Miastenia Gravis

Páginas: 5 (1023 palavras) Publicado: 27 de junho de 2013











MIASTENIA GRAVIS


Andressa Smaniotto
Karla Perassolo
Patrícia Dalbem







SETREM 2013Definição
Miastenia Gravis é uma doença autoimune da porção pós-sináptica que ocorre nas junções neuromusculares. Os músculos viscerais não são afetados, apenas os estriados esqueléticos. Apresenta-se também como miastenia neonatal, que se dá quando uma paciente de miastenia é gestante, passando a doença para o bebê apenas quando ele nasce.


Histórico

A palavramhyastenia gravis tem origem grega e latina: Mys= músculo Astenia=fraqueza Gravis= pesado, severo.
A primeira descrição da doença foi em 1672 e foi percebida pelo clínico inglês Thomas Willis que observou em seus pacientes uma curiosa fraqueza muscular. Willis deu a essa doença o nome de “paralysia spuria non habitualis”.
Ao longo do tempo, outros médicos relataramepisódios semelhantes de fraqueza muscular, porém definindo a doenças com outros nomes.


Epidemiologia

Tem prevalência de um caso em cada dez mil pessoas e atinge principalmente mulheres, sendo provável dos vinte aos quarenta anos de idade, e nos homens, dos sessenta aos setenta anos.


Fisiopatologia

Miastenia gravis é uma doença autoimune, ou seja, ocorre umafalha no sistema de defesa do organismo, ocasionando a produção de anticorpos, que atacam o organismo do paciente, bloquiando os receptores de acetilcolina, impedindo a continuidade da transmissão muscular.



Manifestações Clínicas

Os sintomas iniciais de Miastenia Gravis são:
Fadiga extrema.
Ptose palpebral: Pálpebras caídas.
Disfagia: Dificuldade de mastigar e engolir.Dispnéia: Falta de ar.
Disfonia: Dificuldade na fala.
Diplopia: Visão dupla.
No geral, os sintomas variam durante o dia, mas podem piorar com esforço físico, agitação e altas temperaturas. Por se tratar de uma doença autoimune, permite que ocorram juntamente à ela outras doenças de mesmo gênero.
Na neonatal o feto não é afetado enquanto está na placenta, a doença o atinge apenas nahora do nascimento. O recém-nascido pode ter dificuldade em respirar e deglutir, e estes sintomas podem durar de dias a semana,



Diagnóstico

É feito utilizando-se o histórico médico do paciente e pelos seus sintomas físicos, principalmente quando estes acometem os músculos faciais. Para confirmar a suspeita da enfermidade, usa-se uma injeção de prostigmina, queaumenta a quantidade de acetilcolina no organismo, fortalecendo a musculatura por um certo tempo.
Uma vez diagnosticada a doença, deve-se estudar a ocorrência de outras doenças de mesma natureza que puderam agravar os sintomas da mesma. Para isso é recomendada uma tomografia computadorizada para verificar o aumento do timo e realizar a cirurgia se necessário.Tratamento
Ainda não se tem cura para a miastenia grave, mas é feito uso de medicamentos colinesterases, que agem na junção neuromuscular, e drogas imunossupressoras, que são capazes de aumentar as contrações musculares. São recursos que conseguem controlar a doença, e o uso é geralmente pro resto vida.
Outro exemplo de medicamento utilizado éMestinon, que é usado no tratamento de miastenia grave, seu uso é via oral, seu efeito é prolongado e provoca poucos distúrbios gastrintestinais, formando alívio sintomático mais sustentado, geralmente á noite.
Existem também as terapias complementares: atividades físicas, fisioterapias, hidroterapia ou terapia ocupacional, que ajudam na adaptação das tarefas do dia a dia e na manutenção da...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Miastenia Gravis
  • Miastenia Gravis
  • Miastenia Gravis
  • miastenia gravis
  • Miastenia gravis
  • Miastenia gravis
  • Miastenia Gravis
  • Miastenia Gravis

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!