Modo de produção capiatlista

Páginas: 12 (2921 palavras) Publicado: 22 de abril de 2013
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL- UEMS
LETÍCIA RECALDE COSTA
THIAGO ARAÚJO

RESUMO DO MODO DE PRODUÇÃO CAPITALISTA E HISTÓRIA ECONÔMICA DO BRASIL

CAMPO GRANDE
JUNHO / 2011
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL- UEMS
LETÍCIA RECALDE COSTA
THIAGO ARAÚJO



RESUMO DO MODO DE PRODUÇÃO CAPITALISTA E HISTÓRIA ECONÔMICA DO BRASIL

Trabalho acadêmico formulado para atender aosrequisitos da disciplina História da Arte, ministrada pela Prof. Dra. Carla Villamaina Centeno.

CAMPO GRANDE
JUNHO / 2011
O capitalismo teve seu início na Europa, suas características aparecem desde a baixa Idade Média com a transferência do centro da vida econômica social e política dos feudos para a cidade (como isso ocorre?). Com A substituição do modo de produção feudal para o modo de produçãocapitalista resulta numa revolução social. Esta nova classe social buscava (qual?) o lucro através de atividades comerciais e aos poucos se estabelece como sistema econômico predominante.
Adam Smith (ano de publicação) faz (fez) uma crítica ao capitalismo sobre as corporações, refere-se (referiu-se) ao monopólio como nocivo à sociedade. O monopólio promove (promovia) a pobreza pois dificulta o acessoassim o preço do produto aumenta, elevando o lucro e diminuindo o custo de produção simultaneamente. A qualidade dos bens é péssima porque ninguém mais produz, o preço mantem-se alto já que não tem concorrência. As corporações compram barato e vendem caro, algo bem lucrativo e como conseqüência do seu próprio monopólio acabam por comprar caro todos os demais produtos ficando suscetíveis a outrascorporações e associações. O monopólio reduz o número de concorrentes, com isso encontramos outra conseqüência negativa para as corporações é a redução de clientes. (colocar os verbos no passado)
A sociedade capitalista para Marx e Engels (ano de publicação) divide-se em praticamente duas classes: burgueses que possuem os meios de produção e proletariado que detém a capacidade de trabalho e a vendeem troca de salário sendo explorado pelo primeiro. Os interesses entre capitalistas e trabalhadores são divergentes assim surgem as lutas de classes. Dessa forma é inevitável a luta de classe no capitalismo.
A exploração sempre existiu, tanto na cidade como no campo. Entretanto nas sociedades rurais a exploração era ocultada pela religião, velada por ilusões políticas. Uma demonstração do papelrevolucionário da burguesia é a exploração aberta e direta dos trabalhadores em operários assalariados (MARX E ENGELS, ano de publicação). Na sociedade feudal as revoltas aconteciam entre os camponeses contra a nobreza. No capitalismo a luta ocorre entre trabalhadores explorados contra os empregadores donos do capital e conseqüentemente donos do meio de produção.
Para Marx e Engels (ano depublicação) a mudança das regras na sociedade deveria partir dos operários das fábricas que de um modo organizado fariam uma revolução socialista. Essa luta dos trabalhadores contra os burgueses definiria as transformações necessárias. A luta contra as desigualdades sociais e riqueza nacional, defendendo a produção coletiva capaz de garantir condições dignas de vida a população. Quando alcançado esseestágio o comunismo estaria vigente. Para o comunismo não haveria mais classes sociais e nem mesmo o estado seria necessário porque sem as desigualdades a sociedade esta livre da exploração, da dominação e da opressão.
O melhor modo de reversão da exploração e opressão do capitalismo é a abolição da sociedade privada. Abolindo as empresas privadas, os trabalhadores não seriam mais explorados e comessa revolução o Estado se tornaria responsável pela redistribuição de toda a riqueza produzida pela sociedade. O Socialismo estaria implantado pelos trabalhadores antes explorados, agora no poder.
Algumas medidas para estabelecer uma nação socialista: educação pública gratuita para todas as crianças, extinção do trabalho infantil nas fábricas, abolição dos direitos de herança, controle do Estado...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Modos de produção
  • Modos de produção
  • Modos de Produção
  • modo de produção
  • Modos de produção
  • Modos de produção
  • modos de produção
  • Modos de produção

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!