poemas

Páginas: 2 (256 palavras) Publicado: 11 de dezembro de 2014
Cantiga de viúvo

A noite caiu na minh'alma,
Fique triste sem querer.
Uma sombra veio vindo,
Veio vindo, me abraçou.
Era sombra de meu bem
Que morreuhá tanto tempo.

Me abraçou com tanto amor
Me apertou com tanto fogo
Me beijou, me consolou.

Depois riu devagarinho,
Me disse adeus com a cabeça
Esaiu. Fechou a porta.
Ouvi teus passos na escada.
Depois mais nada...

Acabou.

Carlos drummond de andrade.

Balada do amor através das idades

Eute gosto, você me gosta
Desde tempos imemoriais
Eu era grego, você troiana,
Troiana mais não helena.
Saí do cavalo de pau
Para matar teu irmão.
Matei,brigamos, morremos.

Bom, acabei de citar pedaços de poemas de carlos drummond de andrade
Um dos meus poetas preferidos. Suas poesias são incriveis.Cantiga de viúvo

A noite caiu na minh'alma,
Fique triste sem querer.
Uma sombra veio vindo,
Veio vindo, me abraçou.
Era sombra de meu bem
Que morreuhá tanto tempo.

Me abraçou com tanto amor
Me apertou com tanto fogo
Me beijou, me consolou.

Depois riu devagarinho,
Me disse adeus com a cabeça
Esaiu. Fechou a porta.
Ouvi teus passos na escada.
Depois mais nada...

Acabou.

Carlos drummond de andrade.

Balada do amor através das idades

Eu tegosto, você me gosta
Desde tempos imemoriais
Eu era grego, você troiana,
Troiana mais não helena.
Saí do cavalo de pau
Para matar teu irmão.
Matei,brigamos, morremos.

Bom, acabei de citar pedaços de poemas de carlos drummond de andrade
Um dos meus poetas preferidos. Suas poesias são incriveis.
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Poemas
  • Poemas
  • poemas
  • poema
  • poemas
  • Poema
  • Poema
  • Meus Poemas

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!