nnjwnehyad

Páginas: 38 (9343 palavras) Publicado: 29 de outubro de 2014
Atividade Prática Supervisionada (ATPS) entregue comorequisito para conclusão da disciplina “Letramento e Alfabetização”, sob orientação do professor-tutor a distância Rosemeire Lopes da Silva Farias.





Leite

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Ir para: navegação, pesquisa


Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Leite (desambiguação).





Oleite mais produzido e distribuído para o consumo humano é o de vaca.
Leite é uma secreção nutritiva de cor esbranquiçada e opaca produzida pelas glândulas mamárias das fêmeas dos mamíferos (incluindo os monotremados).1 2 3

O líquido é produzido pelas células secretoras das glândulas mamárias ou mamas. A secreção láctea de uma fêmea dias antes e depois do parto se chama colostro. Em grande partedas espécies, existem duas glândulas (ou dois conjuntos de glândulas), uma em cada mamilo (localizado na parte frontal superior entre os seres humanos, ou na parte ventral dos quadrúpedes).

Também se denomina leite o suco de certas plantas ou frutos: leite de coco, leite de soja, de arroz ou de amêndoa. Contudo, para a definição científica, o termo não se aplica aos sucos de nozes.4Índice [esconder]
1 Importância
2 História
3 Biologia 3.1 Genética, histologia e citologia

4 Definição e obtenção 4.1 Animais produtores de leite
4.2 A ordenha

5 Características gerais 5.1 Propriedades físicas

6 Apresentação do leite no mercado
7 Controvérsias em relação ao uso do leite 7.1 O bem-estar animal
7.2 Intoxicação 7.2.1 Autismo
7.2.2 Anemia
7.2.3 Leite e Cancro
7.2.4Amamentação


8 Digestão
9 Consumo no Mundo
10 Variedades 10.1 Leite humano
10.2 Categorias de leite animal comercializado no Brasil 10.2.1 Leite tipo A
10.2.2 Leite tipo B
10.2.3 Leite tipo C
10.2.4 Leite LTH (pasteurização lenta)
10.2.5 Leite HTST (pasteurização rapida)
10.2.6 Leite UHT (alta temperatura)


11 Ver também
12 Referências


Importância[editar | editar código-fonte]A principal função do leite é nutrir (alimentar) os filhos até que sejam capazes de digerir outros alimentos. O leite materno cumpre as funções de proteger o trato gastrointestinal das crias contra antígenos, toxinas e inflamações e contribui para a saúde metabólica, regulando os processos de obtenção de energia (em especial, o metabolismo da glicose e da insulina).5

É o único fluido que ascrias dos mamíferos (ou bebê de peito) ingerem até o desmame, apesar de que hoje em dia algumas crianças passam a ser alimentadas por outros fluidos por se constatar alergia ao leite. O leite de animais domesticados forma parte da alimentação humana adulta em alguns países: de vaca, principalmente, mas também de ovelha, cabra, égua, camela, etc.

O leite é a base de numerosos laticínios, como amanteiga, o queijo, o iogurte, entre outros.6 É muito frequente o uso de derivados do leite nas indústrias alimentícias, químicas e farmacêuticas, em produtos como o leite condensado, leite em pó, soro de leite, caseína ou lactose.7

O leite dos mamíferos marinhos, como, por exemplo, das baleias, é muito mais rico em gorduras e nutrientes que o dos mamíferos terrestres.8

História[editar | editarcódigo-fonte]





Ordenha manual
O consumo humano do leite de origem animal começou a crescer rapidamente após o surgimento da agricultura e com este a domesticação do gado durante o chamado "ótimo climático". Este processo se deu em especial no Oriente Médio, impulsionando a Revolução Neolítica.9 O primeiro animal domesticado foi a vaca, e em seguida a cabra, aproximadamente na mesmaépoca; finalmente a ovelha, entre 9000 e 8000 a.C..

Existem hipóteses, como a hipótese do genótipo poupador, que supõe uma mudança fundamental nos hábitos alimentares das populações de caçadores-coletores, que passaram a ingeri-lo esporadicamente, a fim de receber carboidratos. Esta mudança fez com que as populações euro-asiáticas se tornassem mais resistentes à diabetes tipo 2 e mais...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!