Pi administraçao

Páginas: 6 (1305 palavras) Publicado: 20 de novembro de 2010
UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ
CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO
EAD – ESTÁCIO CAMPUS VIRTUAL

UMA REFLEXÃO SOBRE O CÓDIGO BRASILEIRO DE DEFESA DO CONSUMIDOR E O PROCON: A VINCULAÇÃO DO EQUILÍBRIO DAS RELAÇÕES DE CONSUMO COM A CIDADANIA E A EDUCAÇÃO

Saulo Teixeira Gonçalves
201001057244

PROJETO INTEGRADOR

Brasilia-DF
17 de Junho de 2010

SUMÁRIO

1.INTRODUÇÃO.................................................................................................................... 3
2. O EQUILÍBRIO ENTRE AS PARTES .............................................................................4
3. A IMPORTÂNCIA DO PROCON PARA A CIDADANIA E A EDUCAÇÃO ............ 5
4. CONSIDERAÇÕES FINAIS .............................................................................................6
5. REFERÊNCIAS .................................................................................................................. 7

1. INTRODUÇÃO

O consumo é natural do ser humano seja de bens duráveis ou não duráveis, para inserir um produto no mercado é preciso estudar toda a cultura dos consumidores ver se existe um potencial para o consumo do produto inserido no mercado, ver seele afetará ou não a cultura local.
O produto elaborado por esta empresa tem por objetivo final a melhoria da qualidade de vida humana. O consumo deste produto não pode afetar de maneira negativa o meio no qual seu consumidor se encontra inserido. A empresa tem como valor a melhoria do modo de vida do ser humano, buscando sempre alternativas sustentáveis.
Após análises realizadas junto alaboratórios foi constatado um vicio de fabricação no produto quando o mesmo é armazenado em local com grande umidade, desta forma deveremos indicar no manual do produto que após a utilização do mesmo este deve ser lavado e secado de imediato, não deixando o mesmo molhado.
Devemos realizar uma propaganda institucional e educacional focando a situação na qual o cliente tem que se atentar, assimestará educando eles de forma correta de como tratar nosso produto.
Para que nosso cliente não veja isso como defeito, podemos mostrar sempre lugares arejados, iluminados, assim nossos clientes ao adquirir o produto lembrará-se da propaganda e agirá parecido, assim o vicio do produto não será visto como de má qualidade e sim como uma situação normal.
Em curto tempo deveremos manter pesquisasde mercado para que possamos ver a aceitação dos clientes do produto e também manter uma pesquisa tecnológica para sanarmos o problema o mais rápido possível.

2. O EQUILÍBRIO ENTRE AS PARTES

A boa-fé é uma forma não só de mostrar os valores de uma empresa perante os contratos pela mesma assinada, mas também de manter um relacionamento cordial e continuo com os atuais e futuros clientes.Utilizar a boa-fé deve ser primordial em um contrato para que possa haver clareza nos termos assinados, não tendo problemas num futuro.
Porem a utilização desse procedimento não nos diz que durante o vigor do contrato será utilizado também à boa-fé, pois pode haver quebras de contratos, inadimplências e até falta de fornecimento, a boa-fé ajuda na hora de finalizar um negocio mas autilização da mesma durante o período do contrato depende unicamente da contratada e contratante seguirem de forma leal.
Todos os envolvidos podem estar sujeitos à quebra dessa boa-fé, inicialmente o vendedor pode atrasar a entrega do produto/serviço, ou entregar um produto/serviço inferior ao contratado, assim o vendedor está mais fácil de quebrar a boa-fé do que o consumidor, mas o consumidorpode por outro lado agir de má fé e não pagar as parcelas do contrato gerando assim uma inadimplência para o fornecedor, como também o consumidor pode ter um mau uso do produto e danificar o mesmo gerando assim um desconforto entre consumidor e fornecedor.
A boa-fé não impõe contratualmente deveres e obrigações das duas partes, existem clausulas que vão julgar a má fé de qualquer parte...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • POLÍTICAS DE QUALIDADE DE VIDA NO TRABALHO DOS COLABORADORES DA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DO PIAUÍ – SEAD/PI.
  • PI
  • PI
  • PI
  • PI
  • PI
  • PI
  • PI

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!