Pesquisa e prática profissional

Páginas: 8 (1798 palavras) Publicado: 3 de julho de 2011
PESQUISA E PRÁTICA PROFISSIONAL – PRODUÇÃO DE TEXTO
Em 1970 houve o início do processo de Democratização do acesso escolar no Brasil. Uma escola preconceituosa e elitista, que começou a ser promotora da emancipação e da transformação durante a década de 1990. A partir daí, mudou-se o conceito de reprovação, mesmo não dominando conteúdos tradicionais, muitos alunos vem sendo promovidos a níveismais elevados. Aumentou-se assim a oferta e o acesso as vagas de nível superior. E ai surgem os alunos que não são proficientes leitores e produtores de texto (letrados), e se o aluno não sabe, cabe ao professor ensinar, e não ter uma posição autoritária e excludente, consequentemente reprovando-os.
Pela concepção pedagógica libertadora desenvolvida pelo educador Paulo Freire: “Ninguém ensinanada a ninguém, os homens aprendem em comunhão, mediados pelo mundo”. Segundo Schirley Horácio de Góis Hartmann e Sebastião Donizete Santarosa, concebemos a linguagem verbal como construção histórica. Nossa constituição como sujeitos também está vinculada ao processo histórico de constituição da linguagem. A linguagem é trabalho social e histórico seu, dos outros e para com os outros. Não aprendemosas palavras em dicionários e gramáticas, nós aprendemos dos lábios e das escritas de nossos interlocutores.
Segundo Vigotsky, (1991, pg 64), cada indivíduo é único e, por meio de seus processos psicológicos mais sofisticados (que envolvem consciência, vontade e intenção), constrói seus significados e recria sua própria cultura. A linguagem faz parte da essencialidade da vida humana,estabelecendo relações sociais, à construção e à transmissão de valores culturais e à formação da consciência histórica.
Quando dizemos linguagem, não estamos nos referindo apenas à linguagem verbal, ou seja, à fala e à escrita. Existem muitos outros sistemas simbólicos que também se constituem em linguagens. Os sinais usados pelos surdos, os sinais de trânsito, os gestos cotidianos, a fotografia, ocinema, a televisão, a música, a arquitetura, a pintura, entre tantos outros sistemas, são linguagens, pois cumprem uma função representativa.
As pessoas falam de acordo com o grupo social em que se encontram, com o nível de escolaridade que possuem, com a faixa etária em que se inserem, com o gênero com que se identificam e com a época histórica em que vivem. As pessoas falam de acordo com suasidentidades sociais. Em língua não existe certo ou errado, mas sim diferenças.
A língua está diretamente ligada as formas de nos relacionarmos com o mundo.e de dizê-lo. Da mesma forma que ela é produzida pelos homens em um processo de interação, o que a caracteriza como produto cultural, ela também materializa em si os valores culturais. Nossa relação com o mundo é mediada pela linguagem. Dizer o nomedas coisas, compreendê-las é uma forma de dizer o mundo em que vivemos.
O que falamos com certo requinte e beleza em um contexto pode soar muito mal em outro, o que é adequado dizer em um contexto pode não ser em outro, quem pode falar em um contexto, talvez não possa falar em outro.O que ocorre é que as formas de organização social e as práticas culturais delas advindas determinam formas deinteração, o papel dos interlocutores nessas interações e as respectivas formas de dizer.
As línguas, apresentam variações no tempo, além das variações sociais e culturais. São realidades históricas, não apenas no sentido de que se transformam no decorrer do tempo, mas no sentido de que estão se construindo e se reconstruindo a todo tempo. Na língua, nada é estático, pronto e acabado. Tudo serefaz e se transforma incessantemente. Um bom exemplo é o da palavra formidável. Há não mais de duzentos anos, o significado dessa palavra era “horrível, muito feio”. Hoje é considerado um grande elogio, quando somos chamados de formidáveis. Apesar de existir este processo de evolução da língua, não é através dele que aprendemos a mesma. Aprendemos uma língua e todas as suas sutilezas, tanto na...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Pesquisa e Prática Profissional- A Escola
  • Pesquisa e pratica profissional
  • Pesquisa pratica profissional
  • Relatório de pesquisa e prática profissional –
  • pesquisa e pratica profissional " a escola'
  • pesquisa e pratica profissional a escola
  • Relatório de pesquisa e prática profissional
  • Pesquisa e Prática profissional

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!