Pedagogia da Autonomia

Páginas: 9 (2023 palavras) Publicado: 11 de novembro de 2014

FILOSOFIA DA EDUCAÇÃO
Carminda Sousa
Pedagogia
2º Semestre




RESENHA CRÍTICA DA OBRA:
PEDAGOGIA DA AUTONOMIA



Trabalho apresentado à disciplina
De Filosofia da Educação do curso
De Pedagogia do IESB.
Prof. Eder Alonso Castro.






Brasília – DF
2011
Informações sobre a obra:
Nome do autor: Paulo Freire
Titulo da obra: Pedagogia da AutonomiaSaberes necessários à prática educativa.
Nome da editora: Paz e Terra
Data da publicação: 1996
Número de páginas: 148 páginas.

Informações sobre o autor:
Paulo Régis Neves Freire nasceu em 19 de setembro de 1921 na cidade do Recife. Sua mãe o alfabetizou e ensinou a escrever utilizando pequenos galhos de árvore. Quando tinha dez anos sua família mudou para Jaboatão. Logo naadolescência demonstrou interesse pela língua portuguesa. Aos 22 anos começou o curso de Direito na Faculdade de Direito do Recife. Mais tarde casou-se com a professora primaria Elza Maria Costa Oliveira, com quem teve cinco filhos. Foi no Colégio Oswaldo Cruz no Recife, que Paulo Freire começou sua história como educador. Em 1947 teve o seu primeiro contato a alfabetização de adultos, convidado para serdiretor do departamento de educação do SESI.
Paulo Freire é o inspirador de um método revolucionário que alfabetizava em quarenta horas, sem cartilha ou material didático. Com base nesse método surgiram algumas campanhas de alfabetização, dentre elas a campanha “De Pé no Chão Também se Aprende a Ler”. Para ele nas bastava simplesmente alfabetizar, mas fazer com que o homem se assumisse comdignidade, como detentor de uma cultura e capaz de fazer história.
A importância de Paulo Freire no cenário da educação brasileira foi a construção de uma educação onde o dialogo é o elemento chave para o professor e o educando sejam sujeitos atuantes da aprendizagem. Pois só por meio do dialogo é que pode haver uma conscientização da igualdade onde todos procuram pensar criticamente.
Resenha –Pedagogia da Autonomia

Paulo Freire entra na Pedagogia da autonomia explicando suas razões para examinar a prática pedagógica do professor relacionada à autonomia de ser e de saber do educando. Deixa clara a necessidade de respeito ao conhecimento que o educando traz consigo para a escola, tendo à vista ele ser uma pessoa social e histórico com a compreensão de que “formar é muito mais do quepuramente treinar o educando no desempenho de destrezas” (p. 15).
No que tange as idéias do autor o educador deve buscar sempre uma postura ética, que é essencial para a prática docente. O educador deve lutar por uma ética que ande junto com a prática educativa, o autor cita em “ética universal do ser humano” (p.16) e em [...] É por esta ética inseparável da prática educativa, não importa setrabalhamos com crianças, jovens ou com adultos, que devemos luta” (p.16). Explica ainda que a melhor forma de lutar e praticar a ética são sendo testemunha viva aos educandos, nas relações com eles, ou seja, no modo como ensina os conteúdos, na forma como cita os autores cuja obra discorda ou concorda. Não falando mal de outros profissionais, e é indispensável não soterrar os sonhos e a utopia doseducandos, defendendo assim uma postura ética.
Segundo a ótica do autor “Não há docência sem discência” (p.21), onde ele defende a necessidade de uma reflexão sobre a formação docente e a prática educativo-crítica, ou seja, o docente deve ser capaz de equilibrar e harmonizar os ensinamentos que transmite ao educando e os conhecimentos que este possui. Defende ainda que o docente deva ter domínio doconteúdo a ser ministrado e desde a sua formação deve ter uma consciência bem clara que o ato de ensinar [...] “Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua produção ou a sua construção” (p.22). Entende-se que o ensino não depende exclusivamente do professor, assim como a aprendizagem não é algo apenas do educando, pois “Quem ensina aprende ao ensinar e quem aprende...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Pedagogia da autonomia
  • Pedagogia da Autonomia
  • Pedagogia da autonomia
  • Pedagogia da autonomia
  • pedagogia da autonomia
  • Pedagogia da Autonomia
  • Pedagogia da autonomia
  • Pedagogia da autonomia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!