Papel E Celulose

Páginas: 18 (4342 palavras) Publicado: 4 de junho de 2015
REVISÃO
REMEDIAÇÃO DE EFLUENTES DERIVADOS DA INDÚSTRIA DE PAPEL E CELULOSE. TRATAMENTO
BIOLÓGICO E FOTOCATALÍTICO
P. Peralta-Zamora, E. Esposito, J. Reyes e N. Durán
Instituto de Química - UNICAMP - CP 6154 - 13083-970 - Campinas - SP
Recebido em 24/4/96; aceito em 16/8/96

REMEDIATION OF EFFLUENTS FROM PAPER AND CELLULOSE INDUSTRY. BIOLOGICAL
AND PHOTOCATALYTIC TREATMENT. The contribution of theindustrial activities to the environmental contamination phenomena is evident. Great efforts are dedicated to the establishment
of methodologies which permits an adequate treatment of the produced effluents, as a manner of
minimizing the environmental impact of these wastes. The methodologies based on photocatalytic
processes are very promise alternatives, because permits degradation of a greatnumber of chemical substances of high toxic potential, without the use of other chemicals. The present work is an
overview about the principal environmental aspects related with the paper and cellulose industry
and the main alternatives employed for the reduction of environmental impact produced for its
residues. The principal results of the photocatalytic treatment of this kind of effluents usingmetallic semiconductors is also showed.
Keywords: paper and cellulose effluents; biological and photocatalytic treatment; metallic
semiconductors.

1. INTRODUÇÃO
O desmedido crescimento populacional dos nossos dias,
junto com a popularização do modelo consumista gerado nos
países do chamado “primeiro mundo”, tem propiciado a explosão industrial que caracteriza as últimas décadas. Esta atividadeindustrial é responsável pela produção de inúmeros produtos de primeira necessidade, razão pela qual tem-se transformado em verdadeiro símbolo das sociedades desenvolvidas.
Além de proporcionar alimentos, materiais e serviços, a atividade industrial costuma ser responsabilizada, muitas vezes com
justa razão, pelo fenômeno de contaminação ambiental, tema
que deixou de ser preocupação exclusiva decientistas e visionários e transformou-se em clamor geral de uma sociedade que
testemunha a deterioração progressiva do planeta.
Embora exista uma preocupação universal por evitar episódios de contaminação ambiental, estes eventos continuam acontecendo, principalmente por que grande parte dos processos produtivos são intrinsecamente poluentes. Muitos estudos, objetivando desenvolver tecnologia capazde minimizar o volume e a
toxicidade dos efluentes industriais, têm sido realizados. Atualmente, por exemplo, existe uma forte tendência nas indústrias
de papel e celulose pelo estabelecimento de tecnologias limpas,
as quais poderiam permitir, em princípio, atingir o estado de
descarga zero1-6. Infelizmente, a aplicabilidade deste tipo de sistemas está subordinada ao desenvolvimento de processosmodificados e ao estabelecimento de sistemas de reciclagem de efluentes, atividades que implicam tecnologias não universalmente
disponíveis. Por este motivo, o estudo de novas alternativas para
o tratamento e a remediação dos inúmeros efluentes industriais
atualmente produzidos, continua sendo uma das principais armas de combate contra a contaminação antropogênica.
Com este propósito, muitastécnicas têm sido desenvolvidas. Alguns procedimentos clássicos como incineração e procedimentos que envolvem transferência de fases (ex.: ultrafiltração, adsorção, precipitação, e “air-stripping”), mostram valor bastante discutível e custos relativamente elevados. O primeiro65, principalmente por que, com certa freqüência, leva à
formação de compostos mais tóxicos que o próprio efluente
(tipicamentedioxinas), e o segundo66, por que não elimina as

186

substâncias contaminantes, apenas as transfere para uma nova
fase. Tratamentos baseados em processos biológicos são freqüentemente utilizados, já que permitem a transformação de compostos orgânicos tóxicos em CO2 e H2O, nos processos aeróbios, ou
CH4 e CO2, nos anaeróbios; com custos relativamente baixos.
Contudo, tratam-se de procedimentos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Papel e celulose
  • Papel e celulose
  • Papel e celulose
  • papel celulose
  • celulose e papel
  • papel e celulose
  • Celulose papel
  • Papel e celulose

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!