MENINGITE - TRATAMENTO EM PISCINA TERAPÊUTICA

Páginas: 23 (5638 palavras) Publicado: 7 de abril de 2014
1. INTRODUÇÃO

Desde os tempos remotos, a hidroterapia tem sido utilizada como recurso para tratar doenças reumáticas, ortopédicas e neurológicas; entretanto, só recentemente é que essa tem se tornado alvo de estudos científicos. As propriedades físicas da água, somadas aos exercícios, podem cumprir com a maioria dos objetivos físicos propostos num programa de reabilitação. O meio aquático éconsiderado seguro e eficaz na reabilitação, pois a água atua simultaneamente nas desordens musculoesqueléticas e melhora o equilíbrio.1,2
Através dos conhecimentos de hidroterapia, inseridos no conjunto de conhecimentos fisioterapêuticos, o fisioterapeuta pode compreender os benefícios, os limites e as contra indicações do tratamento no meio aquático.3
Os efeitos fisiológicos dos exercícios,combinados com aqueles que são causados pelo calor da água, são uma das vantagens da atividade nesse meio. Não há diferença entre adultos e crianças quando se trata de imersão na água, em relação à temperatura do corpo, intensidade dos exercícios, variando conforme o tamanho do paciente.4
Quase todos os efeitos biológicos da imersão es­tão relacionados com os princípios da hidrodinâmica etermodinâmica, dentre eles destacam-se a densidade, pressão hidrostática, flutuabilidade, viscosidade e tem­peratura da água.5,6
Os efeitos da água podem atuar das seguintes formar:
Sistema cardiorespiratório: Durante a imersão, a água exerce pressão sobre o corpo. Um efeito importante desse aumento de pressão acontece no sistema de retorno venoso, que é sensível a diferenças de pressão externa.7Sistema musculoesquelético: A transferência de calor quando da imersão em temperaturas acima da termoneutra (37°C) podem ocasionar vasodilatação e aumentar o fluxo sanguíneo muscular. O auxílio da flutuação diminui a sobrecarga articular e favorece uma atuação equilibrada dos músculos, proporcionando um ambiente de fácil movimentação e que pode potencializar a realização de exercícios que nãoseriam possíveis em solo, principalmente em indivíduos com limitações de força e movimento.3
Sistema renal: Há um aumento do fluxo sanguíneo renal, que ocasiona aumento da liberação de creatinina. Ainda, a distensão atrial esquerda diminui a atuação simpática no sistema renal, o que aumenta o transporte de sódio tubular.8
Sistema neurológico: Os efeitos da água parecem influenciar os níveis dedor, por um mecanismo de redução de sensibilidade das terminações nervosas livres. Becker & Cole8 sugerem que os efeitos da imersão podem causar um extravasamento sensorial, dado pela temperatura, atrito e pressão, o qual pode aumentar o limiar da dor. Além disso, há um efeito de relaxamento do tônus muscular, que pode ser devido à vasodilatação e diminuição da sobrecarga corporal, benéfico nos casosde espasticidade ou tensão muscular exacerbada, como conseqüência de problemas de ordem ocupacional, por exemplo.3
O termo meningite expressa a ocorrência de um processo inflamatório das meninges, membranas que envolvem o cérebro.9 São em número de três: a mais interna, aderente ao sistema nervoso central acompanhando suas circunvoluções, é a pia-máter; a intermediária, a aracnóide; e a externa,sendo esta a mais espessa e resistente, a dura-máter. Essas membranas servem de sustentação e proteção ao sistema nervoso central, o mais nobre do organismo por exercer funções vitais. Entre a pia e a aracnóide existe um espaço chamado subaracnóideo, que contém o líquor ou líquido cefalorraquidiano. A função deste líquido é servir de “amortecedor” contra choques e também eliminar metabólitos dosistema nervoso central. Quando ocorre a Meningite, além das membranas, o espaço e o líquor também são acometidos. Normalmente, o líquor é estéril e sofre alterações de sua composição quando infectado, fator importante no diagnóstico laboratorial das Meningites. 10


Cérebro com meningite
(Fonte: SISTEMA NERVOSO, 2007)

Por muitos anos não se conhecia o agente etiológico da doença. Somente...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Tratamento de Piscinas
  • Tratamento de piscina
  • escoliose e piscina terapêutica
  • HIDROTERAPIA E PISCINA TERAPEUTICA
  • Tratamento químico em piscinas
  • Tratamento de artrode na piscina
  • tratamento de água de piscina
  • Tratamento de agua de piscinas

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!