Moisés

Páginas: 6 (1390 palavras) Publicado: 27 de setembro de 2012
[pic]





FACULDADE EVANGÉLICA DE TECNOLOGIA, CIÊNCIAS E BIOTECNOLOGIA DA CGADB





A EXISTÊNCIA DE MOISÉS E SUA OBRA.





Marcio Silva Pereira











Rio de Janeiro

2012

Marcio







A EXISTÊNCIA DE MOISÉS E SUA OBRA







Marcio Silva Pereira























Trabalhoapresentado ao


Professor Jorge Videiras. Da disciplina Arqueologia Bíblica.


Turno da Noite.


Do curso de Bacharel em Teologia.







FAECAD - Vila da Penha

Rio de Janeiro/24 de Setembro de 2012

1. – INTRODUÇÃO




A Seguir escreverei de formabreve sobre um dos maiores nomes da Bíblia: Moisés. Segue uma narrativa resumida e que escreverei os fatos mais importantes de sua trajetória, trazendo no final algumas de suas principais características favoráveis ou não.
Importante destacar que, partirei do ponto de vista que o escritor crê que o citado existiu e sua obra é autêntica.


MOISÉS
Adotando a Teoria da Data Recuada (1446 A.C),Moisés cresceu e viveu 40 anos na corte de três faraós da XVIII Dinastia: Tutmés I, II, e III. Moisés era membro da tribo de Levi, e destaca-se como um dos maiores homens do mundo pré-cristão. Ele tomou uma raça de escravos e, em circunstâncias incrivelmente difíceis, constitui-a em uma nação poderosa que alterou todo o curso da história. Seus pais foram Anrão e Joquebede, seus irmãos foram Arão eMiriã. Em sua infância foi uma criança extraordinária e muito formosa; deve-se salientar que Moisés estava desde o início sobre a providência divina, levando-o a ser adotado pela filha do faraó.
Moisés foi educado na civilização mais adiantada daquele tempo. O seu treinamento foi projetado para prepará-lo a um alto cargo, ou até mesmo o trono do Egito. Ele ficou familiarizado com a vida na cortede Faraó, com toda a pompa e grandeza da adoração religiosa egípcia. Foi educado na escrita e na literatura do seu tempo, é apontado como autor do Pentateuco. Também aprendeu a administração e a justiça; foi um exímio lutador, conhecedor de táticas de guerra e comando, assim como a legislação. Quando tinha 40 anos, Moisés se indignou com um feitor egípcio que estava batendo em um escravo hebreu,tendo o matou e o enterrado na areia. Tudo se deu pelo fato de Moisés se identificar com o seu povo, escolhendo antes ser maltratado com o povo de DEUS, deixando fama, poder, riqueza e glória terrena, pois esperava coisas melhores e mais excelentes. Quando a morte do egípcio tornou-se conhecida, ele temeu por sua própria vida, e fugiu do Egito para a terra do deserto de Midiã, onde se casou comuma das filhas de Jetro, Zípora, passando então a cuidar dos rebanhos de seu sogro. Depois de aproximadamente 40 anos, Deus falou a Moisés de uma sarça que ardia, mas não se consumia. Deus mandou Moisés de volta para o Egito, para resgatar os hebreus da escravidão, para a terra prometida a Abraão. Deus demonstrou o Seu poder para Moisés e revelou a ele o Seu Santo Nome "YHVH" ou Yaweh.
Deus ochama para livrar o povo hebreu da escravidão egípcia e conduzi-los à terra prometida a Abraão: Canaã. Moisés e Arão vão falar com o faraó, mas o mesmo recusa deixar o povo livre. Após o envio das 10 pragas, Deus convence-o a mudar de opinião. Tem-se apartir daí o início da Páscoa. Depois disso o faraó permite libertar o povo, logo em seguida a libertação o faraó muda de opinião e persegue o povohebreu; mas todo o exército do faraó se afoga no Mar Vermelho, depois que Deus cria um caminho seco por entre as águas do Mar Vermelho, concretizando a libertação do Seu povo.
As peregrinações que os filhos de Israel realizaram, marchando desde o Egito até à terra de Canaã, foram uma escola importante para a instrução deles.

 Análise sobre a personalidade de Moisés
Analise levando em conta os...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Moises
  • Moisés
  • moises
  • Moisés
  • Moises
  • Móises
  • Moises
  • Moisés

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!