melanie klein

Páginas: 6 (1453 palavras) Publicado: 23 de setembro de 2014
1) Tinha uma família judia, onde a representação de mãe sempre é o mastro central da preservação da família, uma mãe com personalidade tirana possessiva e destruidora, ela era a filha mais nova tinha 2 irmãs e 1 irmão, ou seja ela tinha muita gente pra superar em relação a irmãos, da onde vem as noções de ciúmes.
Teve o incentivo do seu analista KARL ABRAHAM para entrar no mundo dapsicanalise, faz analise de seus 3 filhos, em especial do ultimo que tem um desenvolvimento intelectual lento, sem interesse, (inibição intelectual), não tem a curiosidade saber de onde vem. (as pessoas desenvolvem habilidades quando se empenham integralmente em adquirir conhecimento ). Principio do fogo, sua função é ajudar as pessoas a aprender e não ensinar a elas.
Descobriu situações de importânciaprimordial durante os primeiros meses de desenvolvimento, onde as fantasias determinam a formação da personalidade.
Após o termino do casamento muda-se para Berlim para poder clinicar, começa com seus pacientes adultos trazendo seus filhos, o atendimento de crianças muito pequenas exigia modificações técnicas, mas não diferencia do tratamento psicanalítico de adultos, a libertação da vidafantasmática ocorre principalmente através da atividade lúdica, a partir do momento em que ela se torna capaz de estabelecer uma relação entre seus desejos e fantasias e a realidade é estabelecido o principio da realidade (ego).
Em 1930, com a morte de seu filho, realiza um grande trabalho sobre os estados depressivos, somando ainda com a oposição de sua filha Melita ao seu trabalho, escreve uma obraimportante para colaboração dos estados maníaco depressivo.
Contribuição a psicanálise : culpa e repressão inveja e gratidão.

2) explique o que MK ensina sobre as posições?
As relações de objetos começam desde o nascimento, essas relações envolvem fantasias, ansiedades e defesas do bebe. As relações com os obj estão no centro mda vida emocional, amor, ódio, fantasia, ansiedade.
Fantasiasfilogenéticas – vem nas gerações, angustias genéticas. (a fantasia é uma expressão psíquica do instinto)
Resistência – sinônimo de defesa contra a compreensão interna (insight)
Angustia, que vem da origem.
Por toda a vida oscilamos entre as ansiedades primitivas e as posições elaborativas destas ansiedades, com isso MK nos ensinou que a tristeza não só não é uma doença como é absolutamente necessáriano desenvolvimento emocional de todos nós.
Nascemos com a ansiedade e vamos aprendendo a conviver com ela, isso vem da relação de seio bom, que tem alimento e satisfaz na hora e seio mal, que não tem alimento e não vem na hora, criando ansiedade, por não satisfazer o desejo da criança. Como esse objeto parcial de desejo tem uma imagem ruim, cria-se uma imagem persecutória. O conjunto deansiedades persecutórias são uma defesa chamada de posição esquizoparanoide. O termo seio bom e seio mal descrevem um objeto parcial arcaico de fantasia do eu qualificado pelo principio do prazer, estes objetos estão relacionados ao desenvolvimento psicossexual do sujeito.
Com o tempo o bebe descobre sua separação da mãe, e o mesmo objeto que é bom também é o seio mau. São dois em um, e ele teme entãoem perder o seio bom, essa é a posição depressiva. Com o tempo essas tensões vão diminuindo e o bebe vai aprendendo a liberar essa energia de ansiedade.
A base da construção da subjetividade na infância é criada pela observação do mundo externo, para se criar o mundo interno, fase de estruturação da pessoa, onde se valoriza o brincar como uma forma de permitir o desenvolvimento dos sintomas e daproblemática da criança.
Melanie analisava seus filhos, observando-os brincar (interação com o ambiente e o produto da sua construção interna).
Deixar a criança livre para ela se expressar em suas fantasias reprimidas no inconsciente e quando o brincar se da de forma bizarra ou ele não aparece é sinal de que há alguma psicopatologia.
Nas transferências as situações com os obj iniciais são...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Melanie Klein
  • Melanie Klein
  • Melanie Klein
  • melanie klein
  • Melanie klein.
  • Melanie klein
  • Melanie Klein
  • Melanie klein

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!