Modelos de Porter e Planos de Ação

Páginas: 6 (1410 palavras) Publicado: 16 de maio de 2014
Módulo: 3 – Modelos de Porter e Planos de Ação
Título: Cirque Du Soleil: uma análise das cinco forças competitivas de Michael Porter

Introdução

Com a crescente rivalidade e o surgimento de novos cenários no mundo globalizado, as empresas precisam estabelecer estratégias sólidas, criativas e inovadoras perante a concorrência.

Foi o que fez Guy Laliberté, fundador do Cirque du Soleil.Enquanto outras companhias circenses acumulavam prejuízos e deixavam de ser a preferência de adultos e crianças, o Cirque Du Soleil se reinventou, fidelizou clientes e atingiu as marcas de sete milhões de espectadores por ano e um faturamento que em 2004, chegou a US$ 500 milhões (ALONSO).

Assim, desde que começou a atuar, desde os anos 80, a companhia se baseou em práticas empresariaisbem-sucedidas, capaz de se tornar modernamente artística e comercialmente viável.

O modelo de negócio adotado pelo Cirque du Soleil, uma das marcas mais valorizadas no mundo do entretenimento, será analisado pela teoria das cinco forças de Michael Porter, pelas estratégias competitivas e pela cadeia de valor.

Cinco forças competitivas

O modelo das cinco forças competitivas originou-se dotrabalho de Michael Porter e foi projetado para analisar a postura básica da concorrência em qualquer setor.

Determinam em grande parte o nível de concorrência em um setor, e no final, o seu potencial de lucro. Essas forças analisam:
- o poder de barganha dos clientes;
- o poder de barganha dos fornecedores;
- as ameaças de novos entrantes;
- a ameaça de produtos ou serviços substitutos e;- a rivalidade entre concorrentes já existentes.

Poder de barganha dos clientes
Harrison (2005, p. 61), diz que a fim de reduzir os custos, os compradores tentam negociar a obtenção de melhor qualidade, melhores níveis de serviço e preços reduzidos. Esses resultados são alcançados incentivando-se a realização de batalhas competitivas entre as empresas do setor.

Desta forma, observa-se queo poder de barganha dos clientes é inexistente, pois a empresa já oferece um espetáculo inovador e criativo, colocando o Cirque no topo, não deixando possibilidade de migração dos clientes para outros fornecedores, garantindo vantagem competitiva para a companhia circense.


Poder de Barganha dos fornecedores
Para Hitt (2003, p. 73), a elevação dos preços e a redução de qualidade dos produtosvendidos são meios, através dos quais, os fornecedores podem exercer seu poder sobre as empresas.

O Cirque du Soleil trata fornecedores como parceiros e aliados na busca incessante pelo total encantamento do cliente, busca formar equipes, promovendo inovação em todos seus setores. Resumindo, procura evitar que os fornecedores façam pressão em seu negócio, fazendo-os aliados na conquista delucro através do entretenimento.

Ameaças de novos entrantes
Hitt (2003, p. 72), diz que a probabilidade do ingresso de uma empresa em um dado setor é uma função de dois fatores: as barreiras de entrada e a retaliação que se espera dos participantes atuais do setor.

O setor em que o Cirque Du Soleil está inserido é extremamente fechado e pouco acessível a novos entrantes, porém MACHADO citaque: “existem grandes empresas no ramo circense e também algumas companhias que seguem o mesmo estilo do Cirque como, por exemplo, o Kukli Theatral - companhia russa mundialmente conhecida - e o Circo da China, que possui mais de 60 anos de existência e já se apresentou em mais de 50 países em todo o mundo”.

Por trabalhar com qualidade, criatividade e inovação insuperáveis, o Cirque du Soleilestabeleceu enormes barreiras aos concorrentes. Barreiras que lhe proporcionaram status, reconhecimento e respeito.

Ameaça de produtos substitutos
Hitt (2003, p. 75) ainda explica que de modo geral, os produtos substitutos representam uma forte ameaça a uma empresa se o cliente enfrentar apenas alguns custos de mudança se houver, caso o preço do produto substituto for inferior ou se a sua...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Módulo 3
  • Modelo de plano de ação
  • Modelo e plano de ação social
  • Geografia modelo de Plano de Ação
  • Modelo de plano de ação.
  • Plano de Ação
  • Modelo Plano de Ação
  • Modelo de plano de ação

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!