Por que estuda RI

Páginas: 15 (3620 palavras) Publicado: 17 de setembro de 2014
Matéria: Introdução às Relações Internacionais.

Capitulo: 01 “Por que estuda RI?”

- As Relações Internacionais na vida cotidiana.
Um estado independente pode ser definido como um território dotado de fronteiras e contornos distintos, com uma população permanente, sob a jurisdição de um governo supremo constitucionalmente separado de todos os governos estrangeiros: Estado Soberano.Todos nós estamos ligados a um Estado particular e, por meio deste, nos conectamos ao sistema de Estados que afeta nossas vidas de maneiras importantes.
Os Estados são independentes uns dos outros, pelo menos legalmente: eles têm soberania. No entanto, isso não significa que eles estejam isolados. Pelo contrário, se unem e se influenciam. Eles formam o Sistema de Estados que é o tema central das RI.Estão geralmente incorporados aos mercados internacionais, que geram efeitos sobre as políticas dos governos e sobre a riqueza e o bem-estar de seus cidadãos. Portanto, o relacionamento entre Estados é necessário – ou seja, o isolamento total não é uma opção.
Em outras palavras as Relações Internacionais foca a natureza e as conseqüências dessas interações.
Desde o séc. XVIII, as relaçõesentre tais estados independentes são chamadas de “relações internacionais”.
O mundo de Estados é basicamente um mundo territorial: é uma forma de organizar politicamente as regiões povoadas do mundo, um tipo diferenciado de estruturação política territorial com base em inúmeros governos distintos, que são legalmente independentes uns dos outros.
A vida dentro de um Estado. O que isso implica? Qualsua importância? Como devemos pensar sobre isso? Esse capítulo tratara sobre isso.

Há, no mínimo, cinco valores sociais básicos que os Estados supostamente devem defender: segurança, liberdade, ordem, justiça e bem-estar. Por serem tão fundamentais ao bem-estar humano, tais valores sociais precisam ser protegidos e garantidos. É claro que outras organizações sociais, além do Estado, podemassumir tal responsabilidade: como a família, o clã ou as organizações étnicas ou religiosas. 1-) As pessoas costumam achar que o Estado deveria financiar a segurança. A própria existência de Estados independentes afeta o valor da segurança: vivemos em um mundo de muitos países, quase todos minimamente armados. Os Estados tanto defendem como ameaçam a segurança das pessoas – este paradoxo dosistema de Estados é geralmente conhecido como o “Dilema de segurança”.
A maioria dos Estados possui forças Armadas. Por isso, o poder militar é considerado uma condição essencial para que os Estados possam coexistir e se relacionar uns com os outros sem serem intimidados ou subjugados. Países desarmados são um fato raro na história do sistema de Estados. Com o objetivo de aumentar a segurançanacional, muitos Estados também optam por formar alianças. A segurança é certamente um dos valores mais fundamentais das RI.
2-) O segundo valor básico, cuja garantia é responsabilidade dos Estados, é a Liberdade, tanto a pessoal quanto a nacional – a independência. Não podemos ser livres a não ser que nosso país também seja. No entanto, mesmo quando um país é livre, sua população pode não ser, mas pelomenos o problema da Liberdade está nas próprias mãos dos cidadãos. A guerra ameaça e, algumas vezes, destrói a liberdade. A paz, pelo contrário, promove a liberdade.
A paz e a mudança progressiva estão, certamente, entre os valores mais fundamentais das relações internacionais.
Opera a partir da suposição de que as relações internacionais podem ser mais bem caracterizadas como um mundo no qualos Estados cooperam entre si, com o objetivo de manter a paz e a liberdade, além de buscar a mudança progressiva.
3 e 4-) O terceiro e o quarto valores básicos sob responsabilidade dos Estados são a ordem e a justiça. Para que os países possam coexistir e interagir com base na estabilidade, na certeza e na previsibilidade, é fundamental que tenham o interesse comum no estabelecimento e na...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • estuda
  • estuda
  • estuda
  • estuda
  • estuda
  • estuda
  • Conceitos, o que a psicologia estuda, e como estuda!
  • O que estuda a psicologia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!