Ministros De Saia

Páginas: 9 (2169 palavras) Publicado: 11 de março de 2015
inst it ut o gam alie l.co m

http://www.instituto gamaliel.co m/po rtaldateo lo gia/ministro s-de-saia/teo lo gia

Ministros de Saia
digg

Raramente os crentes lutam em batalhas estratégicas. Quando são provocados, por vezes lutam bem e de
f orma ef etiva em escaramuças táticas, mas não são bem sucedidos f ora desse seu campo tático. Quando
algum abuso não pode mais ser ignorado, podem se juntarà batalha e o ultraje é contra-atacado. Mas
quase nenhum crente vê um padrão nessa conf usão geral. Poucos generais podem f icar sobre uma
montanha e considerar todos os movimentos de sua tropa.
Em nossas batalhas culturais, e em vista de tudo isso, é que a questão de mulheres no púlpito, ou no
conselho de presbíteros, tem sido tratada como temos visto – de maneira inef icaz. Muita gente boa temse
dedicado a lutar contra isso como se f osse uma questão puramente tática. Mas não é. No corrente clima
de incredulidade, a exegese correta do ensino de Paulo sobre o papel da mulher na igreja jamais irá
solucionar qualquer coisa.
As palavras parecem suf icientemente claras. “A mulher aprenda em silêncio, com toda a submissão. E não
permito que a mulher ensine, nem exerça autoridade de homem;esteja, porém, em silêncio. Porque primeiro
f oi f ormado Adão, depois Eva. E Adão não f oi iludido, mas a mulher, sendo enganada, caiu em
transgressão. Todavia, será preservada através de sua missão de mãe, se ela permanecer em f é, e amor e
santif icação, com bom senso” (I Tim. 2: 11-15). Mas aqui está a questão: as palavras são simples somente
para aqueles que querem que elas sejam simples. Paraos de má vontade, a passagem é cheia de mistérios.
Por ser a mulher a glória do homem, a esposa deveria ir para a congregação local com a cabeça coberta
pelo cabelo; a glória de uma mulher humilde. E por que isso tem de ser assim? “Porque o homem não f oi
f eito da mulher; e sim, a mulher do homem. Porque também o homem não f oi criado por causa da mulher; e,
sim, a mulher, por causa do homem” (ICor. 11: 8-9). Isso pode magoar a todos nós nesta época moderna,
mas tal ensino de maneira nenhuma pode ser conciliado com qualquer tipo de f eminismo. Mas para
aqueles, na igreja, que querem manter algum tipo de diálogo com o f eminismo, as palavras apresentam um

caminho exegético cheio de obstáculos. Como podemos conservar a redação desse texto, permanecendo
evangélicos, e ao mesmo tempocontornar o que ele diz, e assim f icar na crista da onda teológica? Temos
que olhar para o original grego!
Mas a existência do debate dentro da igreja nos f ala muito mais da sujeira de nossos corações do que da
obscuridade de qualquer texto. Aqueles cristãos que realmente enxergam o que estas passagens dizem
f reqüentemente serão arrastados para um debate tático por crerem, tolamente, que seusoponentes
aceitam a autoridade do texto. Mas este não é o caso, em absoluto. As f eministas evangélicas não aceitam
a autoridade (patriarcal) do texto; elas estão simplesmente naquele estágio inicial de subversão onde o
desaf io aberto seria contraproducente aos seus propósitos.
Então, qual é a nossa posição estratégica? Como é que este debate conseguiu atenção e credibilidade?
Por que há tal interessenos meios evangélicos em admitir mulheres na liderança da igreja? A resposta é
que, não é que não queiramos liderança f eminina; o f ato é que queremos mais liderança f eminina. Os
homens em nossos púlpitos por muitos anos têm, provisoriamente, sido mulheres; quando se tem o
pedido de trazer para dentro a coisa de f orma realista, com base em que princípio será negado este
pedido? Não podemosdizer que temos de ter masculinidade no púlpito, porque não temos isso agora.
Por bem mais de um século na igreja americana, as normas de espiritualidade f oram os padrões
estabelecidos por um f eminismo vitoriano adocicado. No início do século dezenove, como duas multidões
convergindo numa encruzilhada tranqüila, duas revoluções se f undiram para produzir este ef eito e nós
ainda não recuperamos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Saias
  • Ministro
  • ministro
  • Ministros
  • Saias de Danca
  • Saia de quadrilha
  • saia do vermelho
  • Saia Envelope

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!