origem do português

Páginas: 9 (2221 palavras) Publicado: 15 de maio de 2014
Introdução
A língua portuguesa é a continuação ininterrupta, no tempo e no espaço, do latim levado à península Ibérica pele expansão do império romano, no início do séc. III a.C., particularmente no processo de romanização dos povos do oeste e noroeste (lusitanos e galaicos), processo que encontrou tenaz resistência dos habitantes originários dessas regiões.
Depois do processo deromanização, sofreu a Península a invasão dos bárbaros germânicos, em diversos momentos e com diversidade de influencias, que muito contribuíram para a fragmentação linguística da Hispânia: em 409 foi a vez dos alanos, vândalos e suevos; em 416, dos visigodos. Desde contacto encontramos como resultado a visível influência germânica, especialmente dos visigodos, no léxico e na onomástica.
No séculoVIII, em 711, voltou a Península a ser invalida pelos árabes, consumando a série de fatos externos que viriam a explicar a diferenciação linguística do português no mosaico dialetal que hoje conhecemos; apesar do largo contributo na cultura e na língua-especialmente no léxico-, a permanência muçulmana não teve força suficiente para apagar as indeléveis marcas de romanidade das línguaspeninsulares.
O longo movimento de reconquista anti-islâmico já em 718, prolongou-se por séculos. Já no século X este processo tinha favorecido o nascimento de núcleos cristãos na parte norte e noroeste da península, lançando os fundamentos de uma divisão linguística bem próximo da divisão administrativa: 1-Condado da Galiza (galego-português); 2-Reino de Leão e das Astúrias (ásturo-leonês); 3-Condado deCastela (castelhano); 4-Reino de Navarra (basco e navarro-aragonês); 5-Reino de Aragão e Condado de Barcelos (catalão).
Em 1095, Afonso VI concede autonomia à Província Portucalense, e, em 1139, Afonso Henriques se proclama o primeiro rei de Portugal.
Foi este falar comum à Galiza e ao território portucalense que o processo de reconquista propagou em direção ao sul, sobrepondo-se aosdialetos moçárabes ai correntes. Já com a ajuda de cruzados ingleses, alemães, franceses e flamengos, e sob a bandeira portuguesa prossegue a reconquista de novas cidades do sul, tomadas aos muçulmanos: em março de 1147 e Lisboa, em outubro do mesmo ano. Até o séc. XV, segundo Orlando Ribeiro, o Minho ainda não constituía limite linguístico entre o galego e o português.
O português, na suafunção originária galega, surgirá entre os séculos IX-XII, mas seus primeiros documentos datados só aparecerão no século XIII: o testamento de Afonso II e a Noticia de torto. Curiosamente, a denominação “língua portuguesa” para substituir os antigos títulos “romance” (“romanço”), “linguagem”, só passa a correr durante os escritores da casa de avis, como D. João I. Foi D. Dinis que oficializou oportuguês como língua veicular dos documentos administrativos, substituindo o latim.
Entre os séculos XV E XVI, Portugal ocupa lugar de relevo no ciclo das grandes navegações, e a língua, “companheira do império”, se espraia pelas regiões incógnitas, indo até o fim do mundo, e, na voz do Poeta, “se mais mundo houvera lá chegara” (Os Lusíadas, VII, 14).
Depois da expansão interna que, literária eculturalmente, exerce ação unificadora na diversidade dos falares regionais, mais que não elimina de tudo essas diferenças refletidas nos dialetos, o português se arroja, na palavra de indômitos marinheiros, pelos mares nunca d’antes navegados, a fim de ser o porta-voz da fé e do império. São passos dessa gigantesca expansão colonial e religiosa, cujos efeitos, além da abertura dos mares,especialmente o Atlântico e o Indico, foram, segundo afirmação de Humboldt, uma duplicação do globo terrestre.
1415-expedição a Ceuta sob o comando do próprio Rei
1425-1439-Madeia e Açores
1444-Cabo Verde, com início de povoamento em 1462
1446-Guiné
1483-1486-Angola (primeiros contatos) e colonização de S. Tomé e Príncipe
1498-Vasco da Gama chega á Índia e passa por Moçambique
1500-Brasil...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • origem do português
  • ORIGEM DO PORTUGUES
  • Origem Portugues
  • Origem do direito português
  • Origem do sistema político português
  • Origem da Língua Portugues
  • Palavras de origem grega no português
  • Origens e estruturação histórica do léxico português

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!