Padrões de interação sociedade e natureza:algumas peculiaridades do caso brasileiro

Páginas: 6 (1357 palavras) Publicado: 29 de setembro de 2012
Resenha crítica do artigo: “Padrões de interação sociedade e natureza: algumas peculiaridades do caso brasileiro”

Celso Fernando de Azambuja Gomes Carneiro é doutor em Meio Ambiente e Desenvolvimento, pesquisador associado ao Curso de Doutorado em Meio Ambiente e Desenvolvimento da Universidade do Paraná, além de ser técnico da Coordenadoria do Patrimônio Cultural da Secretaria de Estado daCultura do Estado do Paraná. Na revista “Desenvolvimento e Meio Ambiente, N.17, editora UFPR, 2008, pag. 93-110”, ele publicou um artigo intitulado “Padrões de interação sociedade e natureza: algumas peculiaridades do caso brasileiro”, em que ele irá fazer uma abordagem à cerca da natureza, com a intenção de demonstrar a relação existente entre o homem e ela, ao longo da história, seja no aspectocultural, social, econômico ou político.
O artigo abre espaço para discutir o tema, trazendo como foco a maneira como os citados aspectos irão interferir nas diferentes e diversificadas ideias de natureza. Assim o autor inicia sua discursão falando sobre um paradoxo, e como ele afirmou “bem brasileiro”. Desse modo ele irá mostrar os dois lados existentes no Brasil, ou seja, um lado marcado por umpaís modernista, que leva em conta a proteção e a conservação, e um lado marcado por um país em que a apropriação da natureza baseia-se na destruição. Com isso ele demonstra que no principio havia um mito em que o Brasil era um paraíso, no qual as riquezas naturais eram infindáveis. Sendo assim havia uma ideia de que tais riquezas ali presentes eram dádivas que existiam para que os homens pudessemaproveitar-se delas. Dessa maneira, essa terra abundante em recursos naturais, foi vista pelos colonizadores portugueses como uma fonte de abundância para o comércio europeu. Em meio a essa exploração dos portugueses inicia-se uma agricultura extremamente nociva, já que se começa a degradação de extensas áreas, pois o homem vai a busca da natureza, está onde os recursos estão. Para explicar tamanhaexploração, afirmavam que o Brasil havia sido descoberto e não fundado, o que fazia com eles evitassem em falar de valores, instituições, opções econômicas. Além disso, os colonizadores viam essas magnificências de terras como solução para os que advinham da pobreza, dando início assim para a doação de terras em sesmarias, o que irá dá origem a um sistema hierárquico que muito tempo dominou o país:“aproximação dos seres socialmente considerados ‘inferiores’ da natureza”.
Levando agora para uma perspectiva histórica, o artigo irá demonstrar que é a partir da vinda da corte portuguesa ao Brasil que se dará início a uma associação da natureza com o Estado. Naturalistas e viajantes (apoiados pelo governo imperial) que percorreram o país naquela época também ajudaram na associação entre anatureza brasileira e a identidade nacional. Em meio a essa situação, o Romantismo irá aparecer como “divulgador” das ideias a cerca da natureza, mas ele irá conceder um valor á interpretação pessoal e emotiva. Assim mostra-se somente “um lado da moeda”, esquece-se da questão da devastação. Já nos finais do século XIX, a natureza irá ser encaixada num panorama econômico, em que ela será vista comomotivo de progresso para proporcionar o desenvolvimento econômico. Os tempos vão passando e no final dos anos 1020 até os de 1940, dois movimentos (afirmação do Modernismo e expansão da economia cafeeira) provocaram mudanças nas definições de natureza. Então a cidade passou a ser vista como progresso e a natureza como atraso, mas a natureza também passou a ser vista –como afirmou o autor-“oportunidade de enriquecimento pelo trabalho”, através do ouro e do café. Desse modo, a busca pela natureza, ou seja, a entrada nas florestas para ocupação de novos espaços e apropriação de terras eram frequentes, principalmente para as práticas agrícolas. Já no pós-guerra, as bases da industrialização e urbanização no Brasil se encontravam concretizadas. Mas com essa concretização surgiram as periferias...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Biomas brasileiros e suas peculiaridades.
  • Padroes Sociolinguisticos Do Portugues Brasileiro
  • Padrões de beleza na sociedade
  • os padroes que a sociedade impoe
  • Interação da sociedade com o lixo
  • casos brasileiros
  • Noções e padrões de beleza no imaginário brasileiro
  • PADRÕES DE CONCORRÊNCIA NOS GRUPOS INDUSTRIAIS BRASILEIROS

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!