Plano de ações estratégicas para o enfrentamento das doenças crônicas não transmissíveis (dcnt) no brasil, 2011-2022

Páginas: 17 (4133 palavras) Publicado: 27 de março de 2012
Anhanguera Educacional


Faculdade de Enfermagem 6º Semestre


Gabriela Floriano
Laila dos Anjos Silva
Mª Viviane S. Ribeiro
Vânia Candido Ferro




Profª Sandra
Políticas Públicas de Saúde
















Taboão da Serra
Novembro/2011

Lista de Abreviaturas:

ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária
DCNT - Doenças Crônicas Não TransmissíveisEmbrapa - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
GATS - Global Adult Tobacco Survey
IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística
MS - Ministério da Saúde
PETab - Pesquisa Especial de Tabagismo
PNAD - Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios
PNAE - Programa Nacional de Alimentação Escolar
PNPS - Política Nacional de Promoção da Saúde
PSE - Programa Saúde na Escola
SUS - SistemaÚnico de Saúde
SVS - Secretaria de Vigilância em Saúde
Vigitel - Inquérito Domiciliar sobre Comportamento de Risco e Morbidade Referida de Agravos não Transmissíveis

[pic]
Fonte: http://portal.saude.gov.br/portal/arquivos/pdf/cartilha_plano_final_11.pdf











PLANO DE AÇÕES ESTRATÉGICAS PARA O ENFRENTAMENTO DAS DOENÇAS CRÔNICAS NÃO TRANSMISSÍVEIS (DCNT) NO BRASIL, 2011-2022Apresentação

Esta publicação contém o Plano de Ações Estratégicas para o Enfrentamento das Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) no Brasil, 2011-2022, do Ministério da Saúde (MS). Para construção deste Plano, o MS contou com a colaboração de instituições de ensino e pesquisa, diversos ministérios do governo brasileiro, membros de ONGs da área da saúde, entidades médicas, associações deportadores de doenças crônicas, entre outros. Foram cinco meses de discussões, por meio de reuniões, fóruns e consultas via internet, buscando colher sugestões dos diferentes segmentos da sociedade para construir intervenções que possibilitem o enfrentamento das DCNT no país. O Plano também foi apresentado nas instâncias do Sistema Único de Saúde (SUS), visando à sua consolidação como umcompromisso de todos os níveis de gestão.
O Plano visa preparar o Brasil para enfrentar e deter, nos próximos dez anos, as doenças crônicas não transmissíveis (DCNT), entre as quais: acidente vascular cerebral, infarto, hipertensão arterial, câncer, diabetes e doenças respiratórias crônicas. No país, essas doenças constituem o problema de saúde de maior magnitude e correspondem a cerca de 70% das causasde mortes, atingindo fortemente camadas pobres da população e grupos mais vulneráveis, como a população de baixa escolaridade e renda. Na última década, observou-se uma redução de aproximadamente 20% nas taxas de mortalidade pelas DCNT, o que pode ser atribuído à expansão da atenção primária, melhoria da assistência e redução do consumo do tabaco desde os anos 1990, mostrando importante avanço nasaúde dos brasileiros.
Como determinantes sociais das DCNT, são apontadas as desigualdades sociais, as diferenças no acesso aos bens e aos serviços, a baixa escolaridade, as desigualdades no acesso à informação, além dos fatores de risco modificáveis, como tabagismo, consumo de bebida alcoólica, inatividade física e alimentação inadequada, tornando possível sua prevenção.
Como resposta aodesafio das DCNT, o Ministério da Saúde do Brasil tem implementado importantes políticas de enfrentamento dessas doenças, com destaque para a Organização da Vigilância de DCNT, cujo objetivo é conhecer a distribuição, a magnitude e a tendência das doenças crônicas e agravos e seus fatores de risco, além de apoiar as políticas públicas de promoção à saúde. A Política Nacional de Promoção da Saúde (PNPS)tem priorizado diversas ações no campo da alimentação saudável, atividade física, prevenção do uso do tabaco e álcool e também é uma prioridade de governo.

1. Contexto das DCNT no Brasil

As DCNT constituem o problema de saúde de maior magnitude e correspondem a 72% das causas de mortes. As DCNT atingem fortemente camadas pobres da população e grupos vulneráveis. Em 2007, a taxa de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Doenças crônicas não transmissíveis
  • Doenças Crônicas Não Transmissíveis(DCNT)
  • DOENÇAS CRÔNICAS NÃO TRANSMISSÍVEIS
  • Doenças crônicas não transmissíveis
  • Doenças cronicas não transmissiveis
  • DOENÇAS CRONICAS NÃO TRANSMISSÍVEIS
  • Doenças Crônicas não Transmissíveis (Resumo)
  • Epidemiologia doenças crônicas nao transmissiveis

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!