Memorial da Imigração Japonesa

Páginas: 7 (1736 palavras) Publicado: 1 de dezembro de 2014


Memorial da Imigração Japonesa
Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo


Figura 1 - Fotografia Memorial

Grupo:Bianca Name
Eduarda QueirozMariana Ferreira
Gabriel MuzziProfessores: Roccio e Sérgio.



O Japão e a Imigração
No ano de 2008, comemoramos, aqui no Brasil, 100 anos da imigração japonesa. Foi em 18 de junho de 1908, que chegou ao porto de Santos o Kasato Maru, navio que trouxe 165 famílias de japoneses. A grande parte destes imigrantes era formada porcamponeses de regiões pobres do norte e sul do Japão, que vieram trabalhar nas prósperas fazendas de café do oeste do estado de São Paulo. No começo do século XX, o Brasil precisava de mão-de-obra estrangeira para as lavouras de café, enquanto o Japão, passava por um período de grande crescimento populacional. A economia nipônica não conseguia gerar os empregos necessários para toda população,então, para suprir as necessidades de ambos países, foi selado um acordo imigratório entre os governos brasileiro e japonês. 
Nos primeiros dez anos da imigração, aproximadamente quinze mil japoneses chegaram ao Brasil. Este número aumentou muito com o início da Primeira Guerra Mundial (1914-1918). Pesquisas indicam que de 1918 até 1940, aproximadamente 160 mil japoneses vieram morar em terrasbrasileiras. A maioria dos imigrantes preferiam o estado de São Paulo, pois nesta região já estavam formados bairros e até mesmo colônias com um grande número de japoneses. Porém, algumas famílias espalharam-se para outros cantos do Brasil como, por exemplo, agricultura no norte do Paraná, produção de borracha na Amazônia, plantações de pimenta no Pará, entre outras.
Atualmente, o Brasil é opaís com a maior quantidade de japoneses fora do Japão. Plenamente integrados à cultura brasileira, contribuem com o crescimento econômico e desenvolvimento cultural de nosso país. Os japoneses trouxeram, junto com a vontade de trabalhar, sua arte, costumes, língua, crenças e conhecimentos que contribuíram muito para o nosso país.



Figura 2 - Primeiro navio Japonês a chegar no Brasil (KasatoMatu)






Memorial da Imigração Japonesa em Belo Horizonte
É uma homenagem a amizade e pacificação que existe entre os estados de Minas Gerais e o Japão, unidos por traços culturais, parcerias comerciais e tecnológicas, apesar da distância que os separa.
Projetado por Gustavo Penna e Mariza Machado Coelho o Memorial da Imigração Japonesa no Brasil, foi inaugurado em maio de2009, no parque ecológico promotor Francisco Lins do Rego, que fica na região da Pampulha, em Belo Horizonte. Paulo Pederneiras, diretor artístico da companhia de dança Grupo Corpo, associou-se a eles e trouxe ainda mais plasticidade à intervenção.
A proposta da Usiminas de implantar o memorial em meio a uma área verde levou em consideração a ligação atávica da cultura japonesa com a...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Memorial da Imigração Japonesa
  • Imigração Japonesa
  • Imigração japonesa
  • imigração japonesa
  • imigração japonesa
  • Imigração Japonesa
  • Imigração Japonesa para o Brasil
  • Imigração Japonesa no Brasil

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!