Os grandes desafios da prática pedagógica do professor engenheiro

Páginas: 11 (2748 palavras) Publicado: 16 de fevereiro de 2013
Set Up - > O tempo de preparação consiste no tempo decorrente do momento em que a maquina interrompe a sua operação precedente ate o inicio da produção subsequente, com qualidade apropriada, incluindo o tempo consumido para a mudança de linhas e ajustes necessários. Suas etapas básicas são: preparação, ajuste e verificação de matéria prima (30% do tempo), montagem e desmontagem de ferramentas(5% do tempo), medições, ajustes e calibrações (15% do tempo), teste para inicio da produção e ajustes(50% do tempo). O set up é dividido em externo e interno. O primeiro cuida daquelas operações ou manuseios que podem ser realizados antes de se parar a maquina, a fim de converter o processo da próxima peca, ex.: trazer as matérias-primas, ferramentas e pecas necessárias. Já o segundo, cuida deoperações em linha principal. Sao executadas enquanto a maquina esta parada, entre a produção do item anterior e a do próximo.

TRF(troca rápida de ferramenta) – começou em 1950 com a formulação de set up interno e externo, depois em 1957 importância do set up externo e em 1969 nasce o smed. A TRF possibilita a redução do tempo de troca de ferramentas gerando a minimização do lote de produção,reduzindo o estoque dos produtos tanto intermediário quanto final; Com a produção em pequenos lotes, o tempo de
fabricação de vários tipos de produtos pode ser reduzido.Desta forma, torna-se possível as empresas adaptarem-se as ordens de clientes e as alterações de demanda. Além disso, a TRF possibilita o aumento da taxa de utilização das
máquinas, na medida em que se despende menos tempopreparando essas maquinas. Assim, as técnicas da TRF podem ser utilizadas para adicionar capacidade de produção a uma fabrica; A utilização das técnicas da TRF permite a simplificação das preparações, minimizando a possibilidade de ocorrerem erros na regulagem de ferramentas e instrumentos.

SMED Troca de Matrizes e ferramentas num único minute (Único Minuto” significa um número de um dígito, istoé, menos de 10 minutos).
.A equipe SMED é composta por operadores e um coordenador de equipe.

Evitar o uso de porcas e parafusos de tamanhos diferentes. Normalizar os parafusos e as porcas. Reduzir o numero de roscas, avaliando os casos
cuidadosamente. Reducao do numero de orifícios.

Métodos que ajudam a diminuir o Set Up: Arruela em forma de U, braçadeira em forma de U (método maisutilizado), Rosca Cortada, furo em forma de pera,

TOC – Teoria das Restrições : O conceito da TOC pode ser resumido desta forma
(Rahman, 1998): Todo sistema deve possuir ― no minimo 1 restricao ― A existencia de restricoes representa uma oportunidade de melhoria.
Gargalo sua capacidade é a capacidade do sistema.

CQZD – Controle de qualidade zero defeitos: Redução dos prazos de entrega. Osprimeiros programas de zero defeito foram: pacote motivacional (defeitos controlados pelos trabalhadores) e o pacote preventivo (defeitos controlados pela gerência). Antigamente o CQZD era um programa motivacional a nível filosófico.
Hoje , o Controle da Qualidade Zero Defeitos (CQZD) não é um programa mas um método racional e científico capaz de eliminar a ocorrência de defeitos através daidentificação e controle das causas. Sua meta é garantir que um sistema
seja capaz de produzir “consistentemente” produtos livres de defeitos.
Seus pilares são : Inspeção da fonte, inspeção 100%, feedback imediato, poka-yoke.

Tipos de inspeções: Inspeção por julgamento; inspeção informativa, inspeção na fonte.

Poka-yoke: Mecanismo de detecção de anormalidades que, acoplado a uma operação,impede a execução irregular de uma atividade. É uma forma de bloquear as principais interferências na execução da operação. Ele é classificado em 5 métodos:

Método do controle - Após detectar uma anormalidade, o sistema interrompe
a linha ou a máquina de forma que a ação corretiva seja imediatamente implementada, evitando-se a geração de defeitos em série

Método da advertência - O sistema...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A prática pedagógica dos professores
  • A prática pedagogica do professor alfabetizador
  • Prática Pedagógica do Professor de Artes
  • Praticas pedagógicas professor e aluno
  • A prática pedagógica do professor
  • A pratica pedagógica do professor
  • A prática pedagógica e o desafio da alfabetização
  • A INTEGRAÇÃO DO COMPUTADOR E DA HISTÓRIA EM QUADRINHOS NA PRÁTICA PEDAGÓGICA DO PROFESSOR: DESAFIOS E POSSIBILIDADES

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!