Noções de biosegurança

Páginas: 15 (3637 palavras) Publicado: 23 de março de 2012
NOÇÕES DE BIOSSEGURANÇA

1. INTRODUÇÃO
Laboratório - manuseio de agentes biológicos, químicos e físicos – exposição a riscos de contaminação. Patogênicos. Ogm
Pacientes e amostras clínicas – Doenças infecciosas
As atividades de aulas práticas efetuadas no Laboratório de Microbiologia incluem a execução de preparações e observações microscópicas, preparo e montagem de materiais einstrumentais, preparo de meios de cultura, reagentes, seguido da esterilização dos mesmos, manipulação de amostras biológicas e do ambiente, culturas de microrganismos, execução de técnicas de cultivo, isolamento, quantificação, caracterização e identificação de microrganismos. Desta forma, todo pessoal envolvido em sala de aula, inclusive os professores e laboratoristas, devem adotar os procedimentos deboas práticas laboratoriais, inclusive rigorosa assepsia, para evitar riscos de contaminação e acidentes.
Por outro lado, há também a preocupação de evitar que os experimentos efetuados sejam contaminados ou que o descarte dos materiais contaminados possa vir a contaminar o ambiente e a comunidade envolvida. Muito embora na maioria dos experimentos efetuados emprega-se microrganismos nãopatogênicos ou microrganismos cuja exposição laboratorial raramente produz doença, é bom lembrar que um microrganismo pode até ser considerado incapaz de causar doença em indivíduos sadios, mas poderá causar doença em indivíduos com a saúde debilitada.

Conceito: biossegurança é um conjunto de medidas necessárias para a manipulação adequada de agentes biológicos, químicos, genéticos, físicos(elementos radioativos, eletricidade, equipamentos quentes ou de pressão, instrumentos de corte ou pontiagudos, vidrarias) dentre outros, para prevenir a ocorrência de acidentes e conseqüentemente reduzir os riscos inerentes às atividades desenvolvidas, bem como proteger a comunidade e o ambiente e os experimentos.

2. MICRORGANISMOS E GRUPOS DE RISCO

Grupo 1: Microrganismos que, até o momento,não causam doenças para o homem (baixo risco individual e coletivo) e que não representam riscos para o ambiente (Lactobacillus, Lactococcus, Saccharomyces, Bacillus polymyxa, cepas não patogênicas de E. coli, dentre outros);

Grupo 2: Microrganismos que podem causar doenças no homem, mas a exposição laboratorial raramente produz doença. Mesmo assim, para essas doenças existem medidasprofiláticas e terapêuticas eficientes (Espécies de Salmonella (exceto S. typhi), E. coli patogênicas, Proteus, Staphylococcus, Streptococcus, Neisseria, Listeria, dentre outros);

Grupo 3: Microrganismos que podem causar doenças graves no homem e apresentam risco elevado para os laboratoristas. Eles podem apresentar riscos de serem disseminados para a população, mas para as doenças causadas existemmedidas profiláticas e terapêuticas eficazes (Mycobacterium tuberculosis, Coxiella burnetti);

Grupo 4: Microrganismos que causam doenças humanas severas e apresentam risco elevado para os laboratoristas e para a população em geral. Eles são agentes altamente infecciosos que se propagam facilmente, podendo causar a morte das pessoas infectadas, pois não existem atualmente medidas profiláticas outratamentos efetivos.

3. VIAS DE TRANSMISSÃO DE PATÓGENOS EM LABORATÓRIOS DE MICROBIOLOGIA

Transmissão oral: os agentes infecciosos são transmitidos por via oral, principalmente quando microrganismos patogênicos são isolados em culturas puras e atingem populações elevadas. Esta é uma das razões pelas quais não se deve pipetar com a boca, comer, beber, mascar chicletes, levar a mão ou objetoscomo caneta ou lápis à boca ou fumar no laboratório.

Transmissão aérea: os microrganismos são transmitidos através da inalação de aerossóis contendo os agentes infecciosos. Esses microrganismos podem difundir-se no ambiente do laboratório. As práticas laboratoriais devem ser executadas de modo a minimizar os riscos de formação dos aerossóis. De preferência, os laboratórios devem ter pressão...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Biosegurança
  • Biosegurança
  • biosegurança
  • Biosegurança
  • Biosegurança
  • biosegurança
  • Biosegurança
  • biosegurança

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!