Mundialização

Páginas: 19 (4587 palavras) Publicado: 31 de outubro de 2011
3 – Produção mundializada, criação de riquezas e distribuição

A mundialização-globalização diz respeito não apenas à hegemonia sistêmica do financeiro, mas também à forma de produzir riquezas e à natureza dos elos entre os fluxos de produção e os seus desdobramentos (spill-overs, retombées). O quadro mundializado das atividades das empresas e as transformações tecnológicas e produtivasconduzem a uma modificação das relações entre os fluxos de produção e os seus resultados. Pensamos que é necessário reconhecer que o quadro mundializado dos circuitos do capital, os novos elos e as novas hierarquias (entre as unidades de produção, entre as empresas, entre os países) são de natureza a modificar de forma fundamental os conceitos econômicos e em particular a associação – que se supõepermanente – entre a produção, material ou imaterial, de um lado, e os resultados, tal como eles são habitualmente percebidos, de outro lado.

Esta é uma dimensão da mundialização crucial para os países periféricos. Ela está ligada à emergência de estruturas de produção de riquezas e de distribuição de rendimentos que são, ambas, diferentes do que eram no passado sobretudo pelo fato de seremnão-coincidentes entre si. De fato, a produção num espaço nacional dado torna-se fortemente desconectada dos fluxos de rendimentos. A natureza mundializada da produção e a concentração da propriedade e do comando modificam as relações entre a produção e os rendimentos que dela decorrem. Nesse espaço, por conseqüência, essas duas dimensões tornam-se menos conectadas e mais independentes uma da outra. Umagrande parte dos efeitos econômicos – sejam eles ou não diretamente mensuráveis na contabilidade social – ocorre fora do lugar de produção.

3.1 – A dissociação entre conteúdos materiais das atividades produtivas e os seus efeitos econômicos

No funcionamento regular de uma economia, tal como estamos habituados a pensá-la e sobre o qual se baseiam os nossos esquemas analíticos, com basesnacionais estáveis e relativamente segmentadas, a produção coincide com o valor das riquezas criadas e estas, por sua vez, coincidem com a totalidade dos efeitos econômicos. No período recente, a aceleração do progresso técnico e as mudanças que este acarreta, a emergência da economia imaterial (intangível) e da economia material de base imaterial, assim como a corrida à novidade, destruíram estascorrespondências. O suporte material do valor vai sendo erodido, o conteúdo material perde importância, mas o valor aumenta – em outras bases. As fontes do valor vão perdendo as relações antigas com o trabalho direto e imediato e com uma parte importante dos produtos do trabalho (matérias-primas básicas e produtos comoditizados ou banalizados).

A Figura 1 apresenta as proporções entre as trêsdimensões indicadas. Elas partem de um mesmo fenômeno – a produção, criadora de produtos/serviços e riquezas. As transformações recentes e as tendências atuais produzem uma ruptura no esquema tradicional, à esquerda da figura. Numa economia densa, uma produção material (tangível) reduzida é capaz de gerar outros efeitos estimulantes sobre o conjunto da economia. São efeitos dificilmente mensuráveisdiretamente pelas estatísticas da contabilidade social, mas que reforçam a base econômica do país e o tecido complexo de relações que estão na base de uma produção enriquecida e da construção de novos fatores de produção e de criação de riqueza. Igualmente, são elementos fundamentais para determinar as condições de apropriação e de distribuição. Dito de uma forma sintética, trata-se aqui dos efeitos deacumulação de conhecimentos, informações e elementos intangíveis de que se tornam crescentemente dependentes as atividades materiais e a prestação de serviços.

Diferentemente, nas economias secundárias ou periféricas (economia esvaziada), que não possuem pólos criadores de riqueza em número e densidade suficiente para que se sustentem e produzam um sistema, a produção material é empobrecida...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Mundialização
  • Mundialização
  • Mundialização
  • Mundialização
  • mundialização econômica
  • A globalização e mundialização
  • Mundialização economica
  • Mundialização do capital

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!