brasileiro de Alfabetização, este, porém, além de não garantir ao aluno  a continuidade dos seus estudos, este tinha um  material acrítico e uniformizado que determinou o fracasso do programa.
Em 1985 nasce a Fundação Educar, que supervisionava as instituições e secretarias que recebiam recursos para executar seusprogramas, mas, em 1990, esta foi extinta devido a  um período de omissão do governo federal em relação às políticas de alfabetização de jovens e adultos.

_________________________________________
¹Trabalho final da disciplina: A Educação Profissional como Política Pública, ministrada pela Profª. Msc. Diselma Marinho Brito.
² Pedagoga e psicopedagoga, aluna do curso de pós-graduação lato-sensu emEducação na modalidade EJA do IFPA – Campus Abaetetuba.

O direito à educação de jovens e adultos só foi ampliado com a Constituição Federal de 1988, e foi neste momento que a concepção de EJA passou a existir incluindo a todos, inclusive aos que em idade própria não obtiveram acesso ao ensino. 
Contudo, somente em  1996, a partir da lei de Diretrizes e Bases da Educação (lei n° 9394/96), que anomenclatura de Ensino Supletivo foi substituída pela EJA - Educação de Jovens e Adultos.
Assim foram implementados três programas, de origem federal, destinados a esta modalidade de ensino: o Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (PRONERA), Plano Nacional de Formação do Trabalhador (PLANFOR) e o Alfabetização Solidária, que a despeito de ter sido  criado com o fim de erradicar oanalfabetismo, tinha em torno uma grande polêmica por sua particularidade assistencialista.
No ano de 2003, já no  governo atual nasceu o Programa Brasil Alfabetizado que dá ênfase ao voluntariado, apostando na mobilização da sociedade para resolver o problema do analfabetismo.
Num nível mais elaborado de ensino surge então, em 2006, o PROEJA, Programa Nacional de Integração da EducaçãoProfissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos, com o intuito que se fundamenta no compromisso governamental de:
[...] a expansão da oferta pública de educação profissional; o desenvolvimento de estratégias de financiamento público que permitam a obtenção de recursos para um atendimento de qualidade; a oferta de educação profissional dentro da concepção de formaçãointegral [...]. (BRASIL, 2006, p.1)

FUNDAMENTOS E METODOLOGIAS
Neste contexto histórico, no Brasil, em meados da década de 40, o Ministério de Educação (MEC) cria “O Primeiro Guia de Leitura”, inspirado no Laubach, um guia  de ensino de leitura para adultos, norte-americano. 
Segundo esclarecimentos do MEC: 
O Guia de Leitura baseava-se no ensino do método silábico. As lições partiam de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Educação de jovens e adultos: currículo e práticas pedagógicas
  • Educação de Jovens e Adultos: Currículo e Práticas Pedagógicas
  • A utilizacao da tecnologia na pratica pedagógica da educação de jovens e adultos
  • DIREITO À EDUCAÇÃO E PROBLEMATIZAÇÃO DA PRÁTICA POLÍTICO-PEDAGÓGICA NA ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS
  • ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO: PERFIS DOS SUJEITOS E A PRÁTICA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS.
  • A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS E SUA METODOLOGIA
  • AS METODOLOGIAS PARA ALFABETIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS
  • A PRÁTICA PEDAGÓGICA E O PROCESSO DE APRENDER DO ALUNO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!