Pensadores da administração: max weber

Páginas: 7 (1642 palavras) Publicado: 14 de maio de 2012
CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO DA BAHIA
GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

ANDRÉIA KARINA
DIÃ SALES
GRAZIELE NUNES
JUREMA GOMES


PENSADORES DA ADMINISTRAÇÃO:

MAX WEBER

Salvador
2012





ANDRÉIA KARINA
DIÃ SALES
GRAZIELE NUNES
JUREMA GOMES




















PENSADORES DA ADMINISTRAÇÃO: MAX WEBER





Trabalhoapresentado ao Centro Universitário Estácio da Bahia, como requisito de avaliação parcial – AV I, disciplina Introdução à Administração, 1º semestre do Curso Gestão de Recursos Humanos, sob orientação da Profª Magalí de Oliveira Sacramento.
























Salvador
2012

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO
2 DESENVOLVIMENTO
3 CONSIDERAÇÕES FINAIS
4REFERENCIAS
ANEXOS

1. INTRODUÇÃO

Geralmente quando ouvimos a palavra burocracia, imediatamente temos a idéia de exigência, dificuldades, demora (no sentido de lentidão de solução de procedimentos). Ao contrário do que pensava o criador da teoria da Burocracia Max Weber, que entendia que burocracia é sinônimo de eficiência, racionalidade, adequação dos objetivos pretendidos, ou seja,adquirir a máxima eficiência no alcance desses objetivos dentro das organizações.
Segundo CHIAVENATO (1995, p.11) Maximilian Carl Emil Weber nasceu na cidade de Erfurt (Alemanha) em 21 de abril de 1864 e morreu em 1920, filho de Max Weber um político público-liberal e Helene Fallenstein uma calvinista moderada. O primeiro de sete filhos casou-se em 1983 com a também socióloga Marianne Schnitger umafeminista estudiosa, no ano seguinte tornou-se professor de economia na Universidade de Freiburg e Heidelberg. Foi um importante sociólogo, jurista, historiador e economista alemão Weber é considerado um dos fundadores do estudo sociológico moderno e criador da teoria da Sociologia da Burocracia. Seus estudos mais importantes estão nas áreas da sociologia da religião, sociologia política,administração pública (governo) e economia. Seu principal livro, para o propósito deste estudo, é “A Ética Protestante e o Espírito de Capitalismo”.
A Teoria da Burocracia surgiu na década de 1940, para suprir as críticas das teorias organizacionais existentes, especialmente a Teoria Clássica (excesso de mecanismo) e a Teoria das Relações Humanas.

2. DESENVOLVIMENTO

De acordo com Chiavenato(2008), a burocracia é uma forma de organização humana que se baseia na racionalidade, isto é, na adequação dos meios aos objetivos pretendidos a fim de garantir a máxima eficiência possível no alcance desses objetivos.
Dessa forma, o autor enfatiza que a racionalidade está diretamente relacionada aos objetivos, e o que se pode perceber nas organizações é um equilíbrio entre estes dois processos,haja vista que sem essa moderação
Ainda segundo Chiavenato (2008), Popularmente a burocracia é vista como uma empresa, repartição ou organização onde o papelório se multiplica e se avoluma, impedindo as soluções rápidas e eficientes, funcionários apegados a regulamentos e rotinas, causando ineficiência à organização, porém essas atribuições não são próprias da teoria e sim de suas disfunções.Sobre a burocracia o autor Chiavenato diz que:
A burocracia é exatamente ao contrário, é a organização eficiente por excelência e para conseguir esta eficiência, a burocracia precisa detalhar antecipadamente e nos mínimos detalhes como as coisas devem acontecer. Para ele a burocracia não é um sistema social, mas um tipo de poder, por isso para entendê-la, ele procurou estudar os tipos de sociedade eos tipos de autoridade.

O autor relata que para a burocracia funcionar de maneira organizada dentro das empresas, precisa-se haver um estudo detalhado, de forma minuciosa, procurando entender tanto os costumes da sociedade, costumes esses que são passados de geração a geração, quanto procura subsídios baseados nos direitos e obrigações.

Weber, relatado pelo autor Chiavenato no texto...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Pensadores: max weber e saint-simon
  • Max Weber na Administração
  • Contribuição de Max Weber na Administração
  • Teorias da administração
  • Max weber e a teoria da administração
  • Pensadores filosóficos : Karl Marx, Émile Durkheim, Max Weber e Auguste Comte
  • As relações entre indivíduo e sociedade, com os pensadores émile durkeim; karl marx e max weber.
  • Max weber

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!