PARTE 1

Páginas: 24 (5847 palavras) Publicado: 24 de agosto de 2015
PARTE: 1
Tenho 20 anos, me chamo s/n, sou brasileira, e moro em Londres há um ano e meio. Minha especialidade é pernas, pés, fisioteria, podemos dizer assim. Terminei minha faculdade de medicina na Inglaterra, e agora “estagio” em um dos maiores hospitais daqui. Meus pais moram no Brazil, junto com toda a minha familia. E quase nunca vou lá. Acho que agora que tava formada, talvez ficasse maisfácil.
Era seis da manhã, quando o despertador toca. Detestava aquele despertador que eu tinha ganhado no natal. O barulho era insuportável, parecia uma buzina no meu ouvido. Taquei a mão nele (como sempre), e levantei. Tomei banho, me arrumei rapidão, e fui para o hospital, para mais um dia com os meus lindos pacientes.
Entrei no carro e percebi uma mensagem da Taylor, uma das minhas melhoresamigas, companheira de casa e de carro. Droga, sai tão de fininho para ela nem perceber.
“Nossa, amiga. Saiu cedinho hoje, né? Vai com Deus. Te Amo! :**”
A Tay era uma linda, ela fazia faculdade de moda em Londres, era uma americana registrada. Um ano mais nova que eu, direto de São Francisco, para o mundo das passarelas. Respondi ela, com a minha doçura matinal.
“Foi mal ter te acordado Vaquinha...Mais tarde negociaremos quem fica com o carro, ok? Haha, te amo também!!!”
Dei partida no carro, e depois de mais ou menos meia hora eu chego no meu local de trabalho. Nossa, aquilo lá era sempre agitado. Corri para a ala pediátrica, que eu tanto amava, para falar com a Sara. Ela tinha nove anos, era irlandesa, e tinha nascido com uma doença nos ossos. Nossa, aquela menina era uma guerreira, e euamava muito ela. Nos abraçamos, tivemos a conversa rápida de toda manhã, ela me contou sobre uns novos habitantes da pediatria que ela tinha visto chegar, e que tinha achado eles uns gatinhos. Prometi me informar quem eram eles, e quem sabe arranjar um encontro para ela. Ela sorriu, beijei sua testa e fui assumir meu posto.
Coloquei meu jaleco rapidão, e quando entrei na sala, meu chefe me olhavacom uma cara de reprovação.
EU: Qual é, Jame! Tava falando com a Sara... Ela precisa tanto de mim! – fiz biquinho e abaixei a cabeça, tentando fazer ele sentir pena de mim.
JAME: Boa Tentativa! Temos uma sirurgia daqui á meia hora... – ele riu, e me entregou um papel que falava o que eu tinha que fazer na sirurgia.
Depois da sirurgia, dei as ordens para a enfermeira sobre os cuidados do paciente,que ainda dormia, e resolvi tomar um café na lanchonete, até ele acordar.
COLYN: Olha só! A doutora sumida apareceu... – ele veio em minha direção com um café na mão, me dando um beijo na bochecha, o que fez eu me esquivar um pouco – O que foi, gata?
EU: Nada não! Considerando o fato que você nem trabalha aqui, e já tentou me agarrar uma vez, e tem histórico policial? Nada, nada mesmo! – peguei ocafé, e ele sentou na mesa comigo – O que você tá fazendo aqui, garoto?
COLYN: Calma, doutora! Eu só...
MATT: Valeu por me cobrir, irmão! Agora se manda daqui, antes que a policia ou o diretor do hospital apareça... – puxou ele da cadeira, que mandou um beijinho para mim e saiu.
EU: Fala Sério, Matt! Seu irmão? Poxa, pensei que você tivesse aprendido na ultima vez, quando você quase perde oemprego... – ele fez uma cara de arrependido, e me olhou. Aquele olhar que uma vez já tinha sido mais que olhar de amigo. Pois é, ele já tinha dito que gostava de mim uma vez, e eu apenas disse não, e fui embora. Depois disso, não disse mais nada, nem ele e nem eu tocamos no assunto.
MELISSA: Genteeeeeee, vocês viram isso? – minha enfermeira fofa, vinha estérica, mas sussurrando. Sentou na mesa, lendoalguma coisa no celular.
MATT: Vai começar o ataque... Vou trabalhar, que é melhor.
MELISSA: Também acho! – eu ri, e ela me mostrou o video em que anunciavam um show da banda dela preferida, na cidade – Amiga, eles estão fazendo um show nesse momento aqui. Acredita? Vai ter outro amanhã. Partiu?
EU: Melissa, você sabe que eu não gosto muito de shows e eu nem conheço...
MELISSA: Poxa! – ela me...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • PARTE 1
  • 1 Parte
  • parte 1
  • Parte 1
  • Parte 1
  • Parte 1
  • Parte 1
  • Parte 1

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!